Notícias

Futebol Brasileiro

Caldense tem pela frente o líder do Estadual: Atlético Mineiro

CALDENSE

Caldense após vencer os times da Capital, recebe o Galo em casa e espera vencer para triunfar contra os grandes e solidificar de vez a sua permanência dentro do G-4

Na tarde desta quinta-feira (01) a equipe da Associação Atlética Caldense recebe o Clube Atlético Mineiro às 17h30, horário de Brasília, no Estádio Ronaldão, em duelo válido pela sexta rodada do Campeonato Mineiro de 2021 e dando prosseguimento ao Estadual depois da “Onda Roxa” decretada pelo Governo do Estado no combate ao Coronavírus.

Tabela de classificação do Estadual: Caldense x Atlético Mineiro

A Veterana ocupa a quarta posição com 8 pontos somados, vem de derrota para a URT por 3 a 1, jogando fora de casa no Estádio Zama Maciel, resultado que fez a Caldense perder uma posição na tabela de classificação, além de perder a invencibilidade e os 100% de aproveitamento jogando fora de casa.

Já o Galo é o líder isolado com 15 pontos conquistados, 100% de aproveitamento, vem de vitória  por 3 a 0 contra o Coimbra no Estádio Mineirão, resultado que deixou o Alvinegro soberano e isolado na ponta da tabela.

Paulo Grippi vem com o que tem de melhor contra o Galo

O treinador Marcus Paulo Grippi tem à sua disposição todos os jogadores do elenco, além de poder contar com o jovem Ryan que vinha treinando com o grupo da Veterana e assinou contrato com clube. Volante de 18 anos disputará o Mineiro e Campeonato Brasileiro Série D. Depois de destacar na escolinha Aphas, defendeu outras escolas de futebol dentro de Poços de Caldas como a Zico 10/Coopoços, com o técnico Paulista, e a Curimbaba, com o técnico Pelézinho, além de jogar por quatro anos na categoria de base do Desportivo Brasil em Porto Feliz, interior do Estado de São Paulo, sendo indicado para a Associação Atlética Caldense.

– Fico muito feliz com a oportunidade e pela confiança. É um sonho que está sendo realizado. Agradeço muito a diretoria da Caldense, a comissão técnica e todos que me ajudaram para chegar até aqui. Vou trabalhar intensamente para mostrar meu futebol – disse Ryan ao ge Globo Esporte.

Tardelli é o desfalque do Atlético Mineiro

Já o treinador Cuca não poderá contar com o seu atacante Diego Tardelli que continua fazendo fisioterapia em recuperação de uma lesão muscular na coxa direita. Segunda-feira (29) os jogadores reapresentaram e fizeram treinos físicos, táticos e técnicos em busca da preparação para o reinício do Campeonato Mineiro pós “Onda Roxa”.

O Galo ainda treinou na terça-feira (30) e treina pela manhã na quarta-feira (31), viajando à tarde para o sul de Minas onde faz concentração e defende os 100% de aproveitamento contra a Caldense no Estádio Ronaldão.

Queda da invencibilidade não muda o foco da Caldense

Após a derrota na última rodada do Campeonato Mineiro para a URT por 3 a 1 fora de casa, jogadores falaram sobre a dificuldade dos adversários e que continuam com o foco no objetivo de chegar às semifinais do Estadual. O goleiro Passarelli comentou sobre o assunto dizendo “Não tem adversário fraco”.

– Sabíamos que iriamos vir aqui e iria ser um jogo difícil, não tem adversário fácil hoje em dia. No primeiro tempo o time demorou um pouco para entrar no jogo e no segundo tempo deu uma melhorada. Agora é levantar a cabeça – disse o goleiro Passarelli.

– Vamos trabalhar bastante para que no próximo jogo já virar a chave e buscar a vitória novamente – falou. Palavras do goleiro Passarelli ao ge Globo Esporte.

Passarelli lamenta invencibilidade perdida pela Caldense no Campeonato Mineiro — Foto: Renan Muniz/Caldense

Passarelli lamenta invencibilidade perdida pela Caldense no Campeonato Mineiro — Foto: Renan Muniz/Caldense

Nacho x Alonso: antes rivais e agora companheiros

O zagueiro Alonso embora não chegou a enfrentar o recém-contratado, o meia Nacho Fernández, viu de perto a sua brilhante carreira no arquirrival River Plate. Alonso defendeu o Boca Juniors no período de 2019 e 2020, exatamente anos em que o meia era protagonista no rival.

“Nacho eu já conhecia, porque joguei no Boca, éramos rivais. O que fez na partida anterior é algo que o torcedor vai se acostumar a ver normalmente. É muito bom taticamente. Tecnicamente não tem nem que falar, já mostrou na sua primeira partida” – Junior Alonso. Disse ao ge Globo Esporte.

– O mais importante é que ele vá se adaptando à equipe, ao grupo, conhecendo cada jogador, em que pode ser útil também para a equipe. Então, ter esse tipo de jogador, como outros que temos no grupo, sempre é bom, porque ajuda a melhorar a qualidade da equipe e ajuda para que os objetivos sejam possíveis de conseguir – completou o defensor paraguaio de 28 anos ao ge Globo Esporte.

Foto: Facebook/Caldense.

Ficha técnica – Caldense x Atlético Mineiro

Data: 01/04/2021

Hora: 17h30, horário de Brasília

Local: Estádio Ronaldão – Poços de Caldas – MG

Arbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva – FMF – MG.

Arbitro assistente 1: Marconi Helbert Vieira – FMF – MG.

Arbitro assistente 2: Samuel Henrique Soares Silva – FMF – MG.

Caldense: (Provável escalação) Passarelli; João Goes, Guilherme Martins, Hícaro e Caio Ribeiro; Gabriel Tonini, Lucas Silva, Denilson e Bruno Oliveira; Rafael Peixoto e Rincon.

Técnico: Marcus Paulo Grippi.

Atlético Mineiro: (Provável escalação) Everson: Mariano (Guga), Réver (Igor Rabello), Júnior Alonso e Guilherme Arana; Jair, Allan (Zaracho) e Nacho Fernández; Hulk, Keno e Vargas (Marrony).

Técnico: Cuca.

Deixe uma resposta