Notícias

Volei

Osasco vence Praia e a decisão fica para o jogo 5

jpf_5531

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Com mais um 3×1 em casa, o Osasco venceu o Praia e a definição de quem enfrenta o Sesc-RJ na final ficou para o jogo 5

(Foto: Divulgação / Vôlei Nestlé/Osasco)

Nesta sexta (02), Vôlei Nestlé/Osasco e Dentil/Praia Clube protagonizaram mais um grande jogo na Superliga Feminina. Com uma vitória por 3×1 de Osasco nesse jogo 4, a série ficou empatada.

O Osasco venceu as suas duas partidas em casa no jogo 2 e agora neste jogo 4. Já o Praia venceu os jogos 1 e 3 em casa.

Primeiro set

Foi o melhor set do jogo. Em sua maior parte com o Vôlei Nestlé a frente, Tandara fez a diferença para as donas da casa.

Quando o Praia Clube mais precisou, Valewska e Fawcett chamavam a responsabilidade, porém, os erros de Osasco é que foram mais determinantes para colocar as mineiras na disputa pelo set.

Mas, com 14 pontos só nesse game, a oposta Tandara decidiu o jogo com o apoio da central Bia para fechar em 31×29 esse longo set de quase 40 minutos.

Segundo set

Tandara foi muito bem mais uma vez, claro, mas um crescimento no segundo set que chamou a atenção foi das ponteiras Leyva e Mari Paraíba.

Com uma grande melhora na recepção, as bolas ficaram melhores para a levantadora Fabíola. Dessa forma, ela conseguiu acionar melhor as suas ponteiras e tirar um pouco o foco de sua oposta.

Pelo lado do Praia, Amanda estava com um bom set, mas o destaque foram as duas centrais. Tanto Fabiana, quanto Valewska viraram muitas bolas e tiveram boas participações no bloqueio.

O Osasco foi quem abriu vantagem, mas deixou o Praia empatar no meio do set. Com um final equilibrado, as duas equipes tiveram chances para fechar o set, mas quem conseguiu foram as donas da casa com um 27×25.

Terceiro set

Fabiana apareceu muito bem no momento decisivo. Paulo Coco foi inteligente, tirou Fawcett e colocou Ellen.

O set caminhava muito bem para o Osasco fechar o jogo. A frente do placar praticamente do início ao final do set, Tandara e Bia iam muito bem. Porém, na hora decisiva, o Vôlei Nestlé vacilou.

Com um 24×23 a favor e Match Point, o time de Luizomar deixou escapar a vitória com o crescimento do Praia no final.

A central Fabiana marcou dois pontos seguidos para virar o placar e, com o erro de Osasco, as visitantes fecharam o terceiro set por 26×24.

Quarto set

Começou a favor do Praia. Ainda com o efeito da boa virada no terceiro set, a equipe estava empolgada e abriu uma pequena vantagem logo no início.

Com muitas dificuldades, o treinador de Osasco, Luizomar de Moura fez uma troca de levantadoras. Ele tirou Fabíola e colocou Carol Albuquerque. Nessa troca, ele mudou o rumo da partida. Com belos saques e uma boa distribuição de bola, Carol fez a diferença.

O set estava equilibrado até o 16×15 no placar para Osasco. Mas aconteceu um lance que alterou o estado do jogo. Após buscar uma bola lá nas placas, a ponteira Fernanda Garay se machucou. Com isso, o jogo ficou parado por um bom tempo.

Na volta desse lance, só deu Osasco. Com Tandara inspirada e ótimos saques, o time da casa venceu o set por 25×19.

Considerações finais

Tandara no jogo entre Osasco e Praia Clube (Foto: João Pires/Fotojump)

(Foto: Reprodução / João Pires)

Tandara foi eleita a melhor jogadora da partida e levou o troféu Viva Vôlei. Com 36 pontos no jogo, a oposta decidiu mais uma vez para Osasco, virando bolas incríveis.

Destaque também para a líbero Tássia, que começou muito mal no primeiro set errando nas recepções, mas se redimiu durante a partida, acertou a recepção e fez grandes defesas.

Camila Brait teve mais uma boa participação. Quando a ponteira Leyva estava no fundo de quadra na rotação, ela entrava e colaborava muito nas defesas.

Nathalia Martins cresceu muito durante o jogo e ajudou bastante ao Vôlei Nestlé.

Apesar de não conseguir muitos pontos de bloqueio, foi um fundamento essencial para as donas da casa na partida. Muitos ataques do Praia amorteciam no bloqueio, com isso, a vida das jogadoras no fundo da quadra foi facilitada.

Pelo lado do Praia o destaque foi Fabiana, que fez uma grande partida, mas não o suficiente para dar a vitória as mineiras.

Fernanda Garay foi muito exigida e mais uma vez atuou bem. Amanda mandou bem nos saques, mas pecou nos ataques.

Fawcett fez um bom primeiro set, mas foi só, tanto que foi substituída durante o jogo. A oposta precisa aparecer no jogo 5 para ajudar ao Praia.

Agora o Dentil/Praia Clube joga a quinta e última partida da série em casa contra o Vôlei Nestlé/Osasco. A partida acontece na sexta-feira (06/04) às 19h, horário de Brasília, em Uberlândia.

Com a série empatada em 2 jogos vencidos por cada uma das equipes, quem vencer se classifica para a final da Superliga Feminina e enfrenta o Sesc-RJ.

 

Esportes Mais

Facebook

 

Joao Pedro (140 Posts)

Estudante de Jornalismo na Instituição IBMR Barra, Rio de Janeiro.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta