Notícias

Outros

Packers e Vikings se enfrentam na primeira semana da NFL

packers v vikings

Green Bay Pakers e Minnesota Vikings duelam na abertura da temporada da NFL

Depois de tanto tempo sem bola oval e com tanta coisa acontecendo ao redor do mundo, devido a pandemia do Covid-19, a NFL em fim terá seu primeiro domingo com vários jogos a serem disputados. E dos mais importantes está o duelo entre rivais da divisão da NFC Norte, entre Minnesota Vikings e Green Bay Packers. A partida acontece no U.S. Bank Stadium sem a presença da torcida, e o kickoff inícial será as 14h com transmissão da ESPN 2.

Como vem o Vikings para a temporada

A offseason do Vikings foi uma das mais movimentadas. O time teve ganhos e perdas, e assim conseguiu manter uma base competitiva para encarar os rivais da NFC Norte. Dos que chegaram, podemos destacar o defensive end, Yannick Ngakoue que venho via troca com o Jacksonville Jaguars, e no Draft tivemos a chegada do wide receiver, Justin Jefferson, considerado um dos melhores da sua posição na temporada do College passado, sendo campeão por LSU.

Já as perdas vieram através do defensive end, Everson Griffen que se tornou free agency e acabou assinando com o Dallas Cowboys por uma temporada. Outra perda considerável, é a do wide recever Stefon Diggs, que foi trocado com o Buffalo Bills, com a pretensão de ser o wide receiver 1, algo que Diggs não se sentia quando estava no Vikings. Com a ausência de Diggs, caberá a Adam Thielen ou até mesmo a Jefferson ser o principal alvo de Kirk Cousins.

Minnesota Vikings adere aos protestos com a presença da Família de George Floyd

Com a ebulição de protestos contra a discriminação racial e violência policial nos Estados Unidos, várias franquias e jogadores estão aderindo aos protestos como forma de demonstrar a insatisfação de todos com tudo que vem acontecendo nos EUA.

E os jogadores do Vikings não tiveram atitude diferente, nesse domingo no duelo contra o Packers, todos os atletas vão estar presentes no momento em uma performance chamada “Lift Every Voice And Sing”, conhecida como hino nacional dos negros nos Estados Unidos.

Esse evento, terá a presença da família de George Floyd, que foi brutalmente assassinado pela polícia e que foi o grande responsável pelo crescimento de protestos e até mesmo movimentos que defendem uma política menos descriminatória e violenta contra os negros nos Estados Unidos.

Jogadores do Vikings se pronunciando e afirmando que vão protestar antes dos jogos contra a injustiça racial e a violência policial. Família de George Floyd estará presente. Foto: Elizabeth Flores/Star Tribune

 

Como vem o Packers para a temporada

Diferente dos Vikings, que teve algumas movimentaçõs importantes, no Packers, a base foi praticamente mantida, tendo algumas chegadas e saidas. As prinicpais saídas ficam por conta do offensive tackle, Bryan Bulaga, que assinou com os Los Angeles Chargers, linebacker Blake Martinez que também se tornou free agency e acabou por assinar com o New York Giants e do campeão do Super Bowl 45, o cornerback Tramon Williams que ainda não assinou com nenhum time, além do corte do tight end Jimmy Graham que assinou com o Chicago Bears.

Com relação as vindas, a mais importante foi a da linebacker Christian Kirksey que venho após algumas temporadas no Cleveland Browns. Kirksey vem para ser o substituto de Martinez, dando até um upgrade na posição, já que se manter saudável, Kirksey se demonstrará um atléta bem melhor que foi Martinez foi em seus quatro anos de Packers. Além de Kirksey, na free agency, chegou o offensive tackle, Rick Wagner que esteve no Lions e vem para substituir Bryan Bulaga. No Draft, três jogadores merecem destaques, o quarterback Jordan Love, o running back AJ Dillon e o tight end/Fullback Josiah Deguara.

A surpreendente escolha de Love e Rodgers querendo dar resposta

Com sérios problemas em seu corpo de recebedores, o Packers não deu novamente a devida atenção. Em uma classe repleta de talentos de wide receivers, o Packers prefiriu dar ênfase a outras posições, surpreendendo com a escolha de um quarterback na primeira rodada, Jordan Love foi uma escolhar para longo prazo, podendo dar resultados somente no futuro.

Aaron Rodgers que é titular da franquia faz mais 10 anos se supreendeu com a escolha, e já nos treinamentos e entrevistas deixou claro que vai procurar dar respostas, tendo uma atuação melhor do que foi na última temporada. Para isso, ele voltou até a analisar vídeos de jogos da memorável temporada em que foi campeão do Super Bowl 45 em 2010/2011. Contudo, Rodgers terá que se encaixar melhor ao esquema do seu head coach Matt LaFleur que deixou claro que o jogo terrestre será mais importante que as jogadas de passes.

 

Ausências e jogadores questionáveis de Packers e Vikings

No Vikings a ausência mais importante do defensive end Danielle Hunter que ficará ao menos três semanas fora de combate. No mais, nenhum outro jogador estará indisponível para o duelo contra o Packers, ao menos é no que consta o último relatório de lesões divulgado por todas as franquias todos os dias antes dos jogos.

No Packers, o linebacker calouro, Kamal Martin, também estará fora de combate por pelo menos cinco semanas, sendo assim, Kirksey não terá um reserva imediato. Além de Martin, outros três jogadores estão praticamente fora da partida contra o Vikings, é o caso do offensive lineman Billy Turner , do linebacker Randy Ramsey e o defensive tackle Montravius Adams. Quem pode ir para o jogo, é o safety/linebacker Raven Greene.

 

Esportes Mais

Facebook

Deixe uma resposta