Notícias

NFL

Com remotas chances de playoffs e sem Cam Newton, Carolina Panthers recebe o Atlanta Falcons

devonta-freeman-91b838b4018c8de4

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O Carolina Panthers (6-8) recebe o Atlanta Falcons (5-9) no Bank of America Stadium em uma grande rivalidade na NFC South, mas com apenas os Panthers sonhando com a pós-temporada

Duas vitórias e uma insana combinação de resultados. O Carolina Panthers vive uma reta final de temporada bem diferente do planejado e agora não contará mais com o seu quarterback titular, já que Cam Newton ficará inativo para cuidar de uma lesão no ombro, que estava incomodando nas últimas partidas.

Em seu lugar, o jovem Taylor Heinicke, de 25 anos e que ainda não iniciou uma partida como titular em seus quatro anos como jogador profissional, será o substituto que terá o desafio de liderar os Panthers à uma classificação improvável. Heinicke deu exatos cinco passes na carreira, sendo um com a camisa do Houston Texans na temporada 2016/17, após ser draftado pelo Minnesota Vikings em 2015, depois do bom desempenho na Old Dominnion Monarchs Football, time de futebol americano universitário da Old Dominnion University, localizada na cidade de Norfolk, Virginia.

Aliás, Heinicke foi bastante elogiado pelo RB Christian McCaffrey, onde o principal destaque ofensivo da equipe na temporada o definiu como “um quarterback extremamente talentoso”. Já o Head Coach Ron Rivera, que está bastante pressionado no cargo, disse estar bastante ansioso para ver como o jovem QB aproveitar a oportunidade em um jogo de bastante rivalidade contra os Falcons.

Para buscar os playoffs, a missão será indigesta e passa por dois arquirrivais. Começa por vencer o Atlanta Falcons no duelo válido pela NFC South no próximo domingo, às 16h, e na derradeira Semana 17, vencer o New Orleans Saints, no Super Dome. Como se não bastasse vencer os dois últimos compromissos da temporada, ainda precisa torcer para o Philadelphia Eagles e o Washington Redskins conseguirem no máximo uma vitória nos dois últimos jogos (PHI – Houston Texans -casa- e Washington Redskins -fora- / WAS – Tennessee Titans -fora- e Eagles -casa-) e para o Minnesota Vikings (Detroit Lions -fora- e Chicago Bears -casa-) e o Seattle Seahawks (Kansas City Chiefs e Arizona Cardinals -ambos em casa-) perderem seus dois últimos jogos. Extremamente difícil e improvável, mas nada é impossível no mundo da NFL.

O duelo também promete um confronto interessante entre o QB de Atlanta, Matt Ryan, terceiro com mais jardas aéreas na temporada (4.307) contra o linebacker dos Panthers, Luke Kuechly, terceiro defensor com mais tackles na temporada (124).

Pelo lado de Atlanta, sem chances de avançar para os playoffs, valerá a pena mais uma vez assistir dois grandes jogadores desse time que acabaram decepcionando nessa temporada: O WR Julio Jones, que lidera a liga em jardas recebidas na temporada (1.511), vem de um jogo de 82 jardas em seis recepções e 1 TD na vitória sobre o Arizona Cardinals na última semana (40-14) e o strong-safety segundo-anista Demontae Kazee, o quarto jogador com mais interceptações na temporada (6), mas que passou em branco nas últimas três partidas.

Jogando no palco do Super Bowl LIII, Mercedes-Benz Stadium, os Falcons venceram os Panthers na Semana 2, por 31-24. Se a eliminação é impossível de reverter, ainda há a chance de acabar com as esperanças do rival de sonhar com a pós-temporada e garantir duas vitórias nos dois confrontos entre as duas equipes.

 

Esportes Mais

Felipe Henriques (4 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta