Notícias

Futebol Internacional

Veja como fica a Premier League após o fechamento da janela de transferências

Ramon

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Confira como foi o mercado de transferência dos times da Premier League

Com o fim da janela de transferência europeia, alguns clubes saíram bem e outros, mal. Vamos analisar como foi a agitada janela da Premier League, que teve sete das dez contratações mais caras de clubes europeus.

Resultado de imagem para escudo arsenal pngArsenal

O Arsenal se movimentou menos do era esperado para a temporada. A principal carência do elenco, há temporadas, é no ataque. Os torcedores esperavam grandes contratações nessa janela, o que não ocorreu.

A primeira contratações dos Gunners – também foi a principal – foi o meia Granit Xhaka, que veio do Borussia Mönchengladbach por 30 milhões de libras. Em seguida, o clube anunciou o zagueiro inglês Rob Holding, que veio do Bolton. Quando tudo parecia encerrado, Wenger confirmou as contratações do zagueiro Mustafi, que veio do Valencia, e do atacante Lucas Pérez, vindo do La Coruña.

Em contrapartida, o lado vermelho de Londres não contará com Jack Wilshere, que foi emprestado ao Bournemouth, por uma temporada. O atacante Joel Campbell, para o Sporting, e o goleiro Wojciech Szczęsny, para Roma, também saíram por empréstimo de uma temporada. Quem saiu e não voltará mais, será o meia-atacante Serge Gnabry, que foi para o Werder Bremen.

Resultado de imagem para escudo arsenal pngBournemouth 

O Bournemouth se forçou bem para a temporada 16/17, o clube fechou com o meia Jack Wilshere, do Arsenal, por empréstimo, trouxe o atacante Jordon Ibre, ex-Liverpool, por 15 milhões de libras, e o zagueiro Marc Wilson, vindo do Stoke, por 2 milhões de libras. Lewis Cook, Emerson Hyndman, Lys Mousset e Brad Smith também chegam para reforçar os Cherries.

Enquanto Juan Iturbe deixa o clube, voltando para a Roma – dona de seu passe. Outras perdas, foram o zagueiro Tommy Elphick, que foi para o Aston Villa, Eunan O’Kane, rumo aos Leeds United, Matt Ritchie e Lee Tomlin, indo para o Newcastle e Bristol City, respectivamente.

Resultado de imagem para escudo burnley pngBurnley

O Burnley subiu de divisão na temporada passada, e se reforçou sem grandes nomes. A única compra foi o meio campista Steven Defour, ex-Anderlecht, por 8 milhões de libras. Os outros, vieram de graça, como: Cameron Dummigan, Johann Berg Gudmundsson, Jeff Hendrick, Daniel Lafferty, Kevin Long, Nick Pope e Jamie Thomas.

Em contrapartida, o clube perdeu o  o zagueiro Michael Duff, o goleiro Danijel Nizic, o meia Steven Reid e o meio-campo Fredrik Ulvestad.

Resultado de imagem para escudo arsenal pngChelsea

O Chelsea, como sempre, se movimentou muito no mercado. Os Blues marcaram a maior surpresa da janela, na contratação do zagueiro David Luiz, que volta para o clube. O destaque do Leicester, N’Golo Kanté, é outro que chegou ao clube. O atacante Michy Batshuayi, veio do Olympique de Marseille e vai dividir o ataque com Diego Costa. No último dia da janela, a equipe comandada por Conte, anunciou o lateral Marcos Alonso, ex-Fiorentina.

O Chelsea vendeu apenas dois jogadores na janela, Marko Marin para o Olympiacos, e Papy Djilobodji, para o Sunderland. Todavia, o clube emprestou 17 jogadores, por contrato de uma temporada.

Resultado de imagem para escudo crystal palace pngCrystal Palace

O Crystal Palace fez um bom mercado e contratou bem. O atacante Christian Benteke chega do Liverpool, por incríveis 32 milhões de libras, o meia Yohan Cabaye é contratado de maneira definitiva, custando 10 milhões de libras, e o goleiro Steve Mandada chega, de graça. O zagueiro James Tomkins e o volante Andros Townsend também reforçam os Eagles.

De saída, estão o atacante Emmanuel Adebayor, o meia Bolasie, rumo ao Everton, por 28 milhões de libras, o atacante Gayle, que foi destaque temporada passada, foi para o Newcastle. O Southampton também se reforçou com um jogador dos Eagles. Alex McCarthy foi contratado por 4 milhões de libras.

Resultado de imagem para escudo burnley pngEverton

O Everton se reforçou bem para a temporada 16/17. A principal contratação dos Toffees foi Yannick Bolasie, que veio do Crystal Palace por 28 milhões de libras. Mas outros jogadores importantes foram contratador, como Stekelenburg e Ashley Williams. Pro ataque, Koeman também contratou o atacante Dominic Calvert-Lewin, do Sheffield United.

De vendas, se destacou a venda do zagueiro John Stones, para o Manchester City por 47.5 milhões de libras. Outra perda importante foi o goleiro Tim Howard, que deixou o clube rumo aos Estados Unidos.

Resultado de imagem para escudo hull city pngHull City

O Hull está passando com uma crise financeira e institucional. Por isso, não contratou tanto. O principal reforço foi o volante Ryan Mason, que vem do Tottenham por 13 milhões de libras. Ex-Manchester United, o atacante Will Keane também fechou com os Tigers.

Em contrapartida, os Tigers perderam jogadores importantes, como Ryan Taylor, Sone Aluko e Mohamed Diamé.

Resultado de imagem para escudo arsenal pngLeicester City

Atual campeão da Premier League, o Leicester mostrou que não está de brincadeira. Os Foxes conseguiram manter o elenco e ainda fizeram contratações pontuais. A principal contratação foi o atacante Slimani, do Sporting, por 29.7 milhões de libras. Ahmed Musa, Luiz Hernandez e o goleiro Zieler também vão reforçar o elenco de Ranieri.

De saída, está o volante N’Golo Kanté, para o Chelsea, por 30 milhões de libras. O volante Gokhan Inler não deu certo em Leicester, e foi para o Besiktas. O atacante Kramaric também está de saída do clube, vai para o Hofenheim, da Alemanha.

Resultado de imagem para escudo burnley pngLiverpool

Pela primeira vez com Klopp no comando, o Liverpool foi atrás de reforços pontuais para a temporada. O goleiro Loris Karius, ex-Maiz, por £4.7m. Sadio Mané, vem do Southampton e é o principal reforço para a temporada, junto do zagueiro Matip e de Georginio Wijnaldum.

Joe Allen, deixou o clube, rumo ao Stoke City. Assim como Jordon Ibe, que vai para Bournemouth. Sergi Canos vai pro Norwich e Benteke saiu por 32 milhões, para o Crystal Palace. Assaidi, Skrtel e Sinclair também saíram dos Reds.

Resultado de imagem para escudo burnley pngManchester City

Futuro. A palavra que define a janela de verão do Manchester City em 2016/17. City contratou dez jogadores nessa janela, sendo que 8 deles tinham pra baixo de 26 anos, e 5 deles pra baixo de 22.

Cláudio Bravo (33), Nolito (29), foram os jogadores “mais velhos” contratados pelo clube, mas que não deixarão de ser importantes para o esquema de Pep. Seguidos por Ilkay Gündogan (25), Aaron Mooy (24) G. Rulli (24), John Stones (22), e Marlos Moreno, Zinchenko, Gabriel Jesus e Leroy Sané, todos com 19 anos.

De vendas, o Manchester City não vendeu ninguém, mas emprestou. Joe Hart (Torino), Samir Nasri (Sevilla), Eliaquim Mangala (Valência – empréstimo com opção de compra), Wilfried Bony (Stoke City – os Potters pagaram €2,25M pelo empréstimo do marfinense), fora os recém contratados Gabriel Jesus (Palmeiras, até dezembro de 2016), G. Rulli (Real Sociedad), Zinchenko (PSV), Marlos Moreno (Deportivo Lã Coruna) e Aaron Mooy (Huddersfield Town), que também foram emprestados.

Ao contrário do que todos pensavam – que Guardiola traria vários superstars – o técnico catalão resolveu investir no futuro, e todos esses jogadores contratados, mais os que ficaram no elenco do City, serão bem utilizados e importantes por/para Pep Guardiola.

Clique na foto para acessar o site
Clique na foto para acessar o site

Resultado de imagem para escudo burnley pngManchester United

Com José Mourinho e mesmo fora da Champions League, o United foi atrás e abriu a carteira atrás de reforços. Foram quatro contratações e quatro contratações de peso. Eric Bailly, vem do Villarreal, Zlatan Ibrahimovic, vem de graça do PSG, Mkhitaryan, vindo do BVB e Paul Pogba, que volta da Juventus, sendo a maior contratação da história do futebol.

De vendas, o Manchester não lucrou nada. Mas perdeu uns jogadores, como Victor Valdes, Nick Powell e Will Keane.

Resultado de imagem para escudo arsenal pngMiddlesbrough

Vindo da Championship, o Boro foi clube que melhor se reforçou para a temporada. Trouxeram Antonio Barragan, do Valencia, Bernardo Espinosa, do Sporting Gijón, Viktor Fischer, do Ajax, Brad Guzan, do Aston Villa, o brasileiro Fábio, vindo do Cardiff e até mesmo o goleiro Victor Valdes, ex-Barcelona e Manchester United.

Resultado de imagem para escudo west ham pngSouthampton

Nesta janela de transferência, o Southampton foi modesto e não gastou tanto. De contratação, apenas o atacante Nathan Redmond, o goleiro Alex McCarthy, o meia Pierre-Emile Hojbjerg e Sofiane Boufal.

Mas, os Saints perderam Sadio Mané, Graziano Pellè e Gaston Ramirez. Wanyama também deixou o clube, rumo ao Tottenham.

Resultado de imagem para escudo burnley pngStoke City

O Stoke City foi cirúrgico em suas contratações. Trouxe apenas jogadores de posição que necessitava ou para repor saídas. Jon Allen veio para ajeitar um meio de campo fraco. Ryan Sweeney vem para o futebol, e tentar ajeitar a zaga. Assim como Martins Indi, que jogará no lugar de Wollscheid, que saiu para o Wolfsbug. Para o ataque, principal carência do time, chegou o egípcio Ramadan Sobhi e o Bony.

O zagueiro Marc Wilson também deixou os Potters, foi para o Bournemouth, por £2m.

Resultado de imagem para escudo burnley pngSunderland

Brigando para não rir novamente, o Sunderland foi modesto em suas contratações. A principal, foi meia Didier Ndong, que vem do Lorient. O senegalês Papy Djilobodji também reforça o elenco dos Black Cats. Na porta de saída, está Martin Smith, que vai para o Kilmarnock.

Resultado de imagem para escudo crystal palace pngSwansea City

Borja González, Fer, van der Hoorm e Gerhard Tremeel. Esses são os nomes das contratações do Swansea, que busca a vaga para a Eurocopa League. E o clube nem perdeu tantos jogadores. De destaque, apenas a venda de Williams para o Everton e do atacante Paloschi para o Atalanta.

Resultado de imagem para escudo burnley pngTottenham

Disputando a Champions League, o Tottenham foi atrás de reforços pontuais para a temporada. A contratação mais cara foi de Moussa Sissoko, que veio do Newcastle por 30 milhões de libras. De destaque, também tem o zagueiro Nkoudou, o volante Wanyama e o atacante Janssen – artilheiro do campeonato holandês.

Os Spurs venderam três jogadores: Nacer Chadli, pro West Brom; Ryan Mason, pro Hull City e Alex Pritchard, pro Norwich.

Resultado de imagem para escudo arsenal pngWatford

Buscando algo melhor na tabela, o Watford entrou no mercado buscando bons jogadores. Sem gastar muito, anunciou cinco reforços: Isaac Success Ajayi, Brice Dja Djedje, Christian Kabasele, Stefano Okaka e Jerome Sinclair.

No geral, os Hornets mantiveram o elenco, e venderam apenas Vydra, por 8 milhões de libras ao Derby United e Almen Abdi, por 4 milhões, ao Sheffield Wednesday.

Resultado de imagem para escudo burnley pngWest Brom

Após brigar para não cair, na última temporada, a equipe de Tony Pulis busca reabilitação no campeonato inglês. Para isso, trouxe jogadores importantes, como Nacer Chadli, que chega do Tottenham. Matt Phillips, Robson-Kanu e Allan Nyom também vão reforçar os Baggies.

Sessegnon, Lindegaard, Cristian Gamboa, James Chester e Victor Anichebe deixam o clube.

Resultado de imagem para escudo west ham pngWest Ham

Vindo de uma grande temporada, o West Brom foi atrás de bons jogadores para manter o projeto do time. Jonathan Calleri, Feghouli, Lanzini e Nordtveit são os principais reforços do clube. O meia Edimilson Fernandes também irá reforçar os Hammers.

O principal reforço foi a manutenção do meia Payet. O que não aconteceu com James Tomkins e Jordan Brown que deixaram o clube.

Clique na imagem para acessar o site
Clique na imagem para acessar o site
Iaco Lopes (255 Posts)

Estudante de jornalismo. Vascaíno nascido em João Pessoa-PB. 17 anos.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta