Notícias

Futebol Brasileiro

Líder isolado, Cruzeiro duela em clássico contra o América-MG

Cruzeiro-x-América-MG-oeebsli0tdcigrniyc5ttlyqxxe89qy9nna6bff77g

Com um jogo a menos, Cruzeiro tem pela frente o Coelho, terceiro colocado na tabela do Estadual e com 2 pontos atrás da Raposa

Na tarde deste domingo (09), a equipe do Cruzeiro Esporte Clube recebe o América-MG às 16h, horário de Brasília, no Estádio Governador Magalhães Pinto “Mineirão”, em duelo válido pela quinta rodada do Campeonato Mineiro de 2020.

Cruzeiro x América-MG: classificação no Estadual

A Raposa é o líder do Estadual com 9 pontos ganhos e com um jogo a menos, vem de vitória sensacional, de virada e de superação contra o Tupynambás por 4 a 2, jogando fora de casa no Estádio Municipal de Juiz de Fora, depois de estar perdendo por 2 a 0 no primeiro tempo. Com este resultado o Cruzeiro subiu duas posições na tabela assumindo a liderança isolada.

Já o Coelho é o terceiro colocado com 7 pontos conquistados e também com um jogo a menos, a terceira rodada foi adiada por causa das chuvas em Belo Horizonte e adjacências. Vem de vitória maiúscula contra o Uberlândia por 3 a 0 jogando em casa no Estádio Independência, triunfo que fez o América-MG subir duas posições na tabela do Campeonato Mineiro.

Cruzeiro tem todos os jogadores à disposição

O treinador Adilson Batista não tem nenhum problema em escalar a sua equipe, pelo contrário, a sua incógnita é quem entra e quem sai. Todos estrearam contra o Tupynambás, só resta o centroavante Vinicius Popó fazer sua estréia. Cotado como titular no inicio da pré-temporada, jogador acabou ficando de fora dos primeiros jogos por motivo de saúde.

Vinicius Popó treinou normalmente no jogo-treino contra o Democrata de Sete Lagoas, inclusive marcando dois gols. Adilson Batista que vem implantando um “ambiente muito saudável” no Cruzeiro, falou sobre as oportunidades e chances de cada um, além de nomear representantes entre os jogadores mais experientes, os recém chegados e os meninos da base.

– Tenho tentado dar chance a todos os jogadores, inclusive dei chance ao Arthur, que é um bom jogador. Minha intenção é que todos participem, no momento certo e oportuno. Daqui a pouco o Popó também terá sua chance. Eu quero um ambiente muito saudável dentro do clube, de respeito, harmonia, dedicação e seriedade. Então é isso que é nossa intenção.

Felipe Machado, Jhonata Robert e Roberson (com Judivan): caras novas no Cruzeiro — Foto: Fernando Priamo/Light Press

Felipe Machado, Jhonata Robert e Roberson (com Judivan): caras novas no Cruzeiro — Foto: Fernando Priamo/Light Press

– Gostei do comportamento daqueles que entraram, entenderam a pegada. Tivemos uma conversa no sábado e coloquei os mais experientes para falar, Fábio, Edílson e o Léo. Os que chegaram também tiveram o seu representante e os mais novos, que foram representados pelo Arthur. Estamos em uma linha que estamos conduzindo com serenidade – finalizou o técnico Cruzeirense.

Lisca em seu segundo jogo no comando do Coelho

Já o treinador Lisca que estreou no comando do América-MG na última quarta-feira (05) pela Copa do Brasil contra o Santos-AP, obteve um resultado favorável com o placar de 1 a 1, a sua equipe passou para a segunda fase da competição.

O técnico Lisca não tem problemas com a escalação do time para o próximo jogo contra o Cruzeiro, clássico que envolve a liderança do Estadual. O goleiro Victor Hugo de 22 anos é mais um reforço do clube, assinou vínculo com o América-MG até o fim do Campeonato Mineiro, vindo por empréstimo cedido pelo Botafogo-RJ, mas estava atuando pela Cabofriense.

Para Adilson Batista, foi uma “superação”

Vamos com calma, mas que todos sabem que o Cruzeiro anda com dificuldades financeiras, perdendo jogadores do elenco, sem atletas conhecidos ou estrelas do nosso futebol e com praticamente sendo suprido pelos meninos da base, isso todo mundo sabe.

Mas como é o Cruzeiro, todos ficam de olho e questionando se vai dar certo, ou errado, a verdade é que nós, digo nós pois me incluo neste rol de torcedores, admiradores, não torcedores, comentaristas, jornalistas, colunistas etc e tal que olham para o time Celeste e não reconhecem pelo menos 7 jogadores do clube: “são os meninos” e que andam fazendo estrepolias no Campeonato Estadual e até aqui superando as expectativas, principalmente do seu comandante Adilson Batista.

– A gente vem de um momento de dificuldade. Eu enxerguei o jogo e vi o Cruzeiro soberano. Teve o domínio da partida e mais posse. Nós tivemos 25 finalizações e trabalhos muito bem a bola, porém, acabamos tendo dificuldades em dois lances (dos gols). Gostei do poder de reação mesmo a gente errando, conseguimos reagir no jogo e ter o controle emocional, que é importante. Coloquei os cinco jogadores (estreantes) justamente para dar ritmo, com todo respeito ao Tupynambás, que estavam trabalhando há duas semanas e acho que corresponderam. Temos que ter o cuidado para fazer uma análise mais crítica.

Adilson Batista exaltou os jogadores do Cruzeiro em virada sobre o Tupynambás — Foto: Reprodução SporTV

Adilson Batista exaltou os jogadores do Cruzeiro em virada sobre o Tupynambás — Foto: Reprodução SporTV

– E a proposta do segundo tempo foi com a entrada do Judivan, ter dois atletas para fazer a parede, segurar para acontecer a penetração e deixar o campo mais grande com o Jhonata e o Maurício. Vi o jogo de uma equipe que propôs o jogo, que teve inúmeras oportunidades e que no primeiro tempo não encaixou algumas bolas, mas poderia ter entrado. Poderíamos ter feito o 3 a 2 já no primeiro tempo. Então, eu gostei da dinâmica e daquilo que os jogadores fizeram hoje – finalizou Adilson Batista em reportagem do GloboEsporte.com conforme link https://globoesporte.globo.com/futebol/times/cruzeiro/noticia/adilson-batista-exalta-atletas-em-virada-e-destaca-evolucao-ofensiva-do-cruzeiro.ghtml

Lisca no América-MG: “uma bela de uma estreia”

Com estas palavras, Lisca definiu a sua estreia no Coelho, em jogo válido pela primeira fase da Copa do Brasil contra o Santos-AP. Falando sobre dificuldades mas agradecendo o resultado.

“Considero uma bela de uma estreia. Não foi uma vitória no placar, mas na Copa do Brasil, como falei, o importante é passar”, disse Lisca, em entrevista à Rádio Itatiaia.

Lisca, técnido do América-MG — Foto: Daniel Hott / América-MG

Lisca, técnido do América-MG — Foto: Daniel Hott / América-MG

Passado o momento de ansiedade pela estreia e em um jogo valendo vaga pela segunda fase da Copa do Brasil, agora é hora de encarar o clássico contra o Cruzeiro, tanto América-MG como a Raposa brigam pela liderança do Estadual com um jogo a menos que o vice-líder Atlético Mineiro. Time Celeste está na ponta com 9 pontos, Coelho vem em terceiro com 7 pontos e o Galo com 8.

– Conheço bem (o Adilson), respeito muito. Um cara que tenho uma admiração enorme. É um cara muito tático, que está fazendo um trabalho por merecimento, porque chegar nos últimos três jogos, já passei por isso, ele teve a coragem e fibra de tentar. Agora, o Cruzeiro deu oportunidade para ele, que está renovando a equipe, com uma meninada interessante – finalizou Lisca.

Confrontos entre Raposa x Coelho

Amplamente favorável ao Cruzeiro os dois times totalizaram até hoje 363 clássicos entre eles, sendo 152 vitórias Celeste, 101 triunfos do América Mineiro, com 110 empates. A Raposa marcou 645 gols prós e sofreu 521 gols contra, totalizando um saldo positivo de 124.

Pelo Estadual foram 220 jogos, destes o Cruzeiro venceu 101, perdeu 54, com 65 empates entre as agremiações, neste confronto a Raposa obteve um saldo positivo de 100 gols, já que marcou 371 e sofreu 271.

Já pelo Campeonato Brasileiro foram 16 jogos desde 1971 até 2018, último ano que o América-MG esteve no Brasileirão Série A, este ano ocorrerá dois confrontos inéditos pela Série B com o rebaixamento do Cruzeiro ano passado. A Raposa então soma 9 vitórias, 6 empates e apenas 1 derrota. Marcou  25 gols e sofreu 6.

Dados colhidos pelos sites https://www.cruzeiro.com.br/noticia/show/13648/cruzeiro-quer-manter-o-bom-retrospecto-contra-o-amirica-mg

http://futpedia.globo.com/confronto/cruzeiro-x-america-mg

Ficha técnica – Cruzeiro x América-MG

Data: 09/02/2020

Hora: 16h, horário de Brasília

Local: Estádio Governador Magalhães Pinto “Mineirão” – Belo Horizonte – MG

Arbitro: Wanderson Alves de Souza.

Arbitro assistente 1: Pablo Almeida Costa.

Arbitro assistente 2: Leonardo Henrique Pereira.

Cruzeiro: (Provável escalação) Fábio; Edilson, Cacá, Léo e João Lucas (Rafael Santos); Adriano (Machado), Jadsom, Maurício e Éverton Felipe (Marco Antonio); Jonathan Gomes (Vinicius Popó) e Judivan.

Técnico: Adilson Batista.

América-MG: (Provável escalação) Airton; Leandro Silva, Lucas Kal, Eduardo Bauermann e Sávio; Zé Ricardo, Juninho, Alê; Felipe Augusto, Matheusinho (Ademir) e Rodolfo. 

Técnico: Lisca.

Deixe uma resposta