Notícias

Futebol Brasileiro

Após saída de Preto, Bahia anuncia seu novo treinador

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Bahia
Capergiani é o novo treinador do Bahia. Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

 

O Bahia anunciou Paulo Cesar Carpegiani como seu novo treinador, que chega para manter a equipe na elite. 

O Bahia ainda não encontrou seu rumo após a saída de Guto Ferreira. Com a chegada de Carpegiani, a equipe Baiana já vai para o seu quarto treinador no ano de 2017. Isso mostra a pífia campanha que o time vem fazendo e a queda de rendimento de alguns jogadores, claro que também os treinadores não são os únicos responsáveis pela queda individual de cada um.

O time vai para o seu quarto comandante no ano, e claro que, com essa falta de tempo para trabalhar, a equipe vem complicando-se nesse campeonato. O time mudou de técnico e as filosofias de jogo são bem diferentes entre cada um.

Também não só são os treinadores, alguns jogadores também caíram de produção. Régis, Allione, Eduardo, Edson que foram importantes no título do Nordeste, caíram muito de rendimento e vem contando muito para o momento de baixa do Bahia.

 

Preto
Preto durou apenas um mês no Bahia. Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

 

Saída de Preto

Preto deixa o Bahia na 13ª colocação do Brasileirão com 31 pontos, um acima da zona de rebaixamento.

Ele assumiu a equipe em 17º no campeonato, dentro da zona de degola, no começo de agosto, ainda como interino. Como começou bem, e acabou efetivado. Ele sai com três vitórias, três empates e três derrotas. O que mais atrapalhava no comando de Preto era a desorganização tática e o mau futebol apresentado pelo Bahia.

O time que, com Guto, tinha uma equipe de marcação alta, uma velocidade no contra-ataque imensa e bem organizada taticamente; com Jorginho priorizava mais a posse de bola, com Preto, a equipe não tinha nenhuma das duas características.

Para quem acompanhava as partidas no comando do ídolo tricolor, olhava a equipe do Bahia bastante espaçada e sem muito o que fazer com a bola no pé, vivendo apenas de ligações direta.

Preto não conseguiu dar padrão ao time e os resultados também não ajudavam, por isso sua demissão.

Carpegiani, a luz no fim do túnel?

Capergiani chega com um único objetivo, salvar o Bahia do rebaixamento. Claro que o Bahia não está na zona, e só ficou uma rodada lá, mas a briga do time nesse momento, e a demissão de Preto foi para evitar esse vexame.

Com vasto currículo, o profissional de 68 anos já foi campeão mundial, brasileiro e da Libertadores quando comandava o Flamengo, entre 1981 e 82, além de ganhar grande destaque ao levar a seleção do Paraguai à Copa de 1998 e quase eliminar a campeã e anfitriã França nas oitavas de final.

Carpegiani cumula duas passagens pelo futebol baiano, em 2009 e 2012, ambas no rival Vitória. Também dirigiu clubes como Corinthians, São Paulo, Palmeiras e Cruzeiro.

Na sua apresentação, o treinador falou do grande desafio que é comandar o Esquadrão, além de elogiar o elenco Tricolor.

“Quando Bahia entrou em contato comigo não tive dúvida. É um grande desafio, mas não tenho receio algum. Tenho muita confiança daquilo que vi na televisão. Eles têm que provar para mim que pensei errado, que tenho convicção de que eles não vão me decepcionar. Mas o que eu vi me dá seriedade para trabalhar no Bahia”, disse.

 

Carpegiani
Carpegiani comanda primeiro treino no Bahia. Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

 

Testes na equipe para duelo contra o Palmeiras

O técnico montou um trabalho tático onde orientou bastante e parou diversas vezes para corrigir posicionamentos. Montou também um coletivo tático onde esboçou a equipe que enfrentará o Palmeiras.

O Bahia terá 5 desfalques para encarar o Verdão. Por força de contrato, Allione, Matheus Sales e Thiago Martins não podem enfrentar o Palmeiras. Tiago e Edson estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Armero e Renê Junior ainda se recuperam de lesão.

Com isso, a possível time que deve encarar o Palmeiras será esta: Jean; Eduardo, Rodrigo Becão, Lucas Fonseca, Juninho Capixaba; Feijão, Juninho, Vinícius; Zé Rafael, Mendoza e Rodrigão.

Se perder para o Palmeiras, o Bahia corre imenso risco de entrar na zona de rebaixamento nesta rodada. Com isso, Paulo Cesar Carpegiani chega para dar um novo padrão tático a equipe e tirar o esquadrão de aço do fantasma da série B.

 

Clique aqui para acessar o site
Enzo Matheus (181 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta