Notícias

+ Esportes

Sergio Ruiz Torres concede entrevista exclusiva para o Esportes Mais

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Sergio Ruiz Torres revela o motivo de sua saída da Venezuela, compartilha suas experiências e se demonstra feliz com o atual momento

Sergio Ruiz Torres é um jornalista venezuelano que se tornou narrador. O mesmo é considerado um dos melhores jornalistas da Venezuela e atualmente trabalha nos Estados Unidos.

Sergio Ruiz mudou completamente seu estilo de vida, transferindo-se de país, emprego e principalmente de área, mas não perdeu a qualidade de seu trabalho. Torres tem uma vasta experiência no ramo de futebol e atualmente possui colunas em diversos sites de esportes, é o narrador oficial em espanhol do Orlando City e trabalhou em algumas emissoras de televisão no exterior. Vamos a entrevista?

Arthur Fernandes: Sergio, você já realizou diversas transmissões de campeonatos, como por exemplo: Copa Libertadores, Eliminatórias para o mundial,  Copa América, Copa do Mundo e muito mais. Qual foi o melhor e o pior momento de sua carreira até hoje?

Sergio Ruiz Torres: Viver a classificação da Venezuela para o seu primeiro mundial de futebol no Sul Americano Sub-20 em 2009, também a Copa do Mundo ganho pela a Itália em 2006, mas sem duvidas, o primeiro jogo do Orlando City em Março de 2015 guarda um lugar especial para mim. O pior momento da minha carreira foi o que vivi na Venezuela, quando o governo forçou minha saída do jornal que eu dirigia, após 13 anos de trabalho.

Arthur Fernandes: Você chegou nos Estados Unidos em 2014, onde possui muitas oportunidades. Por que você saiu da Venezuela e por que escolheu os Estados Unidos como sua nova casa?

Sergio Ruiz Torres: Deixei a Venezuela por ameaças diretas à minha vida, por manter uma posição crítica ao governo do Hugo Chávez e posteriormente do Nicolás Maduro. Escolhi os Estados Unidos por ser um país com tradição na proteção da democracia e na liberdade de expressão, além de contar com todas as possibilidades de continuar com a minha carreira de jornalista.

Arthur Fernandes: Sergio, qual é a sua maior inspiração no ambiente profissional?

Sergio Ruiz Torres: Minha maior inspiração é ser melhor a cada dia. Todos os dias aprendemos algo novo nesta profissão e especialmente no esporte, a preparação é fundamental. O fã de esportes é uma pessoa bem informada e manipula os dados com mais fidelidade do que um profissional.

Arthur Fernandes: Você foi contratado como o narrador oficial em espanhol do Orlando City SC, uma grande equipe e que possui grandes jogadores. Como surgiu esta oportunidade?

Sergio Ruiz Torres: Justamente na busca de novas oportunidades, vivendo na cidade de Orlando, surgiu a possibilidade de preencher o vazio que havia no Orlando City SC com respeito as transmissões em espanhol. Eu acabei finalizando minha relação como apresentador de notícias na Univisión e não pensei nem um segundo em poder contribuir com a equipe, fui atraído pela organização e o crescimento da MLS.

Exibindo sergio ruiz foto 3.jpgExibindo sergio ruiz foto 3.jpgExibindo sergio ruiz foto 3.jpg

Arthur Fernandes: Tem um site que eu gosto muito, que se chama Nación Púrpura, sendo um site 100% em espanhol e que fala somente sobre o Orlando City. Como você se sente ao fazer parte deste site e como surgiu a ideia de fazer esta plataforma?

Sergio Ruiz Torres: É um trabalho que requer muita dedicação. Nación Púrpura é o único site com noticias do dia-a-dia do Orlando City e a ideia nasceu com a intenção de preencher esse vazio, tendo em conta o crescimento da comunidade hispânica no centro da Flórida.

Arthur Fernandes: Já que está trabalhando desde 2015 trabalhando nas partidas do Orlando City, você poderá me responder isto. O que você mais ama no clube?

Sergio Ruiz Torres: Estou encantado com a organização do clube e como foi capaz de cresce em tão pouco tempo. Não é só uma equipe que joga toda semana e que tem o Kaká no seu elenco, se trata de um clube autêntico, com um novo estádio sendo construído, como uma equipe feminina como o Orlando Pride e sendo um subsidiário para desenvolver jogadores. É um projeto que cresce a passos largos.

Arthur Fernandes: Na sua opinião, Qual é a maior qualidade, o pior defeito e qual é o melhor jogador do Orlando City?

Sergio Ruiz Torres: O melhor do Orlando é o projeto futuro. A idade média da equipe alcança os 24 anos de idade. Cyle Larin, Rafael Ramos, Carlos Rivas e Tommy Redding, são jogadores de futebol que não chegam aos 23 anos de idade e isto nos mostra que estão pensando no futuro. São poucos defeitos, mas acredito que falta praticar um estilo mais ofensivo de futebol. O melhor jogador sem duvidas é o Kaká, ele representa muito para a equipe por conta de suas experiências, por sua liderança e sua vontade de se destacar.

Arthur Fernandes: Sergio Ruiz, muito obrigado por aceitar conversar com o Esportes Mais, eu e todos os colaboradores desejamos muito sucesso para você e para terminar a entrevista, você quer deixar uma mensagem para nossos leitores?

Sergio Ruiz Torres: Muito obrigado à toda equipe e leitores do Esportes Mais, me sinto honrado por lembrarem de mim, obrigado por acompanhar o Orlando City SC e desejo muito sucesso tanto na Copa América Centenário como nas Olimpíadas, tomará que o Brasil consiga a medalha de ouro na sua casa. Muito obrigado!

Reportagem: Arthur Fernandes

Idioma: Espanhol

Tradução: Arthur Fernandes

Arthur Fernandes (341 Posts)

Arthur Fernandes é carioca, o seu hobby é o aprendizado de idiomas e dialetos, o seu objetivo é superar o máximo de expectativas impostas e torce exclusivamente para o Orlando City.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta