Notícias

Futebol Internacional

A Eurocopa e sua caixa de surpresas se aproxima!

Cristiano Ronaldo

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Em mais uma janela internacional de jogos de futebol, os melhores times do mundo liberam os seus astros para defenderem as suas seleções nacionais. Mas na Europa, os jogos terão um peso bem maior.

Após a Copa do Mundo, onde dois europeus, França e Croácia, se enfrentaram no maior palco da Rússia em Moscou para definir Les Bleus como campeões, as seleções europeias disputaram amistosos entre si e um mini-torneio, a Liga das Nações da UEFA, que ainda definirá seu campeão. Mas o torneio, criado pela associação europeia de futebol para dar mais significância aos jogos de meio de temporada entre seleções, não tem o mesmo peso do carro-chefe do continente: a Eurocopa.

Desde 1960, as melhores seleções do continente europeu se encontram para definirem a cada quatro anos o melhor time do continente, e muitas vezes do mundo, naquele ano. É um torneio que serve tanto para consolidar algumas seleções na história do esporte, como também para mostrar surpresas ao mundo todo.

Até aqui, foram 15 edições da competição com 10 campeões diferentes – 2 a mais que na Copa do Mundo! Os primeiros a levantarem o caneco foram a extinta União Soviética, que venceram a também extinta Iugoslávia por 2 a 1 na prorrogação, em uma final disputada na França.

1
Foto: Divulgação UEFA Euro 1960

A partir deste ponto, surpresas começaram a pipocar nas finais europeias. Começando em 1976 quando a Tchecoslováquia derrubou a toda-poderosa e recém campeã mundial Alemanha Ocidental em 1976, com um empate de 2-2 durante a bola no campo e vitória de 5 a 3 nos pênaltis.

Depois em 1992, a Dinamarca, carregada pelos célebres irmãos Laudrup, derrotou a Holanda e seus super-astros nas semi-finais para levarem o gostinho amargo da derrota aos alemães que, mais uma vez, seriam negados o título da Eurocopa logo após um título mundial.

Mas a mais célebre surpresa é provavelmente a de 2004. Disputando a final em casa, Portugal tinha percorrido um caminho épico para chegar até a final. Até então, a sua única derrota havia sido contra a Grécia na fase de grupos, que se classificou em segundo lugar na disputa por uma vaga nas oitavas de final por conta do saldo de gols maior que a Espanha, terceira colocada.

Pois bem. Grécia e Portugal se reencontraram na final disputada no histórico Estádio da Luz em Lisboa, renovado justamente para a Eurocopa a ser disputada no país. Era o palco perfeito para uma conquista portuguesa, a primeira de sua história após bater na trave em 1966 quando Eusébio e seus companheiros quase conseguiram levar a seleção à final da Copa do Mundo.

2
Foto: Fritz Duras

Mas o destino resolveu que aquele dia não seria o de Portugal. A Grécia, com muita luta, ganhou o jogo por 1 a 0. Doze anos depois, Portugal seria quem estragaria a festa de outro anfitrião, a França, ganhando dos mesmos em Paris na final da Eurocopa!

Nesta semana começam os jogos classificatórios da próxima Eurocopa, a ser disputada em 2020, e é possível acompanhar as probabilidades de cada equipe pela casa de apostas Betfair. Esses jogos classificatórios da Euro são apenas uma amostra da qualidade das seleções europeias que se provaram muito fortes na última Copa do Mundo. E podemos apostar que França, Croácia, Inglaterra e muitas outras nações vão querer começar suas campanhas com o pé direito.

Wesley Contiero (1059 Posts)

Jornalista, 25 anos, natural de Lins, interior de São Paulo.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta