Notícias

Sem categoria

Guia do Campeonato Brasileiro 2017 – Cruzeiro

CRU

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Confira um pouco sobre a história do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro e como a equipe virá para a competição em 2017

O ano de 2016 começou incerto para a Raposa. Após o bicampeonato em 2013/2014, Marcelo Oliveira não conseguiu repetir os ótimos trabalhos e a diretoria do clube não conseguiu repor as saídas do time à altura e 2015 foi um ano ruim para o Cruzeiro. Com a saída de Marcelo Oliveira, o clube acertou com Mano Menezes. O técnico gaúcho conseguiu montar um time bem organizado e deu esperanças para a torcida celeste.

O problema foi que, na virada do ano, o treinador aceitou uma proposta milionária da China e deixou a Toca da Raposa. A diretoria se viu sem opções para 2016 e resolveu apostar em Deivid, ex-atacante, que estava estagiando na comissão técnica do clube e recebeu uma chance como técnico.

O trabalho de Deivid mostrava idéias interessantes, mas não estava se desenvolvendo como todos gostariam e, após a eliminação na semifinal do campeonato mineiro, foi demitido.

Para o lugar dele, a diretoria surpreendeu e anunciou o técnico Paulo Bento. O português chegou como desconhecido e a campanha no Campeonato Brasileiro foi catastrófica. O Cruzeiro ficou sem ganhar durante várias rodadas e frequentou a zona de rebaixamento durante boa parte da competição.

No meio do campeonato, a Raposa dispensou o técnico português e anunciou a volta de Mano Menezes. Além dele, alguns reforços importantes também chegaram, como Robinho, Ábila e Rafael Sóbis. Com eles o Cruzeiro melhorou e garantiu uma posição confortável na tabela.

Para este ano, o clube segurou seus principais jogadores e fez algumas contratações pontuais, que elevaram o nível do elenco. Mano também permaneceu. Assim, o Cruzeiro desponta como um dos times mais fortes do país em 2017, mesmo perdendo o título mineiro para o rival Atlético.

Saídas: Bruno Rodrigo (Z), Fabiano (LD), Lucas (LD), Edimar (LE), Joel (A) e Willian Bigode (A).

Chegadas: Kunty Caicedo (Z), John Lennon (LD), Diogo Barbosa (LE), Hudson (V), Lucas Silva (V) e Thiago Neves (M).

Time base (4-2-3-1): Rafael; Mayke, Manoel, Caicedo, Diogo Barbosa; Henrique, Lucas Silva; Robinho, De Arrascaeta, Thiago Neves; Rafael Sóbis.

Craque do time: De Arrascaeta

Último campeonato: 12º lugar

Melhor colocação: Campeão (1966 , 2003, 2013 e 2014)

Projeção: Título

Raphael (38 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta