Notícias

Volei

Minas e Sesc-RJ iniciam duelo na semifinal da Superliga

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O duelo entre o segundo e o terceiro colocado na fase classificatória promete

(Foto: Divulgação / Camponesa/Minas)

Nesta sexta (23), o Camponesa/Minas recebe o Sesc-RJ na Arena Minas. A partida acontece às 21h:30, horário de Brasília, e tem transmissão do SporTV.

O Minas, equipe da casa, foi o terceiro na primeira fase, enquanto o Sesc-RJ foi a segunda equipe na fase classificatória. Com isso, o time carioca tem a vantagem de jogar três das cinco partidas possíveis em casa.

O duelo nesta semifinal é em melhor de cinco jogos. A equipe que vencer três jogos primeiros avança à final. Para enfrentar o Dentil/Praia Clube ou Vôlei Nestlé, que fazem a outra semifinal.

O primeiro jogo acontece em Minas. O segundo e o terceiro acontecem no Rio de Janeiro. Caso haja necessidade, a quarta partida será em Minas e o quinto e decisivo jogo será no Rio.

Minas leva vantagem nessa temporada

Torcida

(Foto: Reprodução / Orlando Bento/MTC)

No retrospecto da temporada 2017/2018 de vôlei, as equipes se enfrentaram três vezes.

No primeiro confronto, o Sesc-RJ venceu em BH por 3×1. No segundo confronto, o Minas venceu no Rio por 3×0. No terceiro confronto, esse pela final do Sul Americano de Vôlei, disputado em Belo Horizonte, o Minas venceu o Sesc-RJ por 3×2 em um jogaço.

Pontos fortes do Minas

É semifinal!

(Foto: Reprodução / Ignácio Costa)

O Minas cresce cada vez mais na temporada. A equipe liderada pela central e capitã Carol Gattaz conta também com Destinee Hooker em ótima fase para ajudar a levantadora Macris na distribuição das jogadas.

A líbero Léia e a ponteira Pri Daroit estão muito bem nas recepções e defesa, com isso, o time ganha muito volume de jogo e costuma dificultar as adversárias.

A capitã Carol Gattaz comentou sobre a semifinal e espera uma série longa de jogos difíceis.

“Podemos esperar uma série longa e muito disputada. Qualquer semifinal é sempre muito difícil, contra o Rio de Janeiro nem se fala. Sabemos que o Rio está preparado, elas vão querer ganhar de todo jeito, assim como nós” – Analisou a central.

Carol aposta nos detalhes para vencer o confronto.

“Precisamos fazer jogos bons e acredito que eles serão decididos nos detalhes. Quem estiver com a cabeça mais tranquila, vence” – Disse a jogadora do Minas.

Sesc-RJ é experiente em decisões

Sesc Rio x Pinheiros - Superliga Feminina

(Foto: Divulgação / Ilan Pellenberg/Sesc-RJ)

A equipe do técnico Bernardinho chegou a mais uma semifinal de Superliga. O time chega com menos experiência em quadra do que nos últimos anos, mas a liderança de Bernardinho fora de quadra e de Fabi do lado de dentro são os fatores positivos.

Com uma boa temporada da central Mayhara e a sempre eficiente ponteira Gabi, a equipe carioca deposita as principais expectativas no ataque nestas jogadoras.

Mas, nestas partidas há uma jogadora que deve ser muito exigida e pode surpreender muito a todos, trata-se da oposta Penha. É bem provável que ela funcione como o desafogo da levantadora Roberta nas semifinais, pois Gabi deve dar atenção também a recepção.

O treinador do Sesc-RJ conta também com as suas curingas do banco. Quando a coisa complica nas recepções e defesa, Kasiely tem entrado e feito a diferença. Quando precisa no saque, Carol Leite entra e tem decidido jogos.

 

Esportes Mais

Facebook

 

Joao Pedro (81 Posts)

Estudante de Jornalismo na Instituição IBMR Barra, Rio de Janeiro.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta