Notícias

Sem categoria

Ronaldo Fenômeno se torna sócio da CNB

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Craque do futebol mundial, Ronaldo Fenômeno vira sócio da CNB

Um dos maiores atacantes da história da Seleção Brasileira e da história do futebol, Ronaldo Fenômeno, juntamente com o campeão mundial de pôquer André Akkari e com Igor Trafane Federal, diretor executivo da Brazilian Series of Poker, efetuou a compra de 50% da CNB e-Sports Club. A outra metade fica em posse de Cleber “Fuzi” Fonseca e Carlos “Fury” Júnior, sócios-fundadores da organização de e-sports com mais tempo em atividade no Brasil, fundada em 2001.

Akkari, amigo de longa data do Fenômeno, começou seu envolvimento com e-sports no começo de 2016, quando passou a visitar gaming houses de League of Legents e Counter Strike:Global Offensive para aprender mais sobre as modalidades e ensinar sobre pôquer.

https://www.facebook.com/dreamsfutebol/
Clique na imagem para acessar a página

O acordo entre Ronaldo e a direção da CNB foi fechado em agosto de 2016 e, após longa discussão sobre as questões contratuais, foi assinado nessa semana.

“A administração continua a mesma, comigo e com meu irmão, o que muda é que agora temos dois campeões mundiais conosco, o que agrega bastante para a nossa imagem. Eu acho que é um alavanque de negócios para conseguirmos explorar novos mercados, como o do futebol e de outros jogos eletrônicos”, conta Fury, em entrevista.

Em comunicado aberto, Ronaldo demonstrou satisfação com o acordo e se mostrou surpreso com o grande alcance e crescimento do mercado de e-sports:

“Os jogos eletrônicos são tendência no mundo inteiro e, no Brasil, são uma febre. É um movimento impressionante! Como atletas, encontramos na CNB ideais que têm tudo a ver com os nossos e vamos transferir para os e-sports a adrenalina dos jogos nos campos de futebol e das mesas de pôquer”, ressaltou o ex atacante.

Clique na imagem para acessar o site
suporte (2042 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta