Notícias

Sem categoria

Joinville e Metropolitano empatam sem gols na Arena

jec

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

 Joinville e Metropolitano não saem do zero na Arena Joinville e somam apenas mais um pontinho no Campeonato Catarinense

Na noite desta quinta-feira (11), o Joinville recebeu o Metropolitano na Arena, pela quarta rodada do Catarinense, e os dois times não saíram do 0 x 0.

O Metropolitano armou e criou mais chances, Léo Moura e Pink mostraram bom jogo coletivo mas com a dificuldade na finalização, o time blumenauense não conseguiu aproveitar as chances. O Joinville saiu de campo recebendo vaias da torcida, e com razão, sem marcar com pressão e sem demonstrar vontade de ir pra cima do Metropolitano, os donos da casa acabaram somando apenas mais um ponto no estadual.

 

3

O JOGO:

O Joinville começou chegando com perigo logo aos 4 minutos, William Popp recebeu na área e colocou na chegada de Felipe Alves que acaba passando da bola e improvisando um toque de letra que foi quase suficiente para abrir o placar. Aos 14 o árbitro não marcou um pênalti de Iago Soares em cima de Diego, após lançamento na área, Diego cai na área após ser atropelado por Iago Soares, Héber Roberto Lopes mandou seguir, lance polêmico.

Aos 31 minutos ainda do primeiro tempo, Léo Moura acha espaço entre a defesa do Joinville e manda boa bola para Peu que bateu firme para defesa do goleiro Jonathan.

No segundo tempo o Verdão já começou indo pra cima do Joinville, aos 7 minutos Ramon ajeita e chuta forte de fora da área levando perigo ao gol de Jonathan. Aos 8 minutos Pink sentiu câimbras e saiu do jogo para entrada de José Lucas, o meia do Metropolitano estava jogando muito bom fazendo dupla com Léo Moura e ajudando a armar as jogadas criando boas chances para os visitantes, fica a preocupação para o próximo jogo.

Aos 37 minutos, Harrison ajeitou para a direita e bateu bem no canto esquerdo de Jonathan, que teve que fazer uma ótima defesa. No último lance do jogo, Léo Moura sofreu falta e Harrison foi para a cobrança, o meia do Verdão havia feito o gol de empate contra o Brusque também de falta no último lance do jogo. Harrison bateu bem e a bola passou raspando na trave e quase que o meia vira o herói do time blumenauense no último lance do jogo novamente.

Análise do comentarista e analista tático Daniel Charles Schmitt:

O Metropolitano enfrentou o Joinville na arena e saiu com um bom resultado, evidentemente a vitória não veio mas vale a pena destacar o desempenho da equipe. Defensivamente foi o melhor jogo dentro da competição, o time conseguiu de forma inteligente ocupar bem os espaços, cometeu um baixo percentual de erros de posicionamentos e principalmente neutralizou as principais jogadas do Joinville. No jogo de hoje o técnico Valdir Espinosa optou por jogar novamente no 4-1-4-1, taticamente os jogadores assimilaram o que esse sistema tático exige, que é principalmente dividir as ações tantos defensivas como ofensivas de 4 + 1 ou seja, que o time todo pode-se ter participação importante sem a bola e com a bola nos pés, no jogo de hoje funcionou por muitos momentos a equipe conseguiu chegar perigosamente até o gol do Joinville tocando a bola com muita qualidade. Faltou um pouco de tranquilidade na hora de finalizar é verdade, mas ofensivamente o time também fez um bom jogo. O JEC se mostrou ser um time limitado e nervoso, o 4-3-2-1 do técnico PC Gusmão mostrou que ainda é ineficiente, e que precisa de muitos ajustes, falta dinâmica e padrão de jogo a equipe do norte do estado.

Com o empate os dois times ficaram com 5 pontos na tabela, o Joinville recebe o Avaí na Arena na próxima rodada enquanto o Metropolitano vai á Palhoça para enfrentar o Guarani pela quinta rodada do Catarinense.

Ficha Técnica – Joinville 0 x 0 Metropolitano

Local: Arena, em Joinville (SC)

Arbitragem: Heber Roberto Lopes, auxiliado por Kleber Lucio Gil e Mayckon Vieira

Cartões Amarelos: Bruno Aguiar, Danrlei e William Popp (Joinville); Léo Moura (Metropolitano)

Escalações:

Joinville: Jhonatan; Mário Sergio (Edson Ratinho), Bruno Aguiar, Danrlei e Diego; Diego Felipe, Anselmo, William Popp e Gustavo Sauer; Felipe Alves (Trípodi) e Ítalo (Thomas)

Técnico: PC Gusmão

Metropolitano: Everton; Iago, Luan, Elton e Maurim (Juninho); Medeiros, Pink (José Lucas), Ramon (Harrison) e Léo Moura; Rafinha e Peu

Técnico: Valdir Espinosa

 

Por: Marco Aurélio da Silva Júnior

Adam Jhoson

Marco Aurelio (98 Posts)

Nascido dia 15/02/2000 em Blumenau. Sou repórter e comentarista da Rádio Web Esportiva e fotógrafo freelancer. Torcedor fanático do Figueirense e do Liverpool, mas com simpatia por vários outros clubes.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta