Notícias

Futebol Internacional

Tradicional Bolton pode chegar ao fim nesta terça

stream_img

Tradicional e histórico time do Bolton pode chegar ao fim nesta terça-feira (27)

gettyimages-861218290-0

O histórico Bolton Wanderers, clube fundador da liga inglesa e com 73 temporadas disputadas na Premier League, está perto de desaparecer. O prazo para a salvação do clube termina nesta terça-feira pelas 17 horas e não parece haver uma saída otimista. Estamos prestes a acompanhar o adeus definitivo de um clube tão enorme dentro da Inglaterra.

Fundado em 1874, o Bolton fez parte de um grupo de times que em 1888 fundaram a principal liga inglesa e esteve presente por 73 vezes na primeira divisão do país, a última delas na temporada 2001/2002. Atualmente encontra-se na League One (3.º divisão do futebol inglês), onde começou a temporada com 12 pontos negativos na tabela por causa de uma grave crise financeira, o clube passou a dar sucessivos calotes em contratações de atletas e viu outras equipes entrarem na Justiça para receber o dinheiro devido, assim como o Bury, e se não encontrar comprador até esta terça-feira, será expulso da competição e, muito provavelmente, deixará de existir.

skynews-nat-lofthouse-bolton_4428224

O que levou o Bolton a este fim?

Além dos vários calotes, ocorreram outros vexames, como a perda do alvará de funcionamento de estádio e uma greve de jogadores por salários atrasados, um jogo contra o Brentford foi até cancelado, já que o elenco se recusou a entrar em campo enquanto os pagamentos não fossem feitos, o que nunca aconteceu.

Mas o fundo do poço ainda não havia sido alcançado, e, em maio deste ano, o clube entrou em recuperação judicial, por conta de uma dívida de 1,2 milhão de libras (R$ 5,89 milhões) não paga. O clube ainda está proibido de contratar jogadores.

Em 17 de julho, os atletas da equipe divulgaram comunicado dizendo que não recebiam o salário há 20 semanas, que o centro de treinamento não tinha água potável para beber e nem água quente para tomar banho e que o dono do clube, Ken Anderson, sequer dava notícias se estava tomando alguma providência.

macron-stadium-generalboltonnn

Paul Appleton, administrador do Bolton, publicou uma declaração em que explica a não venda do clube e as dificuldades para conseguir tal ação.

“Em 24 horas, o Bolton terá sua permissão de membro da Federação Inglesa revogada. Com a expulsão, serão mais de 150 empregos perdidos e a tristeza de uma comunidade em que o futebol se tornou símbolo de expectativa e esperança”.

Resta saber se até às 17 horas desta terça-feira alguém vai fazer a loucura de comprar o clube e assumir as dívidas, caso o contrário, será o fim do Bolton Wanderers.

 

Deixe uma resposta