Notícias

NFL

Defesas de Bears e Cowboys podem carregar suas equipes até ao Super Bowl?

Seattle Seahawks v Chicago Bears

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Defesas ganham títulos?

A temporada regular da NFL está pegando fogo. Desde jogos com ataques poderosos e que pontuam muito, bem como as defesas que forçam turnovers e garantem vitórias. Há algumas semanas atrás, tivemos uma partida épica entre Los Angeles Rams e Kansas City Chiefs, onde ocorreu uma farra de pontos com ataques pra lá de criativos e assim forçando as defesas a apenas forçar turnovers que virassem em pontos e assim a possibilidade de vitória poderia ser maior.

No entanto, nas duas últimas semanas, duas defesas em especial se mostraram com um poderio e tanto que conseguiram parar nada mais nada menos do que dois dos três dos melhores ataques da NFL, Los Angeles Rams e New Orleans Saints. Estou falando das atuações dominantes das defesas de Dallas Cowboys e Chicago Bears que se mostraram e muito eficientes contra os ataques liderados por Drew Brees e Jared Goff, ao ponto dessas franquias até então desacreditadas, de vencerem contenders e postulantes ao Super Bowl LIII.

Cowboys dotrinou contra os Saints

Vamos analisar primeiro o que a defesa do Cowboys fez com o ataque maravilhoso do Saints. Naquela partida, os Cowboys só cederam apenas 10 pontos em pouco mais de 60 minutos de jogo. Nesse jogo, Brees que tem média altíssima de jardas, só contribuiu para 127 jardas, um touchdown e uma interceptação.

O running back Alvim Kamara, só produziu para 36 jardas e não anotou nenhum touchdown. Já wide receiver Michael Thomas, teve apenas 40 jardas recebidas e também não fez touchdown. Os números em si são impressionantes da defesa do Cowboys que literalmente parou o Saints.

Com jogadores novos e de talento incrível, o Cowboys vem construindo uma defesa dominante, com boas escolhas do Draft. A dupla de inside linerbacks, Jaylon Smith e o calouro Leighton Vander Esch, são um bom exemplo disso e estão jogando o fino, com números impressionantes.

 

Foto: Cowboyswire/USA Today

 

Ambos já combinaram para 177 tackles, com duas interceptações de Esch e dois fumbles forçados de Smith. Já a secundária vem tendo boas atuações. O quarteto, Jeff Heath, Byron Jones, Chidobe Azuwie e Anthony Brown já combinaram para mais de 215 tackles, dois sacks, duas interceptações, e três fumbles forçados.

Ou seja, números de uma defesa dominante que pode aprontar nos playoffs e porque não chegar ao Super Bowl. Se a defesa do Cowboys conseguiu ter dominância incrível a um ataque criativo, pode sim repetir uma atuação memorável e assim ser marcado por uma equipe com uma defesa que carregou o time a um Super Bowl, algo que já aconteceu na NFL.

Contudo, além do Cowboys, outra defesa dominante e que deu grandes indícios de parar um ataque poderoso é a do Bears. Em jogo de Sunday Night Football, o time de Kalil Mack conseguiu um feito e tanto, a de parar o ataque talentoso de Jared Goff e Todd Gurley no seu comando.

Bears fez melhor performance defensiva na temporada contra os Rams

No jogo, a defesa do Bears só cedeu incríveis seis pontos aos Rams. Jared Goff foi muito pressionado ao ponto de produzir apenas 180 jardas, em 20 de 44 passes tentados e acumulou nada menos que quatro interceptações. Já Gurley, quase não tocou na bola, tendo 11 tentativas para apenas 28 jardas.

E essa produção absurda da defesa do Bears se deve a uma ótima aquisição feita na offseason, quando fez uma troca com Oakland Raiders e trouxe Kalil Mack. O pass rush já tem 10 sacks, 36 tackles combinados, uma interceptação, um fumble, quatro passes desviados e um touchdown.

Foto: Bearswire/USA Today

 

 

Além disso, Mack conta com outros excelentes jogadores que fazem a diferença na defesa. Quatro podem ser facilmente destacados, a dos inside linerbackers, Danny Trevathan e o calouro Roquan Smith, a do safety Eddie Jackson e do cornerback Prince Amukamara. O quarteto até aqui contribuiu 286 tackles combinados, sete sacks, 10 interceptações, cinco fumbles e três touchdowns retornados.

Com números tão impressionantes, a defesa do Bears bem como a do Cowboys pode sim carregar o time nos playoffs e porque não debutar em um Super Bowl. Para isso, basta manterem seus desempenhos, pois com talento e com jogadores playmakers, aqueles que são capazes de decidir jogos, fazem com que tanto Cowboys quando Bears sonharem alto. A última vez em que uma defesa foi dominante como essas foi a do Denver Broncos.

Essa mesma chegou no Super Bowl 50 e encarou o Carolina Panthers que tinha uma ataque e tanto naquela temporada. Mesmo assim, defesa liderada até hoje por Von Miller, conseguiu ter uma atuação memorável e assim deu mais um titulo ao time do Colorado. Ou seja, a velha máxima dita por Michael Jordan pode ser facilmente aplicada em qualquer esporte coletivo, ataques ganham jogos, defesas ganham campeonatos.

 

Igor Castro (63 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta