Notícias

Volei

Cruzeiro vence o Taubaté e segue vivo na Superliga

cruzeiro-x-taubate

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Sem correr riscos, o Cruzeiro venceu em casa e forçou o jogo 4 nas semifinais

(Foto: Divulgação / Cruzeiro)

Nesta sexta (13), o Cruzeiro atropelou o Taubaté em casa, no Ginásio do Riacho, pela semifinal da Superliga Masculina e venceu por 3×0. Com o resultado, o time mineiro força o jogo 4 contra o adversário paulista.

Depois de dois primeiros jogos ruins e com derrota, o Cruzeiro não poderia perder em casa. Caso os visitantes vencessem, eliminavam o atual campeão da competição e estava na final.

O jogo tinha todos os contornos de dramaticidade e tinha cara de jogo bem disputado, mas o que se viu foi um Cruzeiro avassalador.

Primeiro set

Começou com os donos da casa bem melhor. Após uma bela sequência de saque de Leal, o Taubaté falhou demais nas recepções.

Com muitos erros e Evandro inspirado no ataque, o Sada/Cruzeiro chegou a abrir 13×7. Mas, com uma incrível sequência de pontos e uma bela passagem de Ivovic, o Taubaté ensaiou uma reação e chegou a empatar o jogo em 13×13.

Foi nesse momento de dificuldade que apareceram o levantador Uriarte, com uma bela distribuição de jogadas, e o ponteiro Leal, com ótimos ataques.

Final do primeiro set e o Cruzeiro venceu por 25×20.

Segundo set

Começou equilibrado, porém só até o oitavo ponto mineiro. Após, o time da casa abriu vantagem e soube administrar muito bem.

Leal apareceu no ataque, Simon fez estrago no saque, inclusive com dois pontos no fundamento, e Uriarte, mais uma vez com o passe na mão, deitou e rolou nos levantamentos.

Pelo lado do Taubaté, Rapha sofreu com a péssima recepção da equipe. Com um ataque pouco eficiente e Wallace pouco inspirado, a solução foi buscar mais os seus centrais. Solé foi quem se destacou.

Mas nada adiantou, o time de Marcelo Mendez foi mais eficiente em todos os fundamentos e fechou o segundo set em 25×19.

Terceiro set

Foi o mais tranquilo de todos para o Cruzeiro. Os mineiros dominaram do início ao final.

Pelo lado celeste, Leal começou virando tudo e quem fechou o set voando foi o oposto Evandro. Vale destacar também a boa atuação de Simon.

No lado do Taubaté, o jogo ficou muito em cima de Wallace, que foi bem marcado pelo bloqueio adversário. Ivovic até foi bem, mas não foi o suficiente.

Após o Cruzeiro abrir vantagem na metade do set de até oito pontos, o Taubaté ficou com o psicólogico visivelmente abatido e cedeu no jogo. O time Celeste fez 25×17 no último set e fechou a partida.

Destaques do jogo

leal sada vibracao

(Foto: Divulgação / Cruzeiro)

O prêmio de melhor jogador da partida foi dado ao oposto Evandro. Ele marcou 14 pontos, com grande destaque no ataque e bloqueio.

Vale ressaltar pelo lado do Cruzeiro a atuação do cubano, agora naturalizado brasileiro, Leal. O ponteiro fez 13 pontos, teve uma grande participação não só no ataque, mas também no saque, fundamento este essencial no jogo de hoje.

Outro que voou no saque foi o melhor sacador da Superliga Masculina, o central Simon. Depois de duas partidas ruins na série, hoje o cubano marcou 3 pontos no fundamento.

O levantador Uriarte fez uma atuação impecável, com uma distribuição de jogadas de ataque perfeita, bons saques e marcando até mesmo ponto de ataque.

Pelo lado do Taubaté, foi uma partida bem ruim, mas não para esquecer. O time precisa pegar os erros de hoje, estudar e melhorar para a próxima partida.

Hoje a equipe não teve um bom saque, fundamento que fez a diferença nos dois primeiros jogos. Nessa partida foram 13 erros dos paulistas.

E os erros não foram só no saque, mas também no ataque e faltas. Ao total, a equipe cedeu 21 pontos ao Cruzeiro.

Se algo serve como positivo, é a partida de Ivovic, que apesar de não ter ido bem nas recepções, foi bem no ataque e no saque.

Abre aspas

Após a vitória do jogo de hoje, o oposto Evandro mostrou confiança e elogiou a boa partida coletiva da equipe.

“A gente precisava de 3 jogos para ganhar, esse foi o primeiro. Não foi só o saque. O saque, ataque, bloqueio, tudo. Hoje todo o nosso jogo fluiu. Entramos em quadra de uma maneira diferente. Com uma garra” – Afirmou o melhor jogador e maior pontuador do jogo.

O experiente Dante também analisou a derrota e disse que a equipe do Taubaté ainda está confiante para garantir a vaga na final.

“Nada seria fácil. A gente já tinha conhecimento de como eles jogam e hoje eles jogaram da maneira deles. Só tem jogador experiente do nosso lado que está acostumado com esse tipo de partida. Uma derrota dessa serve de aprendizado” – Explicou o ponteiro.

Jogo 4

Com a vitória do Cruzeiro no jogo de hoje, a série segue em aberto. Ainda com a vantagem de ter vencido dois jogos contra um dos mineiros, o Taubaté atua em casa no jogo 4 e se vencer está na final.

Para o time celeste, só a vitória interessa mais uma vez. E essa não deve ser tão fácil como hoje, pois a torcida do Taubaté deve esgotar os ingressos para a partida de terça-feira (17), às 19h, horário de Brasília, no Ginásio do Abaeté e irá fazer pressão.

 

Esportes Mais

Facebook

 

Joao Pedro (160 Posts)

Estudante de Jornalismo na Instituição IBMR Barra, Rio de Janeiro.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta