Notícias

Sem categoria

Com boa atuação, Bauru Basket vence o Corinthians no Panela de Pressão

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Foto: Victor Lira/Bauru Basket

Coletivo funciona e Bauru Basket vence o Corinthians por 92 a 81, em duelo válido pelo NBB

Na noite desta quinta-feira (07), Bauru Basket e Corinthians mediram forças no Ginásio Panela de Pressão, no interior de São Paulo, em duelo válido pelo NBB.

Com parciais de 26 a 23, 22 a 24, 28 a 18 e 16 a 16, o Dragão venceu por 92 a 81, contando com um ótimo jogo coletivo. Fúlvio com 17 pontos, Alex e Lucas Mariano com 16 foram os cestinhas pelo time Bauruense. O Brabo ainda somou 20 pontos de eficiência na noite. Pelo lado visitante, Fuller foi o cestinha com 21 (do jogo também), além de somar 23 pontos de eficiência.

O Bauru volta à quadra na próxima terça-feira (12), às 20h, no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro. Já o Timão visita o São José apenas no dia 19, às 20h, no Ginásio Linneu de Moura.

O jogo

Em um momento raro na temporada, a equipe do Bauru iniciou um jogo com os seus cinco titulares de fato, e tudo parecia que ia fluir bem, pois em pouco mais de dois minutos jogados o placar já apontava 12 a 2 para os donos da casa.

Porém, a famosa lei do ex estava presente no ginásio com Shilton, que anotou cinco pontos na sequência e diminui, 12 a 8. O ataque bauruense parou de pontuar, e o Timão que não tinha nada a ver com isso passou na frente pela primeira vez, 12 a 14.

Os minutos seguintes foram marcados pelo equilíbrio, com Larry guiando o Dragão e Fuller o Timão. O período terminou em 26 a 23 para os donos da casa.

Assim como o primeiro, o segundo período seguiu sendo marcado pelo equilíbrio, e com um detalhe para o show à parte de ambas as torcidas no Panela de Pressão, 35 a 35.

Faltando 2:30 para o termino do período, os visitantes conseguiram pela primeira vez abrir uma pequena vantagem no jogo, 38 a 42, contando com o experiente Giovannoni pontuando bem no ataque.

O equilíbrio e tensão seguiu até o último segundo do período, onde no estourar do relógio, Larry colocou o Bauru na frente, 48 a 47.

WhatsApp Image 2019-03-07 at 21.45.42
Foto: Victor Lira/Bauru Basket

O início do terceiro período foi igualmente equilibrado, porém, com os dois times cometendo diversos erros ofensivos e sem pontuar por 1:30. Parodi com dois lances livres e Lucas Mariano, no tapinha, converteram os primeiros pontos, 50 a 49.

Larry sentiu e deixou a quadra direto para os vestiários, e na sequência, o Timão chegou a passar à frente no marcador por um ponto, mas com uma linda jogada de três de Lucas Mariano e outra individual de Alex, os donos da casa retomaram, 55 a 51.

Restando 5:22 no cronometro e com o placar em 57 a 54, foi a vez do Corinthians perder um atleta lesionado, o jogador Humberto.

O tempo foi passando e a noite parecia mesmo de Lucas Mariano, que com bom poder ofensivo e ainda bem na defesa, ajudou o Dragão a abrir vantagem, 64 a 58. Porém, a arbitragem marcou uma falta técnica do pivô bauruense, revoltando os torcedores e o banco de reservas imediatamente, 64 a 61.

Quando tudo se encaminhava para um melhor momento psicológico do time visitante, Alex Garcia entrou em ação, dando uma aula na defesa e ainda guiando o time ofensivamente. O período terminou em 28 a 18 para Bauru, 76 a 65 no placar.

O último quarto começou animado e com a vantagem bauruense subindo, 83 a 68. Os minutos seguintes foram marcados por erros, e quem aproveitou foi o timão, 83 a 73.

Faltando pouco mais de quatro minutos para o final do jogo, o Ginásio foi à loucura com o retorno de Larry. O curioso é que Humberto, do Corinthians, que também tinha deixado o jogo por lesão também retornou.

Os visitantes até tentaram encostar no marcador, mais uma vez com Fuller comandando as ações, mas a noite era mesmo do Dragão, e o jogo terminou em 92 a 81.

 

 

Wesley Contiero (988 Posts)

Jornalista, 24 anos, natural de Lins, Interior de São Paulo.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta