Notícias

+ Esportes

Exclusivo: Diretor de Futebol do Strikers comenta a US Open Cup e a rivalidade com o Orlando City

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Bruno Costa, Diretor de Futebol do Fort Laudardale Strikers, opina sobre o momento histórico do time

O Fort Laudardale Strikers (NASL) é um time estadunidense bastante conhecido pelos brasileiros, pois o clube já participou da Florida Cup onde clubes de diversos países participam, além de obterem diversos jogadores e possuir como sócio majoritário a lenda do futebol Ronaldo.

O time dos Estados Unidos possui diversos brasileiros em seu elenco, alguns deles são conhecidos em todo Brasil ou por torcedores de clubes brasileiros, ao todo são 8 jogadores brasileiros no time: Bruno Cardoso, Dalton, PC, Geison Moura, Kléberson, Paulo Junior, Maicon Santos e Gabriel. Em entrevista exclusiva ao Esportes Mais, o Diretor de Futebol do Fort Lauderdale Strikers, Bruno Costa, disse que fundamental a presença não só de brasileiros no clube como outras nacionalidades também.

“É fundamental e importante, trazermos a essência do futebol  brasileiro. É um futebol em que todo mundo sabe, independentemente do momento que estamos passando, sempre fomos referência na formação de grandes jogadores e grandes profissionais. Conseguimos fazer uma grande mescla com atletas do Brasil, América do Sul e América Central, mas também com os americanos e isto é importante para darmos essa mescla positiva dentro do clube”, disse Bruno Costa em entrevista ao Esportes Mais.

Realizar amistosos internacionais é muito importante para o clube, mas imagina você disputar um campeonato internacional de pré-temporada e com transmissão para todo o mundo, isto é muito importante. A Florida Cup 2016 recebeu o Corinthians (Brasil), Fluminense (Brasil), Internacional (Brasil), Atlético-MG (Brasil), Bayer 04 Leverkusen (Alemanha), Schalke 04 (Alemanha), Shakhtar Donetsk (Ucrânia), Santa Fé (Colômbia) e o Fort Lauderdale Strikers (Estados Unidos). Este campeonato não foi tão bom dentro de campo para o Strikers, pois o time perdeu para o Schalke 04 por 2 a 0, perdeu para o Santa Fé por 2 a 1 e ocupou a última posição.

“A Florida Cup foi uma competição importante para divulgar a marca do Strikers, foi a única equipe dos Estados Unidos que disputou a copa junto com grandes equipes do mundo, para marca da equipe isso foi muito importante”, contou Bruno.

Uma grande surpresa na Florida Cup foi a participação do Fort Lauderdale Strikers (NASL) e a não participação do Orlando City (MLS). Todos estavam na expectativa de ver o Orlando City em campo, por conta de diversos fatores, mas o convidado foi o Fort Lauderdale e até hoje não há explicação desse acontecimento.

“A questão do Orlando City não ter disputado eu não sei  o porquê, não sei se é uma opção deles de pré-temporada porque a competição começa na primeira semana de Janeiro e as ligas americanas começam em Março e Abril, então eu não sei o que motivou a não participação do Orlando City mas o importante é que o Strikers participou, deve disputar novamente no ano de 2017 pelo segundo ano consecutivo, até pelo bom desempenho esse ano e isso fortalece mais a gente, mostra  quanto o Strikers é grande e aonde o quer chegar”, explicou o Diretor de Futebol do Strikers.

O Fort Lauderdale Strikers está fazendo história na US Open Cup 2016, o time da Flórida chegou nas quartas de final sendo o único time fora da MLS ainda na copa, até agora o Strikers eliminou o Richmond Kickers (USL), DC United (MLS) e Orlando City (MLS), mas agora no dia 20 de Julho irá enfrentar o Chicago Fire, uma equipe muito forte da MLS. Talvez, todas as vitórias tenham sido sensacionais para o Strikers mas nenhuma vai ter o mesmo efeito de ganhar o Orlando City no Camping World Stadium.

“Eu acho que a vitória sobre o Orlando City foi grandiosa. Foi contra uma equipe da MLS, que é uma liga com boa estrutura e um grau de investimento muito grande, só com o salário anual do Kaká já conseguimos trabalhar a nossa equipe por uns 2 ou 3 anos e isso mostra a diferença de orçamento que há entre as duas ligas, acho que isso mostra a qualidade do nosso trabalho dentro do Strikers, a qualificação dos nossos profissionais, qualidade dos atletas do clube e o mais importante é a mentalidade vencedora. É a primeira vez na história do Strikers que a equipe chega entre os 8 melhores dos Estados Unidos, além de ser a única equipe da NASL e fora da MLS que está nesta fase”, comentou Costa.

O Orlando City é considerado rival do Fort Lauderdale Strikers e são vistos como os maiores da Flórida, mas o Orlando City é o mais conhecido e favorito pelos torcedores, gerando um âmbito de competição. O Orlando City disputa a Major League Soccer (primeiro escalão dos Estados Unidos), obtém os brasileiros Kaká e Júlio Baptista, além de ter como sócio majoritário o empresário brasileiro Flávio Augusto da Silva. Já o Fort Lauderdale Strikers disputa a North American Soccer League (segundo escalão dos Estados Unidos), possui o brasileiro Kléberson como destaque do time e possui como sócio majoritário o ex-jogador brasileiro Ronaldo.

“Acho que pelo resultados obtidos, essa vitória sobre o Orlando City deu uma repercussão muito grande para o clube no Brasil, até porque o Ronaldo é o dono do clube e nossos jogos tem transmissão no Esporte Interativo, além de termos jogadores conhecidos no Brasil como o Kléberson, Gabriel, Dalton e pela boa qualidade de futebol que estamos apresentando, naturalmente criasse esse comentário perante as pessoas que trabalham no futebol. Estamos mantendo a humildade e o trabalho de sempre, sabemos que temos um longo caminho pela frente, estamos buscando evoluir o clube em todos os sentidos e isso tudo vamos de passo em passo para deixar o Strikers mais reconhecido nacionalmente e internacionalmente. A nossa pré-temporada na China também mostra que estamos de olho em um mercado de nível internacional, como o mercado europeu e asiático, principalmente o chinês”, declarou Bruno Costa ao Esportes Mais.

Gustavo

Clique na imagem para acessar o site

 Na North American Soccer League, o Fort Lauderdale Strikers vem fazendo uma boa campanha mediante ao seu calendário com muitas viagens. O clube vem disputando a NASL, mas em paralelo possui a US Open Cup e isso gera um certo desgaste, além de diversas formações táticas a serem elaboradas.

“Nós fizemos a melhor campanha na história da equipe na Spring Season, terminamos com 3 pontos de diferença do líder, começamos agora a Fall Season e estamos buscando uma vaga nos Playoffs, estamos em sexto no geral, mas paralelamente estamos disputando a US Open Cup e isto vem desgastando bastante a equipe, estamos fazendo rodízio de jogadores e como começamos nossos trabalhos em Janeiro temos um desgaste maior em comparação as outras equipes. Porém, o nosso trabalho vem sendo bem feito e a liga está crescendo bastante, a NASL está com uma média de público de 7 à 8 mil pessoas por jogo sendo uma média boa para liga, é a segunda liga principal dos Estados Unidos e foi a primeira liga de futebol do país, obtendo bons jogadores no passado como Pelé e Beckenbauer. O Strikers já faz parte na história da NASL”, finalizou a entrevista Bruno Costa.

Reportagem: Arthur Fernandes

suporte (2040 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta