Notícias

Futebol Internacional

Na segunda parte do Uruguaio, Boston River quer vencer o maior adversário: a inconstância

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Boston River fez campanha regular na primeira fase e segue com risco de rebaixamento no Campeonato Uruguaio. Time vai bem fora de casa.

O Club Atlético Boston River de Montevidéu fez uma campanha regular no Torneio Apertura, a primeira metade do Campeonato Uruguaio 2019. O Verdirrojo conquistou cinco vitórias, conseguiu cinco empates e perdeu outras cinco partidas. A campanha fora de casa foi superior ao desempenho no Complexo Rentistas, onde o Boston manda seus jogos. O nono lugar saiu de bom tamanho para o primeiro semestre. Na tabela de descenso é que o bicho pega: os 1.117 pontos do “promedio” garantem o Boston fora da zona de rebaixamento, mas com o Rampla Juniors no cangote.

Para somar mais pontos no segundo semestre e encontrar o equilíbrio, o Verdirrojo vai ter que resolver o problema da inconstância. O reflexo da instabilidade é claro nos resultados: logo após o empate por 2 a 2 fora de casa contra o poderoso Nacional, uma derrota para o Fênix no Complexo Rentistas colocou o time em xeque.

Nos quatro jogos seguintes, nenhuma vitória. Ela veio em Las Piedras, contra o Juventud. A esperança de dias melhores foi embora nas redes quando o Boston tomou quatro gols do bom time do Liverpool e não fez nenhum. Na semana seguinte, goleou o Wanderers por 3 a 0. O técnico Gastón Machado repetiu o time contra Racing e Cerro Largo, mas vencera apenas La Escoelita.  Na última rodada, apenas uma mudança no time, a entrada e Marcelo Tapia. Nova derrota, para o Danubio.

Em busca de dias melhores, o clube anunciou a contratação de mais dois estrangeiros para o restante do ano: o equatoriano Emerson Espinoza e o Venezuelano Lisandro Perez.  Agora, é aguardar.

Curiosidades

  • O Boston River tomou cartão amarelo em todas as partidas do Apertura 2019. O jogo que o Boston River menos tomou cartões amarelos foi na goleada sofrida para o Peñarol. Somente Diego Gurri foi advertido, aos 18 minutos do segundo tempo.
  • O técnico Gastón Machado fez no máximo quatro alterações na equipe. E isso aconteceu em duas ocasiões parecidas. Depois da goleada por 4 a 0 sofrida para o Peñarol, o treinador colocou no duelo seguinte contra o Defensor Sporting Guillhermo Fratta, Marcelo Tapia, Rodrigo Piñeiro e Diego Coelho nos lugares de: Wilston Fernandez. Diego Gurri, Lucas Rodriguez e Maximiliano Perez. Um mês depois, o time foi goleado também por 4 a 0, pelo Liverpool. Para a partida seguinte, contra o Wanderers, Gastón tirouNicolas Baran, Miguel Amado e Rodrigo Piñeiro (Diego Gurri foi expulso contra o Liverpool) e colocou: Diego Scotti, Santiago Arias, Pedro Silva e Maximiliano Perez.
  • Jogador de 23 anos, Maximiliano Perez é o artilheiro do time na temporada, com 8 gols.
  • Com 3 vitórias e 12 pontos em 7 jogos, o Boston River é o terceiro melhor visitante do Campeonato Uruguaio, atrás de Peñarol e Fênix.
  • Ao lado do Peñarol, o Boston River tem a melhor defesa dos visitantes do Uruguaio: levou apenas 4 gols em 7 partidas.
  • Ao lado do Nacional, o Boston River é o visitante com menos derrotas no Uruguaio: apenas uma.
  • Assim como em 2018, o Boston River também fez 20 pontos na edição de 2019 do Torneio Apertura.
  • Assim como em 2018, o Boston River terminou o Torneio Apertura com saldo negativo de quatro gols. Em 2018 fez 17 e tomou 21 e em 2019 marcou 18 e levou 22.
Samuel Bonicontro (211 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta