Notícias

Futebol Brasileiro

Opinião: E o Bahia venceu de novo!

IMG_20190421_183230

Uma tarde em que os dois “Bahias” saíram vencedores

IMG_20190421_183759

Na tarde desse domingo (21) ocorreu a final do Campeonato Baiano de Futebol que foi disputado entre Bahia e Bahia de Feira. O jogo de ida em Feira de Santana havia terminado empatado em 1 a 1 em um final eletrizante, e foi eletrizante também a partida em Salvador.

O jogo

Isso porquê o Bahia de Feira lutou muito durante toda a partida, e mesmo com a inferioridade técnica, não deixou por menos e assustou o Bahia. O Bahia jogava em casa, e sufocou o Tremendão no começo, teve bola na trave, chute pra fora do Gilberto, lances perigosos e o time de Feira chegou com Van e com Jarbas.

No segundo tempo o personagem do dia entrou em campo, o VAR. O VAR que marcou o pênalti de Victor em cima de Ramires. Pênalti convertido por Gilberto que não marcava a 8 jogos.
Mas depois o VAR entrou em ação novamente, após cobrança de falta de Bruninho, Gilberto afastou a bola com o braço, o VAR entrou em a ação marcando o pênalti.
Vitinho bateu o pênalti, e Anderson fez grande defesa.

Mesmo após perder o pênalti, o Bahia de Feira não desistiu, sufocou o Bahia, tentou até o final, porém não conseguiu o gol de empate. Terminando assim a partida em 1 a 0 para o Bahia.

A luta do Tremendão que inspira

IMG_20190421_183655

O Bahia de Feira entrou na partida como azarão, time pequeno, que nem é o preferido da cidade onde é domiciliada, mas que tem um projeto grandioso que culminou na construção do seu CT e do seu estádio próprio. O Bahia de Feira tem um time arrumado, treinado por Barbosinha que é um dos melhores técnicos da Bahia há tempos.

O Bahia de Feira jogou o que muito time de Série B não joga, na partida contra o tricolor da capital. Com muita força, com vontade e sem desistir em nenhum momento. Parou na trave na falta de Cazumba, nas mãos de Anderson após os pênalti. Mas o trabalho que o time fez não deve em nenhum momento ser deixado de lado.

O Tremendão é um dos 4 baianos que disputam a Série D em 2019. E com umas peças a mais, quem sabe pode levar a cidade de Feira de Santana para a Série C do Campeonato Brasileiro.

48 títulos!

A impressionante hegemonia do Bahia no estado só mostra o tamanho desse clube, que pensa em crescer e ser maior que é atualmente. Tentando eximir preconceitos de sua torcida, apoiando causas importante e com um trabalho feito com muito amor.

Tudo isso foi culminado pelo apoio incessante da maior torcida do nordeste que é merecedora de todas as coisas que acontece com essa agremiação, a torcida do Esquadrão é o que o faz grande, é o que levou a mais um título.

Deixe uma resposta