Notícias

Futebol Internacional

Wenger admite ter tido a oportunidade de contratar Messi em 2003

Wenger

Em entrevista, Wenger revela frustração por não ter assinado com craque argentino

Em entrevista ao BeIN Sports, o técnico Arsène Wenger revelou ter dito a oportunidade de contratar Lionel Messi em 2003, quando o jogador ainda estava nas categorias de base do Barcelona.

Essa oportunidade desperdiçada, segundo o treinador, é um de seus maiores arrependimentos na carreira.

“Na vida, temos que viver com arrependimentos, com negociações fracassadas e uma deles foi Messi . Quando assinamos com Cesc Fàbregas, em 2003, conversamos com Léo Messi. Naquela época, quando estávamos no nível do Barcelona, ​​poderíamos construir equipes jovens fortes com bons jogadores”, explicou o treinador francês.

Messi e Wenger já se enfrentaram algumas vezes pela Champions League (Foto: Reuters)

Agora, o técnico admite que não é mais possível formar um time tão forte quanto poderia ser.

“Com Messi, Piqué e Fàbregas, que se destacaram na época, poderíamos ter formado uma grande equipe. Piqué e Fàbregas vieram para a Inglaterra, mas Messi ficou na Espanha. É verdade que estávamos interessado nele, mas agora ele é um jogador intocável”, revelou Wenger.

Atualmente Arsène segue sem comandar nenhum clube. Depois que deixou o Arsenal, o técnico decidiu não assumir nenhuma equipe. Pelos Gunners, foram 17 títulos conquistados em 22 anos.

Já Lionel Messi segue no Barcelona, onde conquistou todos os títulos coletivos e individuais possíveis. Até agora, o argentino foi campeão do Mundial de Clubes (três vezes), Liga dos Campeões (quatro vezes), Supercopa da Europa (três vezees), La Liga (dez vezes), Copa do Rei (seis vezes) e Supercopa da Espanha (oito vezes). Individualmente, venceu cinco vezes a Bola de Ouro e seis vezes a Chuteira de Ouro. É o jogador que mais vezes venceu os dois prêmios.

Quem marcou o gol mais bonito da rodada?

Deixe uma resposta