Notícias

+ Esportes

Guia da Champions League: Grupos A, B, C e D

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Champions League 2018-19 começa na próxima terça-feira (18), e o Esportes Mais preparou um guia para você ficar por dentro da competição. Dividido em dois posts com quatro grupos cada, o guia fala e mostra contratações, esquemas táticos e previsões para a nova jornada.

O atual campeão Real Madrid quer conquistar sua 14ª taça da Liga dos Campeões, e o vice-campeão Liverpool quer dar ao torcedor o seu sexto troféu, que quase veio na última edição da liga. Quem irá melhor?

GRUPO A:

ATLÉTICO DE MADRID:

O Atlético de Madrid tem algumas estrelas conhecidas, mas é o setor defensivo o mais destacado. Diego Godín e Gimenez formam a dupla de zaga, tanto no clube quanto no Uruguai. O goleiro Oblak e os laterais Felipe Luis e Juanfran fecham a linha de defesa colchonera. Do meio para a frente, Koke, Ángel CorreaDiego Costa Antoine Griezmann são os grandes articuladores e artilheiros da equipe.

Contratações:

Thomas Lemar, Nikola Kalinic Rodri são os principais nomes da janela de transferências do Atlético. A saída de Kevin Gameiro pesou demais, mas para o ataque os novos nomes devem suprir a ausência. Já para a lateral, função do croata vice-campeão Sime Vrsaljko, nenhuma contratação foi feita.

Esquema:

Como de costume, e até mesmo com as mudanças de peças, o esquema adotado por Diego Simeone é bem conhecido pela sua eficiência defensiva e contra-atacante. O 4-4-2 usado com quatro jogadores no meio formulando as jogadas dá opções de infiltração com LemarCorrea (ou Koke), fazendo com que Griezmann apareça mais como falso 9.

BORUSSIA DORTMUND:

Borussia tem Marco Reus, e quando o alemão está saudável sabemos o quão perigoso ele pode ser. Lucasz Piszczek, lateral direito, defende e produz muito no ataque, seja com assistências ou com gols. Alex Witsel é uma contratação feita para solidificar um meio campo que perdeu peças importantes.

Contratações:

Witsel e Thomas Delaney são, com certeza, as principais novidades no elenco auri-negro. Porém, a perda do veterano zagueiro Sokratis ainda não foi totalmente suprida, mesmo com o jovem Akanji evoluindo jogo a jogo. Michy Batshuayi, bastante identificado com a torcida, também deixou o clube. A maior perda aconteceu recentemente, quando o goleiro Roman Weidenfeller anunciou sua aposentadoria.

Esquema:

Nesta temporada, com o técnico Lucien Favre, o BVB está jogando no 4-2-3-1 com Reus no centro de uma linha de três com Maximilian Philipp de centro-avante, e não Mario Gotze.

CLUB BRUGGE:

Sem estrelas e sem grandes pretensões na liga, o Club Brugge visa tentar uma terceira colocação no grupo para jogar a Europa League.

Contratações:

O atacante Kaveh Rezaei e o zagueiro Matej Mitrovic são as principais contratações da equipe belga para a nova temporada. O clube conta ainda com o zagueiro brasileiro Luan Peres, que estava no Ituano.

Esquema:

Brugge joga em um 3-5-2 com Krépin Diatta de um lado e Arnaut Danjuma do outro, formando uma linha de cinco bastante ofensiva. O capitão Rudd Vormer é o que se dispõe a ficar como uma espécie de primeiro volante, embora o zagueiro Stefano Denswil faça a função de líbero.

MÔNACO:

As saídas de Kylian MbappeThomas Lemar Fabinho são as mais sentidas na equipe francesa, já que os três eram titulares e os destaques até então. Com isso, as contratações são os destaques do time para a competição.

Contratações:

As principais chegadas são o destaque da Copa do Mundo pela seleção russa Aleksandr Golovin e o belga Nacer Chadli. O português Pelé foi contratado para o lugar de Fabinho, transferido ao Liverpool.

Esquema:

Mônaco joga no 4-1-4-1 com o volante Youssef Aït Bennasser centralizado, e no “um” do ataque está Falcão Garcia. Os pontas Rony LopesSamuel Grandsir são auxiliados pelo, também volante, Jean-Eudes Aholou.

GRUPO B:

BARCELONA:

O destaque do Barcelona, obviamente, é Lionel Messi, mas Philippe Coutinho Arthur tem chamado bastante atenção da mídia. Apesar disso, equipe sente a perda do zagueiro Yerry Mina, que havia conquistado a torcida logo nas primeiras partidas.

Contratações:

A equipe catalã contratou os brasileiros Malcom Arthur, o chileno Arturo Vidal e o francês Clément Lenglet. Alguns jogadores saíram da equipe por empréstimo, como é caso de Paco Alcácer, que irá disputar a competição pelo Borussia Dortmund.

Esquema:

O esquema adotado pela equipe espanhola é o mesmo de sempre: 4-3-3 bastante ofensivo. O meio campo é formado basicamente por Sergio BusquetsIvan RakiticCoutinho, e na frente MessiLuis Suárez Dembelé são os “homens-gol”.

INTER DE MILÃO:

Os destaques da Inter de Milão são as contratações. Radja Nainggolan é o maior deles, pois é inegável sua qualidade técnica e força física. O belga era jogador da Roma até a temporada passada e não precisou de muitos jogos para se adaptar ao novo time. Vai dar trabalho na Champions.

Contratações:

Inter contratou bem: além de NainggolanKwadwo AsamoahLautaro MartínezMatteo PolitanoStefan de Vrij Sime Vrsaljko são as novidades.

Esquema:

Inter de Luciano Spalletti joga no 3-4-2-1 (ou 3-4-3) com Mauro Icardi isolado na frente, sendo apoiado por Ivan Perisic e NainggolanKwadwo Asamoah e Vrsaljko são os alas nesse esquema. A zaga é composta por Milan SkriniarDe Vrij Danilo D’Ambrosio, além do ótimo goleiro Samir Handanovic.

PSV:

Outro time sem muitas pretensões na liga, o PSV tem como destaque o holandês Luuk de Jong. O mexicano Hirving Lozano também é uma das boas peças que a equipe tem disponível.

Contratações:

PSV contratou os meios campistas Érick Gutiérrez Ryan Thomas, e os defensores Denzel DumfriesAngeliñoAziz Behich. Os zagueiros Nick ViergeverTrent Sainsbury chegaram a custo zero.

Esquema:

Em jogos da Eredivise, o treinador Mark van Bommel escala o time num 4-3-3 defensivo. Nas qualificações para a Champions, a equipe utilizou o mesmo esquema, porém com opções ofensivas com três atacantes (LozanoDe JongSteven Bergwijn). Geralmente, no meio campo as opções avançadas e com muita mobilidade são Pablo Rosario Gastón Pereiro.

TOTTENHAM:

Com um grupo “fechado” e sem perdas, o Tottenham disputará a liga com apenas um reforço. O goleiro Hugo Lloris deve perder a estreia na competição por lesão e o goleiro Michel Vorm deve ser titular.

Contratações:

Tottenham não fez nenhum contratação além do brasileiro Lucas Moura, que está voando na Premier League. A outra novidade é o retorno do atacante Vincent Janssen, que estava no Fenerbahçe.

Esquema:

Os Spurs jogam num 4-3-1-2 (ou 4-3-3 com Christian Eriksen centralizado atrás de Lucas e Harry Kane -que se transformou em um falso 9). A função do Kane com a titularidade imediata do brasileiro mudou para dar mais opções de infiltração dos laterais e para possibilitar a entrada de Eriksen como elemento surpresa. Jogando dessa forma, porém, o britânico compromete o próprio faro de gol, mas evolui no quesito assistências.

GRUPO C:

ESTRELA VERMELHA:

O mais fraco do grupo C, o Estrela Vermelha (Ou Crvena Zvezda) deve ser o último colocado no grupo, que é considerado um dos mais difíceis. O destaque, por ser conhecido -e brasileiro-, é o ex-São Paulo Jonathan Cafu.

Contratações:

Para a nova temporada, a equipe turca trouxe o atacante Richmond Boakye que estava no futebol chinês, o meia Goran Causic, do Arsenal Tula, e Srdjan Babic, da Real Sociedad.

Esquema:

Estrela Vermelha joga em um 4-2-3-1 com Milan Pavkov adiantado, sendo auxiliado por Cafu no lado esquerdo, Lorenzo Ebecilio centralizado e El Fardou Ben pelo lado direito. Os dois volantes são bastantes defensivos e pouco aparecem no ataque.

LIVERPOOL:

O trio de ataque do Liverpool é o principal destaque e arma. Sadio ManéRoberto FirminoMohamed Salah foram os artilheiros da equipe na última Champions League com nove gols cada, um recorde da liga.

Contratações:

Os Reds contrataram os brasileiros Fabinho e Alisson, Xherdan Shaqiri e, após um ano, receberam Naby Keïta. Dos citados, apenas Alisson é titular absoluto, enquanto Keïta disputa posição com Henderson e os outros dois esperam vaga.

Esquema:

O esquema adotado pelo Liverpool é o 4-3-3 tradicional com os dois laterais chegando bastante à linha de fundo para apoiar. O meio, composto geralmente por James MilnerGiorgino WijnaldumKeïta/Henderson, tem consistência defensiva e ofensiva, o que facilita na criação de jogadas.

NAPOLI:

Algumas saídas importantes, como a do goleiro Pepe Reina, impactaram a equipe. Apesar de alguns adeus, os principais destaques da equipe continuam: Marek Hamsik, Dries Mertens e Lorenzo Insigne.

Contratações:

A mais importante delas, com certeza, é Carlo Ancelotti. O exBayern chega para substituir Maurizio Sarri, que foi para o Chelsea. Fabian Ruiz chegou para o lugar de Jorginho, outro que foi para o clube inglês. Para suprir a ausência de Reina, Orestis KarnezisDavid Ospina foram as opções no mercado.

Esquema:

Napoli usa o 4-3-3 onde todos os meio-campos possuem características ofensivas. Com os citados acima, AllanPiotr Zielinski e, Arkadiusz Milik ao lado de Insigne, conseguem dar consistência na transição defesa-ataque. Apesar disso, a equipe não vem produzindo muito, o que pode ser uma deficiência do próprio esquema.

PSG:

Jogadores de Copa do Mundo, com um campeão inclusive. O Paris Saint-Germain tem Kylian MbappéNeymar Edinson Cavani, um trio perigoso e ofensivo. Mbappé foi campeão com a França recentemente, enquanto Neymar é a principal estrela da seleção brasileira. Cavani perdeu alguns jogos na Copa, mas o suficiente para ser elogiado pela versatilidade.

Contratações:

A maior delas é a de Gianluigui Buffon, ídolo da Juventus, mas tem novidade no comando técnico também. O ex-treinador do Borussia DortmundThomas Tuchel, assumiu a equipe parisiense em julho de 2018.

Esquema:

PSG joga em um 4-3-2-1 com Cavani de centro-avante apoiado por MbappéNeymarDi Maria. No último confronto, o zagueiro brasileiro Marquinhos foi colocado como volante ao lado de Adrien Rabiot, enquanto Thiago SilvaPresnel Kimpembe formaram a zaga. No gol, Alphonse Areola.

GRUPO D:

GALATASARAY:

A tradicional equipe turca está de volta à Champions League depois de três anos sem conseguir se classificar (a última participação foi em 2015-16). Mais um time com brasileiros no elenco, o Galatasaray tem o zagueiro Maicon e o lateral-direito Mariano.

Contratações:

Com poucas opções para a janela, o time turco trouxe meio campo Emre Akbaba e os laterais-esquerdo Yuto NagatomoÖmer Bayram.

Esquema:

O sistema 4-2-3-1 é o mais adotado pelo técnico Fatih Terimay, principalmente em jogos grandes. Nesse esquema, Eren Derdiyok fica isolado na frente com o apoio do meio campista central Emre Akbaba, principalmente. O interminável Nagatomo ajuda bastante na transição defesa-ataque e nas jogadas de linha de fundo com cruzamentos precisos.

LOKOMOTIV MOSCOU:

O maior destaque -destaque na Copa com a Rússia– é Fedor Smolov, que é novidade no elenco dessa temporada. O capitão Igor Denisov também um jogador para ficar de olho.

Contratações:

Grzegorz Krychowiak Benedikt Höwedes são as contratações além do russo SmolovKrychowiak, porém, veio por empréstimo de um ano junto ao PSG.

Esquema:

O 4-2-3-1 tem o português Éder como o centro-avante. O apoiado de Manuel Fernandes, Aleksey e Anton Miranchuk possibilita que DenisovKrychowiak invertam as posições quando a equipe está no ataque.

PORTO:

Porto tem alguns nomes conhecidos, mas não estrelas. O mexicano Héctor Herrera é um exemplo disso. O veterano está na equipe desde 2013 e é capitão. Outras peças importantes são os brasileiros Alex Telles (lateral) e Felipe (zagueiro).

Contratações:

A principal novidade, principalmente para os brasileiros, é a contratação de Éder Militão, do São Paulo, e de Jorge. O plantel da equipe conta agora com nove brasileiros.

Esquema:

O treinador Sérgio Conceição usa o 4-4-2 na maioria dos jogos da equipe no campeonato português. Nesse esquema, Herrera Sérgio Oliveira jogam centralizados enquanto que Yacine BrahimiOtávio abrem pelos lados. Na frente, Vincent AboubakarMoussa Marega são os atacantes.

SCHALKE:

Schalke é um time que vai brigar pela classificação para a fase mata-mata da Champions League. A equipe alemã tem os meio-campistas Nabil Bentaleb e Yevhen Konoplyanka, além do atacante Mark Uth.

Contratações:

O exBayern Sebastian Rudy é uma das novidades da equipe, além de Suat SerdarOmar MascarellSalif SanéHamza Mendyl.

Esquema:

Schalke se propõe a jogar no 3-4-3, de forma que seja um esquema ofensivo e com um meio campo sólido. Rudy Bentaleb compõem o centro do campo com Abdul Rahman Baba e Daniel Caligiuri nas laterais. KonoplyankaUthBreel Embolo formam a linha de frente.

As equipes estão prontas para iniciar mais uma Liga dos Campeões e, as que disputaram no ano passado, querem ir mais longe do que conseguiram. LiverpoolReal MadridManchester CityBayernPSG são as grandes apostas da temporada. Em quem você aposta?

Esportes Mais

Facebook

França
Clique na imagem para acessar o site

Referências e observações:

Todos os esquemas foram analisados com base no último (ou nos últimos confrontos) de cada equipe. Informações do site https://www.transfermarkt.pt

Vitória Corrêa (42 Posts)

A louca dos esportes, música e livros, faço dos meus hobbies uma projeção do meu futuro profissional. Formada em Técnico em Informática e cursando Jornalismo.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta