Notícias

Sem categoria

Em dia de festa, Remo arranca empate com o São Raimundo pelo Parazão

dsc_0698

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Time azulino, que comemora 112 anos de fundação neste domingo (05), começou perdendo, mas igualou o placar no fim da partida, com Tsunami

 

No dia que completa 112 anos de existência, o Remo não conseguiu presentear sua torcida com uma vitória, mas conquistou o empate no fim do jogo. Fora de casa, o Leão ficou no 1 x 1 com o São Raimundo, no Estádio Colosso dos Tapajós, em Santarém, pela terceira rodada do campeonato paraense. Os gols foram marcados no segundo tempo. Thiago marcou para os donos da casa, de pênalti.

O JOGO

A partida começou muito estudada, com o Remo ligeiramente melhor. Na primeira metade da etapa inicial, jogo movimentado. Aos 13 minutos, Flamel fez boa jogada para o time azulino, invadiu a grande área pelo lado direito e finalizou por cima, com perigo. Aos 17, foi a vez de Edgar assustar a equipe da casa, com chute forte de fora da área. O goleiro Roger Kath, do São Raimundo, espalmou para escanteio. O Pantera, como é conhecido o time de Santarém, só foi dar trabalho ao goleiro remista aos 24 minutos, quando o meia Wendel chutou, pela direita, para defesa de André Luís, em dois tempos. Após os 25 minutos a partida esfriou, com muitas trocas de passes sem objetividade de ambas as equipes. Outro lance de perigo só foi acontecer aos 42. Após cobrança de escanteio para o São Raimundo, o goleiro azulino saiu mal e Rodrigo Vitor quase marca, mas pegou mal na bola e ela subiu.

No segundo tempo, o treinador azulino Josué Teixeira modificou seu ataque, e colocou Gabriel Lima no lugar de Jayme. A substituição pareceu surtir efeito, pelo menos nos primeiros minutos da etapa final. Aos três, Flamel fez ótimo cruzamento, na cabeça de Henrique. O zagueiro, na pequena área do pantera, testou por cima do gol. Um minuto depois, o Remo assustou na bola parada. Tsunami cobrou falta de longa distância, e ela passou perto da trave esquerda. O São Raimundo respondeu aos sete minutos, quando Thiago, quase na pequena área do goleiro André Luís, cortou pra esquerda e foi travado na hora do chute pela zaga remista. Aos 22 minutos da segunda etapa, o Remo até balançou as redes, mas foi prejudicado com a marcação equivocada de impedimento, após Gabriel Lima completar cruzamento rasteiro de Flamel, pela direita.

Depois desse lance, ele foi substituído por Fininho, que entrou bem. Aos 30, o meia azulino cruzou para Jaquinha se antecipar a zaga e cabecear na trave esquerda de Roger Jath, que nem pulou na bola. No entanto, dois minutos depois, o São Raimundo puxou contra-ataque rápido pela esquerda, e Thiago saiu na cara do gol. O atacante driblou André Luís e foi derrubado pelo goleiro do Remo. O árbitro Joelson Nazareno Ferreira Cardoso marcou o pênalti e puniu o camisa 1 remista com o cartão amarelo. O próprio Thiago cobrou e abriu o placar no Colosso dos Tapajós.

Após o gol, o técnico do time de Santarém fechou sua equipe. Lecheva tirou o meia Chaveirinho para dar lugar ao zagueiro Lucas Barboza. Os donos da casa amarraram a partida nos minutos finais, mas aos 42, veio o empate. Depois de Fininho cobrar falta pelo alto para dentro da área do pantera, o goleiro Roger Kath saiu mal, e Tsunami cabeceou por cima dele, deixando tudo igual.

Com o empate, o Remo chegou a vice-liderança do grupo 2 do Parazão, com 5 pontos. O líder é o Independente, que derrotou o Pinheirense na manhã deste domingo, pelo placar de 3 x 1, em Belém. O São Raimundo ocupa também a segunda colocação do grupo 1, com os mesmos 5 pontos, um a menos que o Paragominas, que na noite do último sábado venceu o Águia, em casa, por 1 x 0. Na próxima rodada, o Remo tem o clássico contra o Paysandu. O Re x Pa, como é conhecido, será realizado no Mangueirão, na capital paraense. Já o São Raimundo encara o Independente, novamente em Santarém.

Felipe Nobre (28 Posts)

Jornalista, carioca de Belém do Pará e apaixonado pelo futebol brasileiro.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta