Notícias

Entrevistas

Argentina e Colômbia estreiam na Arena Fonte Nova

jamesxmessi

Argentina e Colômbia estreiam na Copa América nesse sábado em Salvador

Argentina e Colômbia vendo sendo considerado por muitos o GRANDE jogo dessa fase de grupos. Com estrelas como Lionel Messi e James pra cada lado, argentinos e colombianos são favoritos para brigar pela liderança do grupo.

Arena-fonte-nova

Argentina e Colômbia se enfrentam neste sábado (15/06), ás 19:00, horário de Brasília. A partida abrirá a primeira rodada do grupo C, e o palco para esse grande duelo será a Arena Fonte Nova. Uma vitória para um dos dois lados deixará a classificação bastante encaminhada. As equipes chegaram em Salvador logo no início da semana e fizeram treinamentos em Pituaçu e Barradão. Os colombianos treinaram em Pituaçu; os argentinos no Barradão.

Seleções saíram cedo na Copa do Mundo e mudaram seus treinadores

As duas seleções não fizeram uma grande Copa do Mundo na Rússia. A Argentina foi eliminada para campeã França por 4 a 3. Os colombianos caíram nos pênaltis para a quarta colocada Inglaterra.

A Argentina foi um fiasco no campo e fora. Com uma desorganização tremenda dentro de campo, os hermanos saíram da Copa com apenas uma vitória e contaram com o 3-0 pra Croácia. Contra França, os comandados de Sampaoli até chegaram a virar a partida, mas acabaram tomando mais 3 gols e caindo por 4 a 3.

A Colômbia saiu de uma forma mais digna. Com James com problemas musculares, a seleção ficou sem seu astro e teve dificuldades. Mas a Colômbia fez um jogo duro contra Inglaterra, e só foram derrotados nos pênaltis.

Ambas seleções mudaram seus treinadores. Pekerman, que fez um ótimo trabalho e foi um dos responsáveis por essa boa geração colombiana, achou que deu o que tinha que dar e saiu. Sampaoli, que chegou com muita expectativa mas foi um fiasco, foi demitido.

A Colômbia trouxe o experiente português Carlos Queiroz. Queiroz é conhecido no mundo inteiro por bons trabalhos em clubes portugueses, e é ele que tentará tinha a Colômbia de uma seca de 18 anos sem ganhar um título de Copa América.

A Argentina manteve o auxiliar de Sampaoli, Lionel Scaloni. Sem nenhuma experiência e tendo seu primeiro na trabalho logo de cara na seleção argentina, Scaloni vem fazendo uma renovação no selecionado e ele que tentará tirar os hermanos da fila de 26 anos sem título.

Argentina escalada para estreia

Os argentinos estão prontos para estreia. Na sua coletiva, Scaloni anunciou a equipe que debuta em Salvador com um trio de ataque de respeito. O técnico sabe que para uma seleção renovada e desacreditada. uma vitória diante de um rival complicado já seria um bom começo.

O time irá a campo com: Armani; Saraiva, Pezella, Otamendi, Tagliafico; Paredes, Guido Rodríguez, Lo Celso; Messi, Di Maria e Aguero. Dos 11, 4 jogadores estrearão pela primeira vez em jogo oficial.

O goleiro Esteban Andrada, do Boca Juniors, foi cortado da seleção argentina que disputará a Copa América do Brasil 2019 após sofrer uma lesão no joelho direito, informou nesta sexta-feira a Associação do Futebol Argentino (AFA). A Federação Argentina de Futebol (AFA) informou também que o goleiro Juan Musso, da Udinese, foi convocado para substituir Andrada.

Scaloni disse que nesse tipo de campeonato não tem adversário fácil.

“Em um campeonato como esse não tem adversário fácil. A Colômbia tem coisas muito boas e tomaremos cuidado, mas temos que fazer nosso jogo. Somos um time em que todos trabalham, do primeiro ao último jogador sabem o que têm que fazer dentro do campo. Eu quero que as pessoas se sintam identificadas com este time”.

O técnico disse que o que mais importa é que os torcedores se sintam identificados e orgulhosos com essa seleção

– Tivemos grandes dias juntos, a convivência foi espetacular, e esperamos que esses garotos desfrutem o momento, pois o futuro não sabemos. E se cairmos? E se não ganharmos? É inútil pensar assim. Gastamos energia, não queremos isso. Essa seleção chegou na final das duas últimas Copas Américas, não é pouco, por pouco não ganhamos. Estamos aqui para mostrar que esses jogadores podem usar essa camisa, mas o resultado depende de muita coisa. O mais importante é honrar a camisa e que a torcida se identifique com essa seleção – declarou o treinador.

Lionel disse que sua equipe pode variar muito taticamente durante o jogo.

– Se cada um fizer o que faz no clube, teremos uma boa equipe. Pedimos a todos muita mobilidade e trabalho com a bola, jogar o mais rápido possível para causar dano ao adversário. Pode ser 4-3-3, 4-2-3-1, 4-14-1… Podemos variar muito. São jogadores versáteis e isso é importante – finalizou.

Resultado de imagem para messi no barradão

Colômbia precisa quebrar tabu de 12 anos sem vencer Argentina

Os colombianos estão incomodados com a série de 12 anos sem vencer a Argentina, o atacante Muriel mostrou o descontentamento e afirmou que o objetivo é encerrar a série de resultados ruins na partida deste sábado. “Estamos convencidos de que chegou o momento de dar esse passo. A Argentina é um rival complicado para todos. O objetivo é ganhar da Argentina e encerrar essa série”, disse.

Os colombianos ainda não estão definidos para encarar os argentinos. Carlos Queiroz tem algumas duvidas no setor de meio e ataque. Mas uma presença já é confirmada, James Rodriguez. O meia colombiano chega muito badalado e é o cara em que os colombianos depositam muita fé.

Queiroz falou em identidade colombiano no jogo de amanhã.

O mais importante é que os jogadores sabem o que fazer amanhã, teremos a identidade da Colômbia e nada mais, independentemente de a Argentina ter divulgado sua escalação. Todas as seleções têm algo mais a mostrar adiante, inclusive durante a competição. Amanhã é o primeiro tempo de um jogo de três tempos. Temos que ser inteligentes e dar de tudo dentro de campo”.

O técnico se declarou um estudioso do futebol sul-americano.

“Tenho estudado muito as competições sul-americanas. A Copa América é a mais antiga e mais difícil competição continental. São 45 edições, 15 copas do Uruguai, 14 da Argentina e oito do Brasil, que sempre que jogou em casa ganhou. E nós, com muita confiança tentando entrar entre os melhores. É o sonho que temos também. São motivações, coisas que nos atraem, queremos estar com eles lado a lado. Sempre foi um sonho para mim treinar na América do Sul pela qualidade dos jogadores. É um lugar onde o futebol é mágico, há muita técnica, fantasia e criatividade. Para mim é uma honra”.

Resultado de imagem para Colômbia em Pituaçu

 

Esportes Mais

Facebook

Copa América

Deixe uma resposta