Líder Real Madrid perde na rodada da ACB

 Líder Real Madrid perde na rodada da ACB

Foto: Divulgação/UCAM Murcia

Com 16 vitórias, o Real Madrid continua na ponta, com uma a mais que o vice-líder Unicaja Málaga

A 18ª rodada (primeira do returno) da temporada 2023/2024 da Liga ACB, nome oficial do Campeonato Espanhol de Basquete Masculino foi realizada. O Real Madrid foi derrotado, mas continua na liderança isolada. O vice-líder Unicaja Málaga venceu, assim como o lanterna Palencia.

São 18 clubes na disputa da atual Liga ACB. Após turno e returno (34 rodadas), os oito primeiros vão aos play-offs, enquanto os dois piores serão rebaixados.

Baskonia x Bilbao (3ª rodada) segue com o recorde de público da Liga ACB 23/24 até aqui: 15.504 pessoas na Fernando Buesa Arena. O dono do melhor ataque segue com o Real Madrid, com 1618 (único com mais de 1600), mas a melhor defesa, com 1379 pontos sofridos, pertence ao Unicaja Málaga.

O Bilbao, com 43, é o dono da menor pontuação em um só jogo. Já o Unicaja Málaga, com apenas cinco, é quem menos pontuou em um único quarto. Curiosamente, ambas as marcas foram batidas numa mesma partida, pela 11ª rodada. O Barcelona é o dono da maior pontuação em um único jogo, ao fazer 115 contra o Girona, também pela 11ª rodada. Markus Howard (Baskonia) e Kullamae (Bilbao) permanecem como os maiores pontuadores em uma só partida, com os 33 pontos contra o Obradoiro (9ª) e Granada (5ª rodada), respectivamente.

M. Howard (Granada) continua como principal cestinha da atual temporada da ACB, com 17,2 de média; Birgander (UCAM Murcia) é o primeiro nos rebotes, com 9,3 de média; Marcelinho Huertas (Tenerife) deixou de ser líder nas assistências (com 6,7 de média), sendo superado por Dani Pérez (Manresa), que chegou a 6,8.

Veja jogo a jogo da rodada da Liga ACB:

Girona 84 x 86 Palencia
Parciais: 21|17 23|17 19|24 21|28
Local: Palau Girona-Fontajau | Público: 5.012
Cestinha: Pasecniks (PAL) = 29 pontos
Destaques: Vitória (a primeira fora de casa) de virada, no segundo tempo, dos palencianos, que tiveram Pasecniks entrando para a história como maior pontuador do time em um jogo da Liga ACB. Cestinha pela segunda rodada seguida, ele ainda anotou um duplo-duplo ao apanhar dez rebotes. O brasileiro Vitor Benite terminou com 13 pontos, um rebote defensivo e duas assistências. Frakamp anotou uma bola de três a 19 segundos do fim para colocar o Palencia na frente pela primeira vez e mesmo com dois rebotes ofensivos consecutivos, Iroegbu não conseguiu converter a cesta que levaria o duelo para a prorrogação. Sexta derrota consecutiva do Girona, seu pior retrospecto em toda a história da ACB.

Tenerife 80 x 83 Barcelona
Parciais: 20|24 19|15 25|24 16|20
Local: Pabellón de Deportes Tenerife Santiago Martín | Público: 5.153
Cestinha: Shermadini (TEN) = 22 pontos
Destaque: Vitória de virada do Barça, com uma linda cesta de três de Parker a um segundo do fim. Todos os 20 jogadores em quadra (dez de cada lado) pontuaram. A equipe tinerfeña contou com nove pontos, dois rebotes e sete assistências do brasileiro Marcelinho Huertas.

Andorra 87 x 78 Bilbao
Parciais: 19|25 21|19 26|12 21|22
Local: Pavelló de Govern | Público: 3.521
Cestinha: Harding (AND) = 20 pontos
Destaque: Foi de virada o terceiro triunfo consecutivo dos andorranos, que contaram com 21 pontos de Harding e 20 de Borg. O brasileiro Rafa Luz marcou sete pontos, pegou cinco rebotes e deu seis assistências; e o seu compatriota Felipe dos Anjos anotou nove pontos e pegou sete rebotes. O Bilbao teve cinco jogadores com dois dígitos nos pontos: Smith (16), De Ridder (12), Kullamae (12), Renfroe (11) e Andersson (10).

Manresa 82 x 90 Baskonia
Parciais: 23|14 13|23 30|26 16|27
Local: Pavelló Nou Congost | Público: 5.000
Cestinhas: Howard (BAS) e Costello (BAS) = 20 pontos
Destaques: No jogo número 1000 do técnico Pedro Martínez (apenas o segundo na história a alcançar tal feito, depois de Aíto García Reneses), os manresanos perderam de virada dentro de casa, numa atuação irregular das duas equipes. Um dos cestinhas da partida e principal anotador da liga, Markus Howard marcou todos os seus pontos no segundo tempo.

UCAM Murcia 73 x 61 Real Madrid
Parciais: 19|16 17|10 16|25 21|10
Local: Palacio de Deportes de Murcia | Público: 7.500
Cestinha: Ennis (MUR) = 18 pontos
Destaques: Com uma parcial final de 12 a 0 a seu favor, num ginásio lotado, os murcianos derrotaram o líder, que vinha numa sequência de oito triunfos, numa partida marcada pelo baixo aproveitamento nas bolas de três de ambos os lados. O time da casa acertou apenas quatro de seus 24 arremessos (17%) e os merengues, oito em 31 (26%). Os madridistas não contaram com Sergio Llull, Rudy Fernández, Dzanan Musa, Edy Tavares e Vincent Poirier, todos lesionados.

Joventut 95 x 84 Zaragoza
Parciais: 24|17 26|21 17|17 28|29
Local: Palau Municipal D´Esports de Badalona | Público: 5.132
Cestinha: Bell-Haynes (ZAR) = 25 pontos
Destaques: O time badalonês definiu sua vitória no primeiro tempo, com destaque para os 20 pontos de Brodziansky e o bom aproveitamento nas bolas de três (42%, com 13 certas em 31 lançadas). Tomic apanhou dez rebotes, critério decisivo no duelo (47 x 29 para os mandantes). A equipe aragonesa teve cinco jogadores com mais de pontos: Bell-Haynes (25), Gielo (13), Watt (13), Sulejmanovic (11) e Yusta (11).

Valencia 88 x 80 Breogán
Parciais: 24|24 18|23 17|21 29|12
Local: Pabellón Fuente de San Luis | Público: 4.570
Cestinhas: Davies (VAL) e Ojeleye (VAL) = 21 pontos
Destaques: Triunfo de virada do time valenciano, com um último quarto espetacular, o seu único vencido. Todos os seus 11 jogadores em quadra pontuaram. Destaque para a dupla Davies e Ojeleye, autora de 42 pontos (21 para cada). López-Arostegui apanhou 11 rebotes. Bem nas bolas de três (41%, acertando 13 de seus 32 arremessos), a equipe galega foi mal nos lances livres, errando dez de seus 21 cobrados (52% de aproveitamento).

Granada 77 x 74 Obradoiro
Parciais: 18|18 24|16 20|18 15|22
Local: Palacio Deportes Granada | Público: 7.487
Cestinha: Thomasson (GRA) = 22 pontos
Destaques: Os lances livres definiram o vencedor. O time andaluz teve 50% de aproveitamento (10 em 20), mas a equipe galega também não foi bem, errando seis de seus 27 (76% de aproveitamento). O brasileiro Cristiano Felício marcou dez pontos, pegou seis rebotes e deu uma assistência, pelo lado granadino. O Obra, que perdeu a terceira seguida, contou com um duplo-duplo de Tinkle (13 pontos e 11 rebotes).

Unicaja Málaga 80 x 77 Gran Canaria
Parciais: 22|16 18|16 19|27 21|18
Local: Palacio de Deportes José María Martín Carpena | Público: 10.513
Cestinha: Happ (GCA) = 23 pontos
Destaques: Duelo defindo no último quarto. A equipe da casa venceu pela 14ª vez consecutiva no campeonato, com destaque para Kameron Taylor, que anotou uma cesta de dois a 40 segundos do fim e em seguida robou uma bola de Dylan Osetkoski para concretizar o triunfo andaluz, mal nos lances livres (64% de aproveitamento, com oito erros em 22 cobrados). Todos os seus 12 jogadores em quadra pontuaram. O brasileiro Augusto Lima marcou dois pontos, pegou dois rebotes defensivos e deu uma assistência. Já o Granca, mesmo com um duplo-duplo de Happ (23 pontos e dez rebotes), foi muito mal nas bolas de três (20% de aproveitamento, com apenas cinco acertos em 25 lançadas).

Confira a classificação:

1º Real Madrid = 16 vitórias;
2º Unicaja Málaga = 15;
3º Barcelona = 12;
4º UCAM Murcia, Valencia e Gran Canaria = 11;
7º Baskonia = 10;
8º Tenerife, Manresa e Joventut = 9;
11º Zaragoza = 8;
12º Bilbao, Andorra e Girona = 7;
15º Granada e Obradoiro = 6;
17º Breogán = 5;
18º Palencia = 3.

Esportes Mais

Vinicius Fernandes Batista

Brasileiro mais apaixonado pelo futebol da Espanha que o do Brasil.

Related post

Leave a Reply