Notícias

Futebol Internacional

PORTUGAL BATE FRANÇA NA PRORROGAÇÃO E É CAMPEÃO DA EUROCOPA!

Liverpool

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Os donos da casa decepcionaram, e Portugal mesmo sem seu maior jogador, superou todas as expectativas e se torna campeão

As lágrimas de Cristiano Ronaldo marcaram uma partida, marcou o primeiro título português em uma competição de destaque. Marcou, o líder, o herói, que mesmo sem jogar, mostrou sua força e seu poder. Cristiano Ronaldo não jogou, mas passou seu futebol para todos os jogadores portugueses, que enfrentando os donos da casa, não se intimidaram e fizeram a história. Portugal é campeão da Eurocopa.

A França, que jogava em casa, viu aos três minutos do segundo tempo da prorrogação, Éder marcar um gol e dar o título aos lusos. Agora, os franceses sentiram na pele o que os portugueses passaram em 2004, contra a Grécia.

O jogo

A partida se iniciou com Portugal bastante nervoso e errando muitos passes. Ou seja, a França começou atropelando, ganhando todas divididas. Apesar dos franceses começarem melhor, a primeira oportunidade do jogo foi portuguesa. Lançamento para Nani, e o atacante do Valencia finalizou por cima do gol de Lloris.

A partir daí a França começou a pressionar. Aos seis minutos do primeiro tempo, Payet faz bela jogada na esquerda e levanta, a zaga tira e a bola sobre para Antoine Griezmann, que finaliza para fora. Porém, o momento mais marcante da partida aconteceu logo depois. Aos sete minutos de jogo, Payet divide com Cristiano Ronaldo, e o gajo fica caído com muitas dores e pede substituição. Logo depois, aos 23 minutos, não deu para o atacante do Real Madrid, que saiu bastante aplaudido, para a entrada de Ricardo Quaresma.

Portugal
Aos sete minutos, Cristiano Ronaldo caiu no gramado, sentindo dores no joelho. (foto; Reuters)

Todavia, antes de Ronaldo sair de campo, o domínio do jogo era francês. A equipe de Didier Deschamps ganhava todas bolas e conseguiam fazer boas jogadas, mas sempre parando no goleiro Rui Patrício. Entretanto, logo depois da saída de Cristiano, Portugal jogou melhor e começou a equilibrar o confronto.

O juiz apitou o fim do primeiro tempo com Portugal começando a jogar bem. Mas não ofuscando a França, que com o talento de Griezmann, Pogba e Sissoko, também chegava com muito perigo. Ademais, o maior destaque do primeiro tempo foi a saída do craque português, que mudou completamente a partida e marcou um momento histórico nesta Eurocopa.

No segundo tempo as coisas foram bem diferentes. Portugal entrou mais ligado e sem Cristiano Ronaldo, rodou mais a bola. Já a França estava sem jogadas e praticamente todo lance, dava a bola para Payet e esperava o meia decidir.

Aos 12 minutos da segunda etapa, a estrela de Rui Patrício começou a brilhar. Griezmann finalizou e o goleiro do Sporting encaixou facilmente. Aos 20 minutos, Griezmann teve uma chance incrível de marcar, e sozinho, cabeceou para fora do gol português. Aos 29, novamente Rui Patrício fez grande defesa, em belo chute de Giroud. O guarda-redes português foi o grande destaque do jogo.

Portugal
Griezmann lamenta boa chance perdida. (foto: Reuters)

Mas o principal lance da partida foi nos acréscimos. Aos 46 do segundo tempo, Gingac deixou Pepe no chão, e finalizou na trave de Portugal. A partida se encerrou e com o 0 a 0, o jogo iria para a prorrogação.

O primeiro tempo da prorrogação teve muitas faltas e uma defesa espetacular de Lloris como destaque. Mas no segundo tempo, aconteceu o improvável. Portugal massacrou. Aos dois minutos, Raphaël Guerreiro cobrou uma falta e com perfeição acertou a trave francesa. Mas, um minuto depois, veio a consagração. Éder puxa para a perna direita e bate no cantinho de Lloris. Abrindo o placar no Stade de France e fazendo o capitão, Cristiano Ronaldo, se afogar em lágrimas.

Gustavo
Clique na imagem para acessar o site

O improvável aconteceu, o futebol é mágico. A equipe tão inconstante e criticada que é Portugal, agora, é campeão Europeu. Agora, é a melhor Seleção da Eurocopa. E mais, conseguiu a ‘revanche’ de 2004, quando perdeu para a zebra Grécia, em casa. Agora a zebra era Portugal, e derrotou os donos da casa.

Portugal
Cristiano Ronaldo comemora o gol português

E no fim foi assim. Mesmo sem seu craque, Cristiano Ronaldo, Portugal supera tudo e todos, e se torna o campeão Europeu. Já os franceses, em casa, decepcionaram, mas deve-se destacar a ótima campanha francesa, que é a vice-campeã europeia.

Iaco Lopes (257 Posts)

Estudante de jornalismo. Vascaíno nascido em João Pessoa-PB. 17 anos.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta