Notícias

Futebol Brasileiro

Buscando a fuga do Z4, Chape recebe o Palmeiras na Arena Condá

chapepalmeiras18

Chapecoense precisa vencer para se afastar da zona de rebaixamento, já o Verdão Paulista aposta no triunfo para entrar na briga pelo título

Na noite desse domingo (02), a Chapecoense entra em campo, às 19h, horário de Brasília, para enfrentar o Palmeiras, em jogo válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

Ocupando a 17ª posição na tabela e abrindo a zona de descenso do Brasileirão, o Verdão do Oeste vai para o jogo em meio a muita desconfiança de sua torcida. Com apenas 21 pontos conquistados, a Chape aposta na força da Arena Condá para sair do Z4 da competição, já que vem de uma derrota frente ao Vasco (3 a 1), no Rio. O Palmeiras, que atualmente é o 5º colocado no Brasileiro, deve usar uma equipe alternativa frente à Chapecoense, devido ao desgaste dos titulares após a classificação na Libertadores, frente ao Cerro Porteño. No certame nacional, o Porco tem 37 pontos e seu último resultado foi um empate, frente ao Internacional (0x0), em Porto Alegre.

Semana Conturbada

Na última terça-feira, a direção da Chapecoense surpreendeu os veículos de imprensa e a torcida alviverde. Em nota, foi comunicado o afastamento do atleta Wellington Paulista da equipe principal do Verdão:

A Diretoria da Chapecoense, em conjunto com o Departamento de Futebol, informa que o jogador Wellington Paulista não treinará mais com o grupo principal. Ele fará suas atividades com o elenco de transição e aspirantes do clube”

Artilheiro da Chape em 2018, o atleta, também em nota, diz-se surpreso com a atitude da direção, segue trecho:

“…há 20 dias eu era um atleta inegociável e neste momento passo a ser um atleta imprestável, descartado e encostado. O que será que pode ter acontecido em 20 dias, sinceramente ainda busco uma resposta…”

Wellington Paulista
WP9 expressou-se via nota oficial (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)

Em uma semana marcada por mudanças, também foram anunciados dois reforços para a sequência da Chape no Brasileirão. Tratam-se de dois jovens jogadores provenientes do Atlético-MG; o meia Marquinhos e o atacante Capixaba. Para os próximos dias, o nome de Rômulo, atacante do Avaí, deve ser oficializado. O Departamento de Futebol segue trabalhando para reforçar o elenco em busca da permanência na Série A.

Mudanças no time titular

Para enfrentar o Palmeiras, o técnico Guto Ferreira promoverá alterações na equipe e no esquema utilizado. A Chape deve vir a campo no 4-3-3, em detrimento ao 4-4-2 utilizado contra o Vasco. No setor defensivo, duas mudanças devem ser feitas. O zagueiro Nery Barreiro ocupará o lugar de Douglas, que teve uma lesão de grau 1 detectada na coxa esquerda. Na lateral esquerda, Roberto, recém reintegrado ao grupo principal após empréstimo ao Londrina, deve ocupar a vaga de Bruno Pacheco, por questões técnicas.

Roberto (LE) é a grande surpresa na equipe da Chape. (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)

No meio de campo, Guto escalará Elicarlos, recuperado de lesão, para o lugar de Amaral, e Diego Torres entra no lugar de Yann Rolim. O meia Canteros deixa o time titular, e o atacante Osman Jr. volta a ter oportunidade entre os 11 iniciais, formando a trinca de ataque com Bruno Silva e Leandro Pereira.

Palmeiras

Após a suada classificação frente ao Cerro Porteño pela Libertadores da América, o Palmeiras deve enfrentar a Chapecoense com um time bem modificado. A grande maioria dos titulares devem ser poupados, mesmo assim a equipe que vem a Chapecó quer surpreender os catarinenses e voltar com os 3 pontos, aproximando-se do G4 do Brasileirão.

No gol, ainda há a dúvida entre Weverton e Fernando Prass, e no meio de campo, Felipão ainda avalia a escalação de Felipe Melo (expulso contra o Cerro aos 3 minutos do primeiro tempo), ou a manutenção de Thiago Santos na equipe.

Embora ainda hajam pontos a se definir sobre a formação inicial, o que mais se espera é o reencontro de Hyoran com a Chapeconese. Criado na base da Chape, e que agora atua pelo Palmeiras, o jogador, de 25 anos de idade, chegou à equipe paulista ainda em 2016, quando se destacou atuando no Verdão do Oeste, e somente agora vem conseguindo sequência na equipe titular do Porco.

Palmeiras aposta na “lei do ex” para vencer a Chape na Arena Condá (Foto: Cesar Greco/ Ag. Palmeiras/ Divulgação)

Opinião

É difícil avaliar ou fazer um prognóstico sobre o jogo desse domingo. Qual Chapecoense veremos em campo? Os problemas internos foram resolvidos? Não sabemos. Não temos posição oficial sobre o que de fato aconteceu. Além disso, o Presidente da Chape não se pronunciou sobre o caso. Fato curioso, pois após as vitórias é o primeiro a dar entrevistas entusiasmadas. Quanto ao Palmeiras, também não há muito o que se avaliar. Os paulistas tem um dos elencos mais completos do país, e mesmo atuando com uma equipe “reserva”, trará dificuldades para a Chape. Uma coisa é factível, se houver a mesma atitude dos jogadores da Chape que temos vivenciado nos jogos passados, o Verdão do Oeste não vai conseguir superar o Palmeiras. Além de muita concentração e disposição em campo, a Chape precisará de todo apoio da torcida e uma boa dose de sorte para voltar a vencer no Brasileirão.

Ficha Técnica – Chapecoense x Palmeiras:

Data: 02/09/2018

Hora: 19h, horário de Brasília

Local: Arena Condá – Chapecó (SC)

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (MG), auxiliado por Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG).

Chapecoense: Jandrei; Eduardo, Thyere, Nery e Roberto; Elicarlos, Márcio Araújo e Diego Torres; Osman Jr, Bruno Silva e Leandro Pereira. Técnico: Guto Ferreira

Palmeiras: Weverton; Pedrão, Luan e Gustavo Gómez; Jean, Felipe Melo, Gabriel Furtado, Lucas Lima e Victor Luis; Hyoran e Deyverson. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Clique para entrar no site.

Deixe uma resposta