Notícias

Sem categoria

Prass nega racha no elenco e afirma: “Todos adoram o Marcelo”

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Goleiro Palmeirense, Fernando Prass, nega que Verdão vem sofrendo com racha no elenco

O Palmeiras foi até o Uruguai e ficou no empate por 2 a 2 com o River Plate-URU, em duelo válido pela estreia na Copa Libertadores. Com este resultado, o Verdão soma quatro jogos sem vitória na temporada, já que vinha de empates diante do São Bento e Oeste, e uma derrota diante do Linense, todos pelo Paulistão.

No desembarque da equipe, Fernando Prass foi questionado se o elenco estava rachado e não gostou.

“Crítica é natural, a gente tem de assimilar. Agora, o problema é quando as pessoas começam, com maldade, a dizer que “ouvi que o fulano disse que o fulano disse, um zum-zum-zum no estádio, na internet, que aconteceu isso e aquilo… Coisas absurdas. Não vou nem dizer que foi questão de caráter. “Foram realmente boatos, que aqui dentro do grupo até ficamos espantados com a criatividade e o nível a que essas pessoas chegaram”, disse Prass, que completou.

“Realmente, problemas e discussões existem em qualquer equipe, entre jogador, entre diretor. Agora, o que as pessoas falaram que teria acontecido aqui no Palmeiras foi uma coisa totalmente infundada, beirando até o absurdo”, completou o camisa um Palmeirense.

Prass
Fernando Prass é o destaque do Verdão na temporada

Fernando Prass ainda garantiu que a relação entre os jogadores é boa e que todos adoram o treinador Marcelo Oliveira.

“A relação entre os jogadores é muito boa, não temos problema nenhum entre a gente. É claro que durante o ano pode acontecer um problema ou outro, mas isso é normal. Até agora, sinceramente, nada. Por isso é que ficamos chateados quando os resultados não vêm, porque o ambiente é maravilhoso, todos se gostam, todos se dão bem, então a coisa tem que fluir “, disse Prass.

“Todo mundo adora o Marcelo, respeita o Marcelo. Até porque o Marcelo tem um jeito de tratar o jogador sensacional. Às vezes cobra mais duro, como tem que cobrar. Mas todos sabem que é com muito respeito. Com a diretoria também. É olho no olho. A cobrança sempre existe, é natural do futebol. Ficamos até assustados com as notícias que saíram, porque volto a falar: foi de uma criatividade, para não dizer maldade, absurda”, completou o goleiro, finalizando.

O Palmeiras agora tem pela frente um clássico contra o Santos, no próximo sábado às 17h, na Arena Allianz Parque.

 

City

Wesley Contiero (805 Posts)

Estudante de jornalismo, 23 anos, natural de Lins, Interior de São Paulo.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta