Notícias

Sem categoria

Rio de Janeiro e Osasco se enfrentam pela 14ª vez para decidir uma Superliga de volêi

Volei

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Neste domingo, Rio de Janeiro e Osasco na final da Superliga pela 14ª vez nos últimos 16 anos

O Rio de Janeiro tem uma larga vantagem sobre o time paulista e vem empolgado em busca de mais um titulo. A partida única vem sendo adotada desde 2008, e o retrospecto neste tipo de decisão é de 7 a 2 para o Rexona-Sesc diante das demais equipes.

O Rexona/Rio de Janeiro vem em busca do 12º titulo de Superliga, empolgado com a grande  vitória na série sobre o Minas Tênis nas semifinais, em confronto que terminou em 3 a 2 para o time carioca.

O principal destaque do time carioca é a ponteira Gabi, que vem se destacando em mais uma temporada no time carioca. A jogadora mesmo jovem já foi eleita melhor atleta da final do campeonato, e hoje com experiência olímpica quer trazer mais um titulo para o Rexona/Rio de Janeiro.

A experiente libero Fabi, falou sobre a final desse domingo.

“ Rio de Janeiro e Osasco de novo?. Se você acompanha a Superliga, você vê que é difícil. São dois times que temos de reverenciar. Até pela contribuição que os dois times deram ao vôlei, com jogadoras de seleção dos dois lados, times que mantêm investimento, seja em momento favorável ou de crise. Eu acho que isso é louvável. Poder assistir há tantos um clássico que é um dos maiores do vôlei mundial. Eu me sinto uma privilegiada”, disse.

Como Volley Nestlé/Osasco o time atua desde 2009 e de lá pra cá apenas dois títulos, mas ainda é o segundo time mais vitorioso do vôlei brasileiro e está com as facas nos dentes depois de ter destronado o Praia Clube nas semifinais.

Com destaque para a capitã da equipe, a levantadora Dani Lins, experiente e que já jogou pela equipe Carioca, já foi até campeã brasileira pelo Rio de Janeiro, mas agora está em busca de mais um titulo com Osasco.

A jogadora vem inspirada para a partida:

“Eu comentei até com o Sidão que estou tão ansiosa por essa final como se fosse a primeira. “Mas você jogou final olímpica”, ele disse. Mas o frio na barriga antes desse jogo é muito bom. É uma final diferente por tudo o que aconteceu na Superliga. Time com 70% de jogadoras novas, reformulado. Viemos de altos e baixos na Superliga, mas passamos pela semifinal em três jogos. E uma final tensa, né? Rio de Janeiro, time a ser batido. Precisamos de paciência, tranquilidade. Acho que nosso time está assim, tranquilo”, afirmou.

O duelo terá transmissão da TV Globo, Sportv e Rede TV.

Rio de Janeiro e Osasco , Jeunesse Arena

Data e hora: 23 de abril de 2017 – 10hrs

Prováveis equipes titulares:

Rexona/Rio de Janeiro: Monique, Carol, Gabi, Drussyla, Juciely e Roberta (Fabi).

Vôlei Nestlé/Osasco: Paula, Bia, Natalia, Dani Lins, Tandara e Malesevic (Brait)

 

Matheus Silva (499 Posts)

Matheus Silva, natural de Feira de Santana, 19 anos, estudante de administração.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta