Notícias

Futebol Brasileiro

Em meio a crise, Vagner Pires e Hermínio Lemos renunciam aos cargos no Cruzeiro

images (3)

Vagner Pires e Hermílio Lemos não são mais presidentes do Cruzeiro, Ronaldo Granada disse a imprensa que irá assinar o pedido nesta sexta-feira (20/12)

Bruno Haddad/Cruzeiro
Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Após o rebaixamento inédito na história do Cruzeiro e a uma enorme crise politica e financeira, a torcida celeste pedia a todo custo a renuncia de toda a direção do agora ex-presidente Vagner Pires de Sá. Com a enorme crise financeira dentro do time estrelado, o atual presidente do conselho convocou uma reunião e em seguida a votação para a saída de Vagner Pires e a sua direção. Fato que ocorreu na tarde dessa quinta-feira(19/12) na sede administrativa do clube.

O Cruzeiro já divulgou um comunicado informando as renúncias de Wagner (Presidente) e Hermínio(1°vice). De acordo com informação do repórter Thiago Reis, da Rádio Itatiaia de BH, Ronaldo Granata não irá se opor à decisão de seus pares e deverá assinar a saída nas próximas horas ou no máximo até a próxima sexta-feira (20/12), sendo assim oficializando a destituição de toda a atual diretoria celeste.

Com a assinatura de Granada nas próxima horas, o Cruzeiro poderá começar a pensar nos próximos passos, tanto para resolver os problemas financeiros quanto também dar a sequências em outros pontos dentro do time. Isso porque o time estrelado tem inúmeros patrocinadores que toparam ajudar o Cruzeiro na sua reconstrução até a marcação das novas eleições.

Confira a lista dos patrocinadores (Grupo): 

O novo grupo contará com: Pedro Lourenço (Supermercados BH), Emílio Brandi (Nova Safra), Pietro Sportelli (fundador e presidente da Aethra), Saulo Tomaz Froes (Lokamig), Alexandre de Souza Faria (Multiseg), Carlos Ferreira Rocha (Frigorífico Uberaba) e Jarbas dos Reis, que já integrava o conselho formado em outubro, em que tinha Zezé Perrella como gestor do futebol. Todos também são conselheiros do clube.

Fundador do Banco Intermedium, atual Banco Inter, Aquiles Diniz não irá integrar o novo conselho, mas vai auxiliar o grupo com sua experiência e influência no mercado.

O outro lado para a renuncia da direção atual

O outro grande motivo da renuncia, além da crise politica e financeira foram os inúmeros protesto da torcida celeste, que após o rebaixamento inédito do clube fizeram diversas manifestações pedindo a saída da atual gestão. Ambos os protestos sendo todos de forma pacifica e também mirando a participação de votação dos sócios torcedores nas próximas eleições. Caso que talvez possa vim a se tornar uma realidade no clube nas próximas semanas com o time sob posse de novos administradores até às eleições.

Confira a baixo a nota data pelo Cruzeiro anunciando a renuncia de Vagner Pires e Hermílio Lemos.

O Cruzeiro Esporte Clube vem a público informar que o presidente do Clube, Wagner Pires de Sá, e o 1º vice-presidente, Hermínio Francisco Lemos, assinaram na tarde desta quinta-feira a carta de renúncia aos seus respectivos cargos no Clube Celeste.

O Clube ainda comunica que na manhã desta sexta-feira ambos farão a entrega da carta ao presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro, José Dalai Rocha.

Portanto, ficará faltando a carta de renúncia do segundo vice-presidente, Ronaldo Granata.

Link da nota divulgada pelo Cruzeiro: https://www.cruzeiro.com.br/noticia/show/17307/comunicado-oficial-diretoria-do-cruzeiro-esporte-clube

Esportes Mais

Facebook

Deixe uma resposta