Real Madrid vence mais uma e segue tranquilo na ACB

 Real Madrid vence mais uma e segue tranquilo na ACB

Foto: Divulgação/Real Madrid

Com 12 vitórias, o Real Madrid tem duas a mais que o agora isolado vice-líder Unicaja Málaga

A 13ª rodada da temporada 2023/2024 da Liga ACB, nome oficial do Campeonato Espanhol de Basquete Masculino, teve seus nove jogos realizados. O Real Madrid continua tranquilo na liderança isolada. O Barcelona perdeu e deixou o Unicaja Málaga sozinho como vice-líder. Por outro lado, o Palencia permanece como o único lanterna e cada vez mais distante de conseguir escapar da queda.

São 18 clubes na disputa da atual Liga ACB. Após turno e returno (34 rodadas), os oito primeiros vão aos play-offs, enquanto os dois piores serão rebaixados.

Baskonia x Bilbao (3ª rodada) segue com o recorde de público da Liga ACB 23/24 até aqui: 15.504 pessoas na Fernando Buesa Arena. O dono do melhor ataque ainda é o Real Madrid, com 1189 (dois times ainda não chegaram a mil). Já o Valencia tem a melhor defesa, com 1007 pontos sofridos (oito equipes já passaram de 1100).

O Bilbao, com 43, é o dono da menor pontuação em um só jogo. Já o Unicaja Málaga, com apenas cinco, é quem menos pontuou em um único quarto. Curiosamente, ambas as marcas foram batidas numa mesma partida, pela 11ª rodada. Barcelona é o dono da maior pontuação em um único jogo, ao fazer 115 contra o Girona, também pela 11ª rodada. Markus Howard (Baskonia) e Kullamae (Bilbao) permanecem como os maiores pontuadores em uma só partida, com os 33 pontos contra o Obradoiro (9ª) e Granada (5ª rodada), respectivamente.

M. Howard (Granada) continua como principal cestinha da atual temporada da ACB, com 17,3 de média; Birgander (UCAM Murcia) é o primeiro nos rebotes, com 9,3 de média; Dani Pérez (Manresa) é o líder nas assistências, com 6,9 de média.

Veja jogo a jogo da rodada da Liga ACB:

Baskonia 104 x 100 Tenerife
Parciais: 22|25 34|19 22|29 26|27
Local: Fernando Buesa Arena | Público: 7.821
Cestinhas: Fernández (TEN) = 27 pontos
Destaques: O time da casa resolveu o triunfo ainda no primeiro tempo e teve três jogadores com mais de 20 pontos: Howard (22), Moneke (22) e Marinkovic (25), além de um ótimo aproveitamento nas bolas de três: 54% (15 convertidas em 28 lançadas). A equipe tinerfeña também foi bem nos arremessos de três (13 em 26, 50% de aprovetiamento) e teve cinco jogadores com mais de 10 pontos: Fernández (27), Abromaitis (14), Doornekamp (14), Shermadini (13) e o brasileiro Marcelinho Huertas, que anotou 12 pontos e deu oito assistências.

Manresa 101 x 87 Girona
Parciais: 29|17 23|25 27|27 22|18
Local: Pavelló Nou Congost | Público: 4.930
Cestinha: Pons (GIRL) = 22 pontos
Destaque: O time manresano teve todos os seus 10 jogadores em quadra pontuando, cinco deles com mais de 10 pontos: Robinson (autor de um duplo-duplo, com 19 pontos e 10 rebotes), Badio (16), Steinbergs (13), Taylor (12) e García (12). As duas equipes não foram bem nos lances livres: os mandantes erraram cinco em 19 (74% de aproveitamento) e os visitantes falharam cinco dos 12 (58% de aproveitamento).

UCAM Murcia 77 x 85 Valencia
Parciais: 7|23 19|18 20|12 24|17 (Prorrogação: 7|15)
Local: Pabellón Príncipe Felipe | Público: 5.110
Cestinha: Ennis (MUR) = 25 pontos
Destaque: Após um primeiro quarto muito ruim, os murcianos reagiram e levaram o duelo para a prorrogação (perdiam por 70 a 61 faltando um minuto), mas sentiram as perdas de Simon Birgander e Ludde Hakanson, lesionados durante a partida, e acabram superados pelos valenciano, que tiveram Inglis como autor de um duplo-duplo: 16 pontos e 12 rebotes. Além dele, Davies anotou 20 pontos e Touré apanhou 10 rebotes.

Joventut 78 x 69 Obradoiro
Parciais: 20|18 14|23 21|14 23|14
Local: Palau Municipal D´Esports de Badalona | Público: 4.247
Cestinha: Andrews (JOV) = 23 pontos
Destaques: O time badalonês teve Andrews como cestinha pela segunda rodada seguida, apesar do baixo desempenho na bola de dois (apenas 17 acertos em 41 arremessos, 41% de aproveitamento). Já o Obra foi mal demais nas bolas de três (somente cinco convertidas em 21 lançadas, 24% de aproveitamento).

Granada 109 x 85 Palencia
Parciais: 26|20 29|17 35|27 19|21
Local: Palacio Deportes Granada | Público: 7.477
Cestinha: Costa (GRA) = 20 pontos
Destaques: Os dois times tiveram cinco jogadores com dois dígitos nos pontos. Pelo lado granadino, o brasileiro Cristiano Felicio anotou 15 (além de quatro rebotes ofensivos e duas assistências), assim como Cheatham e Thomasson. Kramer fez 13 e Costa, 20. Nos visitantes, Whittington e Haarms marcaram 10, Van der Vuurst, 11, Pasecniks, 15, e o brasileiro Vitor Benite, 16 (além de dar duas assistências). Destaque também para o ótimo aproveitamento dos mandantes nas bolas de três: 64% (16 convertidas em 25 arremessadas).

Real Madrid 97 x 71 Gran Canaria
Parciais: 31|14 23|23 20|16 23|18
Local: WiZink Center | Público: 7.731
Cestinha: Happ (GCA) = 26 pontos
Destaques: Vitória tranquila do Real, não perdeu um dos quatro quartos sequer, e com cinco jogadores com dois dígitos nos pontos: Poirier (10), Tavares (12), Causeur (13), Musa (15) e Hezonja (19). Cestinha do jogo, Happ foi o único a anotar dois dígitos pelos visitantes, que foram muito mal nas bolas de três (13% de aproveitamento: quatro em 32).

Bilbao 68 x 76 Breogán
Parciais: 22|13 12|18 19|18 15|27
Local: Bilbao Arena | Público: 9.109
Cestinha: Anderson (BRE) = 15 pontos
Destaques: Com supremacia nos rebotes (44 x 34), o time da casa teve como destaque os 11 rebotes de Renfroe, mesma quantidade de Fernández, dos visitantes. Além disso, todos os 10 jogadores bilbaínos em quadra pontuaram.

Andorra 81 x 87 Unicaja Málaga
Parciais: 24|18 15|16 18|25 24|28
Local: Pavelló de Govern | Público: 3.798
Cestinhas: Osetkowski (MAL) e Kalinoski (MAL) = 18 pontos
Destaques: Vitória de virada dos malaguenhos, num jogo com um dado curioso: todos os 11 jogadores de cada lado em quadra pontuaram. No lado andorrano, o brasileiro Rafa Luz marcou sete pontos, pegou quatro rebotes e deu cinco assistências. Seu compatriota e companheiro de time, Felipe dos Anjos, anotou quatro pontos e conseguiu três rebotes.

Zaragoza 101 x 99 Barcelona
Parciais:21|18 27|26 33|31 20|24
Local: Pabellón Príncipe Felipe | Público: 5.510
Cestinha: Parker (BAR) = 23 pontos
Destaques: Num duelo equilibrado do início ao fim, o time aragonês, desfalcado de Emir Sulejmanovic e Santi Yusta, contou com um duplo-duplo de Bell-Haynes (19 pontos e 13 assistências), autor da cesta decisiva a menos de um segundos para o fim. Além dele, outros quatro zaragocistas terminaram com dois dígitos nos pontos: Kravic (10), Gielo (13), McFadden (16) e Watt (22). A equipe da casa foi muito bem nas bolas de três: 57% de aproveitamento (12 certas em 21 lançadas). O Barça, que perdeu a terceira consecutiva fora de casa para o Zaragoza, teve cinco jogadores com mais de 10 pontos: Vesely (11), Hernangómez (11), Brizuela (14), Laprovittola (21) e o cestinha Parker (23).

Confira a classificação:

1º Real Madrid = 11 vitórias;
2º Unicaja Málaga = 9;
3º Barcelona, Valencia e UCAM Murcia = 8;
6º Manresa, Baskonia, Gran Canaria, Girona e Joventut = 6;
11º Tenerife = 6;
12º Zaragoza, Obradoiro e Bilbao = 5;
15º Granada, Andorra e Breogán = 4;
18º Palencia = 1.

Esportes Mais

Vinicius Fernandes Batista

Brasileiro mais apaixonado pelo futebol da Espanha que o do Brasil.

Related post

Leave a Reply