Notícias

Sem categoria

Jogos Olímpicos Rio 2016: resumo do dia 20

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Confira tudo que rolou no penúltimo dia das Olimpíadas Rio 2016

Neste sábado (20) tivemos muitas definições de medalhas e início de algumas competições, além da conquista inédita e histórica do brasileiro, Isaquias Queiroz, na canoagem. O baiano conquistou sua segunda prata nestes jogos e se tornou o primeiro brasileiro a ganhar três medalhas em uma mesma edição do torneio olímpico. Consagrados nas Copas do Mundo, nosso futebol masculino lutou e conquistou neste 20 de Agosto, o ouro inédito em uma Olimpíada, e o ouro veio dentro de casa.
Veja os principais resultados de hoje nas seguintes modalidades:
                                            Badminton Simples masculino
Na manhã deste sábado (20), no confronto pelo ouro olímpico na modalidade, o chinês Chen Long, segundo colocado no ranking mundial, venceu o número um do mundo, o malaio Chen Long, por dois sets a zero, e garantiu o alto do pódio no badminton simples masculino.
Durante o dia também tivemos a disputa pelo bronze, entre o dinamarquês Viktor Axelsen, e o chinês Lin Dan, no confronto pela terceira colocação, o atleta da Dinamarca surpreendeu e levou a melhor sobre o bicampeão do ouro olímpico, nas últimas duas olímpiadas, Lin Dan, por dois sets a um e garantiu o bronze no Rio.
                                             Canoagem velocidade
Caiaque individual 200m: 
Em uma disputa por medalha acirrada e definida por segundos, no estádio da lagoa, o atleta da Grã-Bretanha, Liam Heath garantiu o ouro com o tempo de 35,19 s. A prata ficou com o francês, Maxime Beaumont que encerrou a prova em 35,36 s. Na disputa pelo bronze, os atletas Saúl Craviotto da Espanha e Ronald Rauhe da Alemanha cravaram o mesmo tempo, e garantiram o bronze por 35,66 s.
Canoa dupla 1.000m masculino: Com direito a conquista histórica para o Brasil nas Olimpíadas, as medalhas da modalidade foram definidas na manhã deste sábado.
O lugar mais alto do pódio ficou com os alemães, J. Vandrey e S. Brendel, no tempo de 3:43,91. A prata foi conquistada pela dupla brasileira, formada por Erlon Silva e Isaquias Queiroz que enceraram a prova em 3:44,81, com a prata o baiano Isaquias Queiroz se tornou o primeiro brasileiro a conquistar três medalhas em uma mesma edição dos jogos olímpicos. O bronze ficou com os ucranianos, T. Mishchuk e D. Lanchuk que enceraram a competição no tempo de 3:45,94.

               IMG_20160820_213227
                                                           Handebol feminino
Disputa pelo ouro: Pelo medalha dourada, as Russas enfrentaram as francesas na grande final do Handebol feminino, pelo placar de 22 a 19, a Rússia garantiu o alto do pódio.
Disputa pelo bronze: A Noruega venceu a equipe dos Países Baixos por 36 a 26.
                                          Luta Olímpica Luta livre 86kg masculino
Classificatórias: A Bielorrússia venceu o Cazaquistão por 3 a 1. O atleta búlgaro venceu o atleta da Mongólia por 5 a 0. E o Irã venceu a Tunísia por 3 a 0.
Oitavas de finais: A Rússia venceu a Hungria por 4 a 0. O atleta da Venezuela venceu o Egito por 3 a 0. O atleta do Azerbaijão venceu o chinês por 4 a 0. O polonês venceu o atleta da Georgia por 3 a 1. A Turquia venceu Porto Rico por 3 a 1. O cubano venceu por 5 a 0 o atleta da Coreia do Sul. O atleta norte-americano venceu a Bielorrússia por 3 a 1. Pelo placar de 3 a 1, o Iraniano venceu o búlgaro.
Quartas de finais: Avançaram para as quartas, os atletas da Rússia, do Azerbaijão, da Turquia e dos Estados Unidos.
Semifinais: No confronto entre Rússia e Azerbaijão, o atleta russo levou a melhor por 3 a 1 e avançou para a disputa pelo ouro olímpico. Na disputa entre Turquia e Estados Unidos, o turco bateu o norte-americano por 3 a 1 e garantiu sua vaga na grande final.
Final: Pelo lugar mais alto do pódio, Rússia e Turquia se enfrentaram, o atleta russo levou a melhor sobre o turco, por 3 a 0 e garantiu o ouro.

 IMG_20160820_205809
                                                               Triatlo feminino
A norte-americana, Gwen Jorgensen conquistou o lugar mais alto no podia com o tempo de 1:56,16. A prata ficou com suíça, Nicola Spirig, que encerrou a competição em 1:56,56. A atleta da Grã-Bretanha, Vicky Holland, ficou com o bronze após encerrar em 1:57,01.
                                        Saltos ornamentais, plataforma de 10 m masculino
Semifinais: o atleta chinês, Chen Aisen é o mais bem colocado com a pontuação de 559.90, seguido por Qiu Bom, de mesma nacionalidade com 504.70, o atleta mexicano Iván Garcia vem na terceira posição com 497.55 pontos.
Final: Na grande final dos saltos, o ouro ficou com o atleta da China, Chen Aisen, que concluiu a apresentação com 585.30, a prata foi conquistada pelo atleta mexicano, Iván Garcia, com 538.70. O norte-americano, David Boudia, que não havia ido tão bem nas semifinais, surpreendeu e conquistou o bronze olímpico, com 525.25 pontos.
                                                            Ginástica rítmica
Equipes geral feminino

Classificatória: as oito equipes mais bem colocadas avançaram para a grande final, sendo eles: Espanha, Rússia, Bielorrússia, Itália, Japão, Israel, Bulgária e Hungria. A equipe espanhola foi a mais bem colocada com 35.749 pontos, as brasileiras ficaram na 9º colocação com 32.649 pontos ficando fora da disputa por medalhas.
Individual geral feminino: Na disputa individual das ginastas em todos os aparelhos, a atleta russa, Margarita Mamun, levou o ouro com a pontuação de 76.483. A prata ficou com a também russa, Yana Kudryavtseva, com 75.608, a ucraniana Ganna Rizatdinova, com 73.583 conquistou o bronze.
                                          Ciclismo mountain bike, cross country feminino
A sueca Jenny Rissveds, garantiu o ouro olímpico com o tempo de 1:30:15. A prata ficou com a canadense, Maja Wloszczowska, que encerrou a prova no tempo de 1:30:52, a canadense, Catherine Pendrel ficou com o bronze, no tempo de 1:31:41.
                                                       Polo aquático
Disputa 7º lugar: a equipe brasileira enfrentou a Espanha, e perdeu pelo placar apertado de 9 a 8, encerando sua participação na 8º colocação destas Olimpíadas.
Disputa pelo 5º lugar: A Hungria bateu a Grécia por 12 a 10 e conseguiu o 5º lugar nos jogos.
Duelo pela medalha de bronze: pelo bronze olímpico a Itália enfrentou a seleção de Montenegro e venceu por 12 a 10, conquistando assim a terceira colocação no pódio.
Duelo pela medalha de ouro: em busca do ouro olímpico, Sérvia e Croácia duelaram, a seleção sérvia levou a melhor e garantiu o lugar mais alto no pódio com uma vitória de 11 a 7, sobre os croatas.

camisas
                                                            Boxe
Peso médio 75kg masculino: Na disputa pelo lugar mais alto no pódio olímpico, o atleta cubano, Arlen Lopez, enfrentou o atleta bektemir Melikuziev, do Azerbaijão, e conquistou o ouro olímpico por 3 a 0.
Peso galo 56kg masculino: 
Na final pelo ouro, o duelo entre o Cubano, robeisy Ramirez, e o norte-americano, Shakur Stevenson, foi vencido pelo atleta de Cuba por 2 a 1, que garantiu o ouro.
Peso mosca 51kg feminino: Na grande disputa pelo ouro olímpico, a atleta da Grã-Bretanha, Nicola Adams, venceu a francesa, Sarah Ourahmoune, por 3 a 0 e levou o lugar mais alto do pódio.
                                    Taekwondo, acima de 80kg masculino
Oitavas de finais: Avançaram para as quartas, Brasil, Níger, Cuba, Uzbequistão, Irã, Grã-Bretanha, Coreia do Sul e Azerbaijão.
Quartas de finais: O brasileiro, Maicon Siqueira perdeu para o atleta de Níger, o Uzbequistão passou por Cuba, o atleta iraniano foi derrotado pelo da Grã-Bretanha e o Azerbaijão venceu bem a Coreia do Sul.
Repescagem: O atleta brasileiro teve a chance de chegar na disputa pelo terceiro lugar, é venceu o francês por 5 a 2, avançando na disputa pelo bronze. No outro duelo da repescagem, o atleta da Coreia do Sul venceu por 15 a 8, o atleta do Cazaquistão.
Confrontos pela medalha de bronze: O Brasileiro, Maicon Siqueira, enfrentou o atleta da Grã-Bretanha, Mahama Cho, e pelo placar de 5 a 4, garantiu o bronze inédito no Taekwondo para o Brasil. No segundo confronto, o sul coreano, Cha Dong-Min venceu por 4 a 3 o atleta do Azerbaijão, e também levou a medalha de bronze.

                                                      Vôlei de quadra feminino
Disputa pelo ouro: A disputa pelo ouro olímpico no volêi feminino, ficou entre China e Sérvia, após perderem o primeiro set, as chinesas voltaram para a partida e venceram os três sets seguintes, garantindo assim a medalha dourada.
Disputa pelo bronze: A seleção dos Estados Unidos enfrentou os Países Baixos e venceu por 3 sets a 1, ficando com o bronze olímpico neste Rio 2016.
                                                            Basquete feminino
Disputa pelo ouro: Em busca do tão sonhado ouro olímpico, as norte americanas enfrentaram as espanholas e mantiveram a tradição do país no esporte, conquistando o lugar mais alto no pódio, em uma partida onde venceram pelo placar confortável de 101 a 72.
Disputa pelo bronze: França e Sérvia fizeram a partida pelo bronze olímpico, com o placar acirrado, a equipe francesa garantiu a medalha pelo placar de 70 a 63.
                                                             Futebol masculino
Disputa pelo ouro: Em um partida dramática, onde alemães e brasileiros lutavam a cada bola pelo ouro olímpico, em 1 a 1 no tempo normal, com gols de Neymar para o Brasil e Maximilian Meyer para a Alemanha. O ouro olímpico do futebol masculino foi decidido em uma disputa por pênaltis, as quatro primeiras cobranças de ambas as equipes foram convertidas, no quinto chute alemão, o goleiro Weverton defende e encaminha o ouro inédito, na última cobrança brasileira, o camisa dez e capitão da amarelinha, Neymar, converte, e sagra os donos da casa, donos também do ouro.
Disputa pelo bronze: No Mineirão Honduras e Nigéria disputaram o bronze, a equipe africana venceu pelo placar de 3 a 2 e garantiu a medalha olímpica.

  IMG_20160820_202116
                                                        Atletismo
Salto em altura feminino: A espanhola, Ruth Beitia, alcançou a maior marca, e levou o ouro. A prata ficou com a atleta da Bulgária, Mirela Demireva, e o bronze com a croata Blanca Vlasic.
800m feminino: O lugar mais alto do pódio ficou com a sul-africana, Caster Semenya, a prata com a atleta de Burundi, e o bronze com a queniana.
Lançamento do dardo masculino: O alemão Thomas Rohler atingiu a maior distância com 90.30m e garantiu o ouro, a prata ficou com o queniano, Julius Yego por 88.24 e o bronze foi para o atleta de Trindad e Tobago, Keshorn Walcott com 85.38m.
1.500m masculino: O ouro foi para o norte-americano, Matthew Centrowitz com 3:50,00, a prata ficou com o argelino, com 3:50,11 e o bronze para o atleta da Nova Azelândia com 3:50,24.
5.000m masculino: A prova foi vencida por Mo Farah da Grã-Bretanha, com o tempo de 13:03,30, a prata ficou com o da Etiópia, Hagos Gebrhiwet que concluiu a prova em 13:04,35, o bronze foi conquistado por Bernard Lagat, dos Estados Unidos, com 13:06,78.
Revezamento 4 x 400m feminino: A equipe dos Estados Unidos levou o ouro no revezamento feminino, no tempo de 3:19,6. A prata ficou com as jamaicanas, com a marca de 3:20,34, o bronze ficou com a equipe da Grã-Bretanha que enceraram a prova em 3:25,88.
Revezamento 4 x 400m masculino: Os Estados Unidos ficou com o ouro, com o tempo de 2:57,30, a prata foi para os jamaicanos que terminaram a prova em 2:58,16, e o bronze ficou com os atletas de Bahamas, com o tempo de 2:58,49.

mini camisas

Milenna Paulino (144 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta