Notícias

Sem categoria

Guia Catarinense: Brusque Futebol Clube

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Confira um guia completo do Brusque para o campeonato catarinense 2017

Temporada Passada

A equipe do Brusque teve um 2016 bastante positivo.  Após montar um bom elenco, dentro de suas possibilidades financeiras, o Bruscão terminou o campeonato catarinense na quinta colocação, muito por causa do fator casa, onde fez 20 de seus 24 pontos totais no campeonato. Com a quinta colocação, a equipe conseguiu vaga para a Série D do brasileirão de 2016 e ainda de quebra para o de esse ano também. Porém na Série D de 2016, o Brusque foi eliminado já na segunda fase pela equipe do São Bento-SP. No fim do ano, após a tragédia com a Chapecoense, que foi declarada campeã da Copa Sul-americana e consequentemente obteve vaga na Libertadores de esse ano, o Brusque conquistou o direito de disputar a Copa do Brasil 2017, na qual enfrentará a equipe do Remo-PA na primeira fase.

Novidades

Para essa nova temporada, a diretoria do Brusque tratou de mudar a fornecedora de materiais do clube. Saiu a ZF Sport e entrou a Kanxa, famosa por fornecer materiais para vários clubes do Brasil, como a Luverdense, que disputa a Série B do Brasileirão. Quantos aos atletas, a diretoria brusquense tratou de trazer dez novos reforços, e manteve sete remanescentes do ano passado.

Brusque uniformes (Foto: Divulgação/Brusque)
Uniformes do Brusque para 2017 (Foto: Divulgação/Brusque)

Confira quem chega ao clube:

Jogador Posição/Clube Anterior
Dida Goleiro – Juventus (SC)
Rodolpho Goleiro – Náutico (PE)
Rodrigues Lateral Esquerdo – Audax (RJ)
Willian Lateral Esquerdo ­– Iraty (PR)
Luiz Renan Lateral Direito – Barra (SC)
Gustavo Lazaretti Zagueiro – NorthEast United (Índia)
Boquita Volante – Portuguesa (SP)
Diego Roque Volante – Londrina (PR)
Leilson Meia – Londrina (PR)
Jonatas Belusso Atacante – Brasil de Pelotas (RS)
Ricardo Lobo Atacante – Tochigi (Japão)

 

 

Além das contratações e dos atletas que permaneceram, o Brusque também subiu 11 atletas das Categorias de Base. São eles:

Jogador Posição
Lucas Venzon Volante/Lateral
Eduardo Volante
Willian Matheus Volante
João Renato Zagueiro
Fernando Lateral Direito
Daniel Meia
Luiz Henrique Meia
Kaio Meia
Maurilio Meia
Renan Atacante

Elenco completo

Goleiros

Ricardo, Dida e Rodolpho.

Zagueiros

Negueti, Cleyton, Alexandre Carvalho (joga também como lateral-direito), Gustavo Lazaretti e João Renato.

Lateral-esquerdo

Rodrigues, Willian e Pará.

Lateral-direito

Luís Renan e Renato.

Volantes

Mineiro, Boquita, Diogo Roque, Carlos Alberto, Jean, Lucas Venzon, Eduardo e Willian Matheus.

Meias

Pedrinho, Eliomar, Assis, Leílson, Daniel, Luiz Henrique, Kaio e Maurilio e Luizinho.

Atacante

Michel Douglas, Renan, Danielzinho, Ricardo Lobo e Jonatas Belusso.

Comissão Técnica

Técnico – Mauro Ovelha

Auxiliar-técnico – Jerson Testoni (Jersinho)

Preparadores físicos – George de Castilhos e Sérgio Grach

Preparador de goleiros – Márcio Quevedo

Massagista – Paulinho

Roupeiro – Neguinho

 

Informações do Time

A equipe do Brusque manda seus jogos no Estádio Augusto Bauer, pertencente ao Clube Atlético Carlos Renaux e com capacidade para cinco mil pessoas. O estádio fica localizado no centro da cidade e é de fácil acesso, com rodovias que vêm das regiões de Itajaí, Gaspar e da Grande Florianópolis.

Imagem relacionada
Estádio Augusto Bauer, local onde o Brusque mandará seus jogos, com a presença do torcedor

No campeonato catarinense do ano passado a torcida do Brusque esteve junto com o time, com uma média de 1.352 pessoas por jogo. Não parece tanto, mas para os padrões das equipes catarinenses consideradas “pequenas”, o Brusque teve sim uma boa média. Nesse ano, caso a boa campanha se repetir, o torcedor brusquense deve ir em peso ao Augusto Bauer, visto que o Brusque contratou jogadores de boa fama no país.

Expectativas

Para uma equipe catarinense que não disputa a Série A ou B do Brasileiro, o título catarinense é muito difícil de ser conquistado, porém o Brusque investiu pesado para o torneio, vem forte e vai tentar seu segundo título catarinense, o qual não conquista desde o ano de 1992, na final ante a equipe do Avaí. Para uma equipe catarinense que não disputa a Série A ou B do Brasileiro, o título catarinense é muito difícil de ser conquistado Na Copa do Brasil, a expectativa é de passar pela equipe do Remo e chegar à segunda fase, onde pode enfrentar o grande time do Corinthians (SP). Já no segundo semestre, o objetivo é ascender à terceira divisão do Campeonato Brasileiro e posteriormente vencer a Copa SC.

 

 

 

suporte (2042 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta