Notícias

Matérias Especiais

Especial Premier League: Retrospectiva do Leicester 2017

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Veja conosco como foi o ano de 2017 dos foxes!

O termo que melhor se encaixa para o ano do Leicester é “confuso”. Afinal, o time viveu muito entre subidas e descidas de desempenho. O ano não contou com títulos, mas contou com momentos marcantes para os torcedores. Como a Champions League, frustrações, como a eliminação na FA Cup. Além das trocas de treinadores, polêmicas, contratações e especulações. Enfim, venha conosco, e acompanhe parte a parte do ano do Leicester.

Janeiro – Sucesso apenas na FA Cup

No mês de janeiro a equipe teve más exibições pela Premier League, e boas pela FA Cup. O time começou o mês com um empate em 0x0 contra o Boro no Riverside Stadium. No dia 7 ganharam do Everton de virada por 2×1 fora de casa (veja os melhores momentos aqui). O jogo válido pela FA Cup teve como destaque Musa, que saiu do banco e foi crucial para a virada dos foxes. Após isso o time teve duas derrotas por 3×0 para Chelsea e Southampton.

Resultado de imagem para Morgan x Derby County
Morgan marcando gol de empate. (Foto: Reuters)

Então chega um dos dias mais esperados do mês, válido pela FA Cup, o East Midland derby iria acontecer. O duelo foi entre Derby County x Leicester City, o jogou ocorreu no Pride Park, e acabou no placar de 2×2. O Leicester começou o jogo ganhando, após escanteio batido por Albrighton, Bent marca contra. O próprio marcou o gol de empate dos rams aos 20, virando aos 40 com gol de Bryson. Antes do apito final, Morgan marcou aos 86 minutos para garantir o replay (8/02), como é chamado o jogo de volta na Inglaterra. (clique aqui, e veja os melhores momentos)

Fevereiro – Mês de mudança

Após perder por 1×0 para o Burnley, a equipe perdeu novamente. Mas desta vez para o Manchester United, pelo placar total de 3×0, dentro de casa. Três dias depois, a equipe enfrentou o Derby County novamente, no King Power Stadium. King inaugurou o placar marcando de cabeça, Camara marcou de falta para os rams, após cobrança, a bola desvia na barreira, indo na direção oposta de Zilier, deixando o jogo empatado em 1×1. Já no segundo tempo, Ndidi manda bomba de fora d’área, a bola bate na trave direita e entra para o gol. 2×1 foxes. E por fim, Gray dribla a zaga do Derby, e marca o terceiro, golaço! 3×1 Leicester (veja os melhores momentos aqui).

Resultado de imagem para ranieri é demitido
Ranieri se despede do Leicester (Foto: Reuters)

Após este jogo, o time teve uma série de três derrotas consecutivas. Sendo a mais frustante de 1×0 para o Millwall pela FA Cup, quando o gol foi marcado aos 90 por Cummings, sendo que o time londrino jogava com -1 desde os 52. Esse jogo custou a eliminação do time da competição. Antes dessa o time também perdeu para o Swansea por 2×0.

Então chegamos finalmente ao jogo mais esperado pelos torcedores no mês, Sevilla x Leicester, válido pela Champions League. O jogo ocorreu no Ramón Sánchez Pizjuán. Aos 14 minutos, em uma bola que sobrou na pequena área, Correa foi acertado por um carrinho de Morgan, e o juiz assinalou o pênalti. O próprio Correa bateu, mas Schmeichel pegou, e salvou o que seria o possível gol. Mas aos 25, Sarabia marcou de cabeça, abrindo o placar no Rámon Sànchez Pizjuán. E então aos 62 Correa aumentou a vantagem para 2×0. Felizmente, para os foxes, aos 73 após cruzamento de Danny Drinkwater, Vardy escora para o gol e marca, e assim o jogo terminou, 2×1 Sevilla. O gol que tem uma grande importância para a continuidade do jogo (veja os melhores momentos do jogo aqui).

Após a derrota do time para o Sevilla, o Leicester anunciou a demissão de Ranieri. O que gerou bastante polêmicas e discussões nas redes sociais. A mensagem que os jornais passam é sobre problema entre Claudio x Diretoria e Jogadores (veja uma matéria do Jornal “Telegraph” sobre o ocorrido). Craig Shakespeare assumiu como interino, e o time logo deu uma resposta após vencer o Liverpool no King Power por 3×1.

Março – Resposta à torcida e o sonho continua

O mês de março se iniciou, e logo de cara o time já deu mais respostas a torcida. Ao ganhar do Hull City por 3×1, e de virada. Os tigers abriram o placar com Clucas, mas o Leicester virou com gols de Fuchs, Mahrez e Huddlestone (contra). De um jogo para o outro, o time aumentou o nível de competitividade, o que já mostrava uma desarmonia no vestiário quando no comando de Ranieri.

Dia 14 de março, Leicester x Sevilla, jogo de volta da Champions League, King Power Stadium lotado, com direito a mosaico. O hino da Champions é executado, e cada pessoa presente naquele estádio se arrepia ao ouvi-lo. E então o jogo começa! 27 minutos, e em cobrança de falta de Mahrez, Morgan escora para o gol e marca, 1×0 Leicester! Aos 54, em bola sobrada na grande área, Albrighton domina, enche o pé e marca, 2×0! Aos 74 tivemos Nasri expulso por segundo amarelo, e aos 79 um pênalti cometido por Schmeichel em Vitolo. 80 minutos, N’Zonzi na bola ele chuta e…

Schmeichel defendendo pênalti contra o Sevilla (Foto: Carl Recine/Reuters)

DEFEEEENDE SCHMEICHEL! E enfim, o jogo termina, Leicester 2×0 Sevilla, único inglês nas quartas de finais da Champions League.

No último jogo do mês, o Leicester foi até Londres visitar o West Ham, e ganhou por 3×2, com gol de: Mahrez, Huth e Vardy. Lanzini e Ayew marcaram para os hammers.

Abril – Confirmando presença na elite

Após preocupações sobre se manter na elite, o clube consegue confirmar sua presença na próxima temporada da Premier League. O time contou com quatro vitórias na competição ( 2×0 v Stoke, 2×0 v Sunderland, 1×0 v Arsenal, 1×0 v West Brom). Apenas uma derrota (4×2 v Everton) e um empate (2×2 v Palace).

Já pelas quartas da Champions League o Leicester pegou o Atlético de Madrid. Tendo o primeiro jogo disputado no extinto Vicente Calderón, onde o Atlético venceu por 1×0, com gol de Griezmann aos 28 de pênalti. No jogo de volta, o Sául marcou um golaço de cabeça, abrindo o placar no King Power. E aos 61′ Vardy empatou o jogo, mas ficou por isso mesmo.

O Leicester encerrou a competição sendo:

  • Único time inglês nas quartas de finais;
  • Time estreante a chegar mais longe na competição.

Maio – Jogos finais

Mês de maio, e o Leicester jogava suas quatro últimas partidas, o time inaugurou o mês ganhando por 3×0 o Watford, com gols de Ndidi, Mahrez e Albrighton. Depois acabou perdendo por 2×1 para o Manchester City, 1×6 para os Spurs e empate em 1×1 contra o Bournemouth.

O time encerrou o campeonato em 12º, fora do top ten.

 Chegadas e saídas

Transferências (Chegadas):

Iborra se apresentando ao Leicester City (Foto: LCFC.com)

  • Iheanacho (NIG) – Manchester City (ING) – Valor 27,70 M €
  • Adrien Silva (POR) – Sporting (POR) – Valor 24,50 M €
  • Iborra (ESP) – Sevilla (ESP) – Valor 15,00 M €
  • Maguire (ING) – Hull City (ING) – Valor 13,70 M €
  • Dragovic (AUS) – Leverkusen (ALE) – Taxa de empréstimo:
    2,50 M €
  • Jakupovic (SUI) – Hull City (ING) – Valor 2,30 M €
  • Sam Hughes (ING) – Chester FC (ING) – Valor 145 mil €

A transferência do português Adrien Silva ficou marcada pelo atraso de 14 segundos do Leicester para enviar o documento a FIFA, e por isso, o jogador foi liberado para jogar  apenas em Janeiro. Curiosamente, o seu número no elenco é o 14.

Transferências (Saídas):

  • Drinkwater (ING) – Chelsea (ING) – Valor 37,90 M €
  • Tom Lawrence (GAL) – Derby County (ING) – Valor 5,50 M €
  • Zieler (ALE) – Sttugart (ALE) – Valor 4,00 M €
  • Kapustka (POL) – Freiburg (ALE) – Taxa de empréstimo:
    500 mil €
  • Mendy (FRA) – Nice (FRA) – Taxa de empréstimo: —–
  • Molla Wangué (MAL) – Udinese (ITA) – Taxa de empréstimo: Final de empréstimo

Amistosos:

  • 19/07 – Leicester City 1×1 West Brom (Leicester vencedor nos pênaltis) – PL Asia Trophy
  • 22/07 – Liverpool 2×1 Leicester City – PL Asia Trophy
  • 26/07 – Luton Town 0x1 Leicester City – Amistoso
  • 28/07 – MK Dons 0x0 Leicester City – Amistoso
  • 29/07 – Wolves 1xo Leicester City – Amistoso
  • 01/08 – Burton 2×1 Leicester City – Amistoso
  • 04/08 – Leicester City 2×1 Borussia M’gladbach – Amistoso

Agosto – Início de temporada

A temporada do Leicester começou em um jogo alucinante em Wembley, contra o Arsenal. Que teve o placar final de 4×3, com o Leicester infelizmente saindo perdedor nesse jogo, que aliás contou com duas viradas (clique aqui e veja as informações da partida). Mas o time logo se recuperou após vencer o Brighton por 2×0 em casa, o jogo contou com gols de Okazaki e Maguire.

Quatro dias depois o Leicester enfrentou o Sheffield United, e ganhou por 4×1 fora de casa, jogo válido pela Carabao Cup. Dia 26/08 os foxes foram visitar os red devils, e acabaram perdendo pelo placar de 2×0.

Setembro – O solo pode ceder para Shakespeare

Craig Shakespeare (Foto: LCFC.com)

O início do mês não foi dos melhores para o Leicester. Já que o time perdeu em casa para o Chelsea por 2×1. Logo em seguida empataria com o Huddersfield em 1×1 fora de casa, e eliminaria o Liverpool da Carabao Cup por 2×0. O time logo em seguida enfrentou o mesmo Liverpool, também em casa, mas acabou saindo derrotado por 2×3, jogo que valeu pela Premier League.

Na rodada seguinte os foxes foram até o Vitality Stadium enfrentar os cherries, mas acabaram saindo de mãos atadas após um empate sem gols. Após esse jogo, muitos já colocavam Shakespeare como demitido caso não ganhasse o próximo jogo.

Outubro – O solo cedeu e novo treinador

O jogo que decidiria o futuro de Shakespeare no Leicester, era vencer ou vencer, o que não ocorreu. Já sob pressão dos torcedores, Shakespeare empatou no sufoco contra o West Brom, o que não foi o suficiente para mantê-lo no comando. Shakespeare demitido, mais um na lista do Leicester City.

Em seu lugar ficou o interino Appleton, que ganhou todas (duas) partidas no comando, sendo elas: Swansea 1×2 Leicester e Leicester 3×1 Leeds (Carabao Cup). Ao contrário do que fez com Shakespeare, a ideia do Leicester era contratar um novo treinador.

Resultado de imagem para claude puel
Claude Puel (Foto: Plumb Images/Leicester City FC via Getty Imag)

 Um comandante renomada, e seu principal alvo era Claude Puel, ex-Southampton, e o próprio foi contratado pelos foxes. Sua estréia já estava marcada, 29/10 contra o Everton, no King Power Stadium. O treinador chegou ao Leicester com novas idéias, o que fez os torcedores abraçarem ainda mais o projeto. O Leicester saiu vitorioso, batendo o Everton por 2×0, com gols de Vardy e Gray.

Novembro – Início de trabalho

O mês de novembro foi bem interessante para o Leicester. Já que no seu início de trabalho, Puel resolveu fazer novos experimentos para o time, alterando jogadores e táticas. No seu segundo jogo no comando, o Leicester empatou fora de casa em 2×2 contra o Stoke, e um jogo bem disputado entre as equipes. O jogo seguinte foi contra a máquina Manchester City, qual o time perdeu de 2×0 em casa. O time empatou com o West Ham fora de casa, em um jogo horrível de ambas as equipes. E no último jogo do mês, o Leicester bateu o Tottenham por 2×1 dentro de casa, com gols de Vardy e Mahrez.

Dezembro – Caída de desempenho

Após a vitória contra o Tottenham, o Leicester emplacou, ganhando três jogos consecutivos. Leicester 1×0 Burnley, jogo que teve o gol de Gray. Talvez o melhor jogo de dezembro foi o duelo que ocorreu no St. James Park, quando o Leicester bateu de virada o Newcastle por 3×2. O jogo se iniciou com gol de Joselu aos 4, aos 20 Mahrez empatou em um golaço, e Gray virou aos 60. Gayle empatou aos 73 para os magpies mas no desfecho do jogo, Ayoze marcou contra, decretando a vitória do Leicester (veja os lance aqui).

O Leicester ganhou também do Southampton, e pelo placar de 4×1 fora de casa. No St. Mary’s Stadium. Mahrez abriu o placar em mais um golaço, Okazaki e King aumentaram. Yoshida diminuiu para os saints aos 61, mas aos 69 Okazaki marca novamente, sendo o quarto do Leicester, para fechar o caixão (veja os lances aqui).

No dia 16/12, no jogo contra o Palace o time do Leicester caiu de modo espantoso de desempenho, perdendo para o Palace por 3×0, tendo também a expulsão de Ndidi.

Pela Carabao Cup o Leicester enfrentou o Manchester City, e acabou caindo 

Maguire marcando o gol de empate (Foto: LCFC.com)

nos pênaltis para os citzens. O jogo seguinte contra o United foi muito animador para o Leicester, já que a equipe começou ganhando com gol de Vardy, levou a virada em dois lindos gols de Mata, e aos 90+4 “God Maguire” (assim apelidado pelos torcedores após o jogo) marcou o gol de empate, que teve um sabor de vitória (veja os melhores momentos do jogo aqui).

 

 

 

A última partida do time até a data de publicação desse post foi uma derrota contra o Watford por 2×1, de virada, no Vicarage Road. 

 

 

João Vitor (23 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta