Notícias

+ Esportes

Jogo da Rodada: Atlético MG 2 x 2 Flamengo – 33ª rodada

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Análises do jogo da rodada entre Atlético MG x Flamengo na disputa direta pelo segundo lugar

Na tarde desse sábado (29), o Atlético MG recebeu o Flamengo no Mineirão em jogo válido pela 33ª rodada do Brasileirão 2016, a partida foi às 16h3o e terminou em 2 x 2, Robinho e Lucas Pratto para o Galo, Paolo Guerrero e Diego para os visitantes.

Em um jogão no Mineirão, os dois times demonstraram a vontade de chegar/manter a segunda colocação para disputar o título com o líder Palmeiras, como era de se esperar. Com o resultado o Flamengo se manteve na segunda colocação com 62 pontos, já o Galo caiu para a quarta posição com 60.

No primeiro tempo o Flamengo chegou com tudo e logo aos três minutos de jogo trouxe perigo ao gol de Victor. O jogo foi seguindo com uma certa vantagem em qualidade do Flamengo que aos 32′ abriu o placar com Diego. O Flamengo manteve o mesmo ritmo mas não conseguiu marcar o segundo ainda no primeiro tempo, assim como o Galo que conseguiu se defender bem e tentou algumas jogadas de efeito no campo de ataque junto de boas tentativas de gol.

O segundo tempo começou morno mas com o tempo o Atlético Mineiro foi tomando conta e aos 36 minutos o artilheiro Robinho empatou o jogo. O Galo seguiu indo pra cima e aos 41 minutos o atacante Lucas Pratto se aproveitou do belo passe de Robinho para mandar para o fundo das redes e colocar o Atlético na frente no placar. Não demorou muito para o Flamengo reagir e aos 44 minutos, Paolo Guerrero empatou o jogo, terminou nisso, Atlético MG 2 x 2 Flamengo.

DESTAQUES:

Flamengo:

  • Paolo Guerrero jogou muita bola, apareceu bem para o jogo e lutou durante todos os 90 minutos. Participou dos dois gols sendo o segundo marcado por ele.
  • Diego teve uma atuação padrão pra si, jogou muita bola e foi fundamental para o Flamengo. Abriu o placar e criou boas jogadas, além de ter distribuido bem a bola.

Atlético MG:

  • Luan entrou bem e deu um fôlego enorme para a equipe, sua entrada foi fundamental para a reação.
  • Lucas Pratto é outro que saiu do banco para mudar o jogo, apareceu muito no jogo e marcou o segundo gol do Galo.
  • Robinho marcou de pênalti e deu a assistência para o segundo gol, o artilheiro do Galo também foi fundamental para o time, jogou muito!
Como vem acontecendo em todos os jogos, houve a homenagem ao eterno capita Carlos Alberto Torres. (Foto: Globo Esporte)

Analise tática de Daniel Charles Schmitt:

“Um verdadeiro espetáculo! Quem foi ao Mineirão ontem sem duvida alguma não se arrependeu e certamente irá demorar para esquecer esta partida. O jogo que teve em seu contexto geral, o Flamengo superior no primeiro tempo, e o Galo dominando a segunda etapa.

Primeiro tempo: Flamengo impecável! Não seria nenhum exagero afirmar que esse tenha sido o melhor primeiro tempo de toda temporada do time da Gávea. Além de ter tido 60% de posse de bola e finalizar 12 vezes, contra apenas quatro do Atlético. Taticamente o Flamengo fez uma partida quase perfeita, vindo a apresentar um grande nível de atuação durante os 45 minutos jogando de forma.

• Inteligente vindo a apresentar um futebol bem vistoso.

Segundo tempo: Atlético MG intenso e ofensivo! Se no primeiro tempo o galo ficou preso a excelente marcação rubro-negra, no segundo tempo Marcelo Oliveira inteligentemente fez duas substituições que mudaram o comportamento da equipe, e por detalhes não mudou a história da partida. A primeira e a alteração chave foi à entrada de Luan na vaga Cazares, com esta mudança o Galo passou a ter em seu meio campo uma maior qualidade de toque de bola, consequentemente passou a produzir mais e criar inúmeras chances de gol. Além disso, Marcelo Oliveira Colocou Lucas Pratto que nos poucos minutos em campo, marcou o segundo gol que poderia ter sido o gol da virada e da vitória do galo. Porém nos minutos finais, faltou inteligência e capacidade ao galo para segurar o resultado.

Sistemas táticos:

– Atlético MG: o Galo veio a campo no 4-2-3-1, porém com Otero e Cazares por dentro na armação de jogadas. Muitas vezes dentro da partida o 4-2-3-1 era transformado para um 4-2-2 e no segundo tempo com alteração jogou num 4-3-3.

– Flamengo: Pelo lado rubro-negro nenhuma surpresa, Zé Ricardo, mais uma vez, optou pelo seu tradicional 4-2-3-1 com a proposta de jogo de atacar sempre em amplitude e profundidade utilizando tabelas pelos lados do campo.

Destaques individuais!

Atlético MG: Victor, que mais uma vez, mostrou porque é o goleiro de nível de seleção brasileira. Foi protagonista na primeira etapa vindo a fazer no mínimo três defesas importantes, evitando uma maior vantagem para equipe carioca antes do intervalo.

Flamengo: Paolo Guerrero, sem dúvida alguma, foi o melhor jogador rubro-negro na partida, além de dar assistência no primeiro gol e marcar o gol de empate. Taticamente mais uma vez foi importantíssimo no esquema de jogo de Zé Ricardo mostrando uma grande vitalidade. Vindo a prender os zagueiros do galo, criando, com inteligência, espaços no campo fez mais uma vez uma grande partida.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta