Notícias

Futebol Internacional

Nacional vence novamente Chapecoense e avança na Libertadores

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Nacional avança e enfrentará o Banfield por uma vaga no grupo do Santos.

Nacional está na terceira fase prévia da Libertadores. Jogando no Parque Central, a equipe uruguaia derrotou novamente a Chapecoense por 1 a 0, com gol de Santiago Romero ainda no primeiro tempo. Com a vitória, os tricolores avançam para a terceira fase e enfrentarão o Banfield da Argentina por uma vaga na fase de grupos da Libertadores.

O ARTILHEIRO (IM)PROVÁVEL

Santiago Romero não é centroavante. Nem mesmo é atacante ou meia ofensivo. Trata-se de um volante forte na marcação, mas que se destaca por chegar no ataque como elemento surpresa. Foi assim em Chapecó, quando apareceu quase na pequena área e completou o passe atrás de Zunino. Foi assim no sábado, quando fez um golaço de fora da área contra o Torque pelo torneio local. E ontem não foi diferente: Romero aproveitou uma bola disputada na área por Sebastián Fernandez e completou por cima do goleiro Jandrey para marcar o gol da vitória do Nacional. Mais uma vez, o volante foi o artilheiro de uma equipe que mostra dificuldades para finalizar, mas que aproveita bem as chances que gera.

UMA PROMESSA QUE COMEÇA A VIRAR REALIDADE

Christian Oliva foi a grande surpresa da escalação do Medina no jogo em Chapecó. Fez um jogo seguro e garantiu a vaga como titular para o jogo da volta. Ontem, Oliva começou repetindo a atuação do jogo da ida, mas com o passar do jogo foi se soltando e se transformou no melhor jogador em campo. Marcou bem, não errou passes, e de quebra foi importante no ataque, inclusive finalizando de fora da área e levando perigo ao gol da equipe brasileira. Não deverá sair da equipe titular.

CHAPECOENSE PECA NA CRIAÇÃO DE JOGO E NÃO GERA PERIGO

A equipe da Chapecoense precisava da vitória para avançar na Libertadores. E saiu com tudo tentando abrir o marcador. Contudo, não conseguiu criar chances claras de gol, com exceção de uma cabeçada perigosa ainda no primeiro tempo. Faltou à equipe brasileira um jogador de articulação, fazendo com que a Chape abusasse dos lançamentos longos que eram facilmente rebatidos pelos altos zagueiros uruguaios. Nem mesmo as entradas de Nadson e Alan Ruschel conseguiram mudar o panorama e os catarinenses deram adeus à Libertadores.

NACIONAL PEDE DESCULPAS E AGUARDA JULGAMENTO PARA CONFIRMAR A VAGA

Após o patético episódio dos dois torcedores que debocharam da tragédia sofrida pela Chapecoense em 2016, a torcida do Nacional fez questão de mostrar que os indivíduos não representam a postura do clube. Primeiro, com um cartaz com a inscrição “Perdão Chapecoense, dois não nos representam”. Em seguida, com uma calorosa recepção quando os jogadores da equipe visitante entraram em campo.

Nacional aguarda o julgamento da CONMEBOL que acontecerá ainda hoje. A equipe brasileira tinha solicitado a exclusão do clube uruguaio da competição, mas a tendência é que o Nacional seja punido com uma pesada multa e a proibição de torcida nos jogos fora de casa.

FICHA TÉCNICA: NACIONAL 1×0 CHAPECOENSE

Estádio: Gran Parque Central.

Árbitros: Mario Díaz de Vibar, Eduardo Cardozo e Juan Zorrilla (Paraguai).

GOL: 6′ Santiago Romero (N).

Cartões Amarelos: 15′ Matías Zunino (N), 17′ Apodi (C), 22′ Carlos De Pena (N), 28′ Arthur Caike (C), 45′ Moisés Ribeiro (C), 64′ Alvaro González (N), 72′ Amaral (C), 90′ Leandro Barcia (N).

NACIONAL: Esteban Conde; Alvaro González, Guzmán Corujo, Diego Arismendi, Jorge Fucile; Santiago Romero, Christian Oliva, Matías Zunino, Tabaré Viudez (70′ Leandro Barcia), Carlos De Pena; Sebastián Fernández (76′ Gonzalo Bergessio).  Técnico: Alexander Medina. Reservas: Luis Mejía, Rodrigo Erramuspe, Matías Viña, Luis Aguiar, Gonzalo Bueno.

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Douglas, Fabricio Bruno, Bruno Pacheco; Amaral, Moisés Ribeiro (59′ Bruno Silva), Marcio Araújo (81′ Alan Ruschel), Guilherme; Wellington Paulista (70′ Nadson), Arthur Caike. Técnico: Gilson Kleina. Reservas: Elías, Nery, Freitas, Lucas Mineiro.

Veja o gol de Romero

nico.bianchi.sica (52 Posts)

Professor de História pós graduado em Jornalismo Esportivo. Uruguaio, torcedor fanático da "Celeste" e do Nacional.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta