Notícias

Matérias Especiais

Após ônibus ser atacado, Sindicato de Atletas de São Paulo abre inquérito

IMG-20210429-WA0003

Sindicato de Atletas de São Paulo busca respostas após ataques ao Ônibus do clube campineiro

Na última segunda-feira (26), o ônibus com toda comissão e jogadores da Ponte Preta foi alvo da torcida na saída do Estádio Moisés Lucarelli. Após terem perdido o jogo, por 1 a 0, para a Inter de Limeira, o veículo foi alvejado por pedras.

O meio-campista da Ponte Preta Vini Locatelli foi atingido no braço e no joelho esquerdo e registrou boletim de ocorrência no 1º Distrito Policial de Campinas.

O Sindicato de Atletas SP tem como missão cuidar de gente e tomou as devidas providências assim que teve conhecimento. Diante do exposto solicitou abertura do inquérito para que se possa apurar a ação dos torcedores, e que os envolvidos após investigação, sejam punidos.

O inquérito foi protocolado ontem (27) no DRADE (Delegacia Polícia Rep. Delitos Intolerância Esportiva).

“Repudiamos tal ação, a categoria deve ser respeitada e que os envolvidos sejam investigados”, afirma Guilherme Martorelli, coordenador jurídico do sindicato.

Crédito da Arte: Soccer Digital

Leia Mais: Corinthians e Penarol se enfrentam pela segunda rodada da Copa Sul-Americana

Leia Mais: Gustavinho pede Paraná Clube sem erros diante do Athletico-PR

Leia Mais: Gilberto comenta preparação do Sub-20 do Boston City FC Brasil

Esportes Mais

Facebook Esportes Mais

Deixe uma resposta