Notícias

NFL

Em momentos distintos, Dolphins e Patriots buscam vitórias importantes na temporada regular

bos_u_brady_b2_576

Dolphins está invicto e Patriots vem de duas derrotas

Quem diria que New England Patriots e Miami Dolphins iriam estar em momentos tão opostos na temporada? Os Dolphins vêm de três vitórias consecutivas e lidera a AFC East com as boas atuações de Ryan Tannehill. Já pelo lado dos Patriots, duas derrotas seguidas vieram e assim abalaram as estruturas de New England, que agora se vê em um momento muito complicado.

E nada melhor que uma vitória, seja para o lado que for, para mudar ou manter os rumos dessa divisão. A partida entre Dolphins e Patriots acontece às 14h desse domingo, no Gillette Stadium, casa do New England, e terá transmissão exclusiva da ESPN.

As armas de Miami

Com a alta estima e confiança nas alturas, os Dolphins terão um duelo e tanto para mostrar que enfim poderá bater o Patriots na AFC East. A última vitória do time de Miami foi contra o Oakland Raiders e ela venho com gostinho de virada, por 28×20. Nesse jogo, Tannehill fez 289 jardas e três passes para touchdown.

O wide receiver Jakeem Grant, teve 70 jardas aéreas e dois passes para touchdown, sendo que o segundo foi lançado pelo wide receiver Albert Wilson. Além do ataque ter um desempenho regular, a defesa foi ainda melhor. Foram três sacks e duas interceptações do cornerback Xavien Howard.

E para o jogo desse domingo, Miami tem que manter as boas atuações da defesa, colocando muita pressão em Tom Brady, uma vez que com a ausência de recebedores, o quarterback do Patriots está com dificuldades de esticar o campo com passes mais longos. Com isso, turnovers podem ser a chave da vitória dos Dolphins.

Por outro lado, o ataque tem que ser mais equilibrado. Só depender do ataque aéreo será insuficiente para controlar o relógio. No jogo passado, foram somente 41 jardas terrestres, sendo que mais de metade foi feita por Tannehill. Frank Gore e Kenyan Drake tiveram apenas 15 jardas juntos. Portanto, ambos têm que entrar mais no plano de jogo dos Dolphins, uma vez que Tannehill terá menos pressão para lançar e assim ter uma melhor variação das jogadas que podem surpreender a defesa questionada do Patriots.

(Foto: Reprodução / Mike Ehrmann)

Já pelos lados de New England, o couro come souto. O time de não vem atuando bem nos dois últimos jogos, com atuações deploráveis. No jogo contra o Detroit Lions, Tom Brady estava irreconhecível, com uma atuação bem abaixo daquilo que todo mundo espera. O quarterback do Patriots só conseguiu 133 jardas, um passe para touchdown, tendo apenas 26 passes tentados para 14 acertos. A ausência de Julian Eldeman e a saída de Brandin Cooks, podem sim explicar tal desempenho de Brady.

Além disso, a defesa está atuando muito mal. Pass rush inexistente, secundária tomando jardas para tudo quanto é lado, e no contexto geral,  conseguiu a proeza de ceder mais de 100 jardas a um running back dos Lions, fato que não acontecia na franquia de Detroit desde 2013, quando Reggie Bush conquistou a marca de três dígitos de jardas.

E com o apoio da torcida, os Patriots tem que ter um melhor desempenho. No ataque, os wide receivers precisarão evitar drops e ter um melhor posicionamento dentro de campo a fim de facilitar a vida de Brady. Além disso, Sony Michel e James White devem ser mais efetivos nas corridas entre as trincheiras, deixando sempre uma melhor posição para Brady conectar passes curtos e longos.

Já os problemas na defesa, o negócio é bem mais embaixo. O pass rush de New England tem que funcionar, tem que deixar Tannehill desconfortável no pocket, uma vez que o quarterback dos Dolphins não inspira confiança em momentos de pressão. Assim, a secundária também trabalhará melhor podendo gerar turnovers. Por fim, o combate ao jogo terrestre será preponderante para evitar que Miami possa estar a frente do placar e assim administre o relógio.

Palpite do autor

E o palpite desse humilde redator é que os Dolphins vencem o jogo por 27×24, e assim agrava a crise me New England. Mas enfim, nesse jogo tudo pode acontecer, e todos sabemos de uma coisa, emoção não vai faltar nessa rivalidade espetacular de tantas existentes no futebol americano. Bom jogo a todos e um excelente domingo com muita partida da NFL para se curtir.

 

Deixe uma resposta