Notícias

Futebol Brasileiro

Opinião: Bahia é displicente, indisciplinado e sem garra

Bahia joga mal novamente, Dado não conseguiu mudar nada (ainda)

A estreia de Dado Cavalcanti como treinador do Bahia não teve um roteiro diferente das atuações com Roger Machado e Mano Menezes. Um time sem garra, sem brio, indisciplinado e sem qualidade técnica que mais uma vez foi derrotado no Campeonato Brasileiro.

O problema do Bahia nunca foi “somente” treinador, mas sim, as peças, o planejamento e a insistência em jogadores que estão mal. O Bahia é a pior defesa do campeonato, com 18 gols tomados nos últimos 6 jogos disputados. A equipe tricolor não tem nada, não sabe atacar, não sabe defender e não tem garra pra mudar essa situação.

A insistência em jogadores ruins e indisciplinados como Clayson e Rossi. Jogadores que não mostraram nada desde quando chegou, como Gabriel Novaes e Alesson. Jogadores em baixa a muito tempo como Juninho, Capixaba e Nino. E o mau uso dos jogadores jovens, por que Fessin, Marco Antônio e jogadores do sub-20 são tão pouco usados.

Um time que está na final da Copa do Brasil sub-20, não consegue consertar seu erros de campo através de peças vindo da base. Pra quê gastar 8 milhões com a base por ano se não usar. Tem de fazer algo diferente, inovar, parar de insistir nos mesmos erros. Tira jogador indisciplinado de campo, pune, mas não deixa a mesma situação.

O time é ruim, não presta, é fadado ao fracasso. O planejamento feito foi péssimo, o investimento foi feito em jogadores ruins como Wanderson e Clayson. E há desculpas esfarrapadas para não se investir em jovens. É muito amadorismo para pouco time.

Salários em dia, CT novo, maior orçamento da história, expectativa de maiores receitas da história. Tudo isso foi por água abaixo. O Esporte Clube Bahia não sabe jogar futebol.

Esportes Mais

Facebook

Deixe uma resposta