Notícias

Sem categoria

Exclusivo: bate papo com Jori e Gledson, destaques do América-MG sub-20

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Destaques do América-MG sub-20, o atacante Gledson e o goleiro Jori falaram sobre a sua história, Copa São Paulo, América-MG, futuro e quem são os seus ídolos

Joriwinnyson Santos dos Anjos Rodrigues, no futebol apenas Jori, tem 20 anos, é goleiro, natural de Periquito, em Minas Gerais. Uma de suas características é a defesa de pênaltis, como mostrou na Copa São Paulo de Futebol Junior de 2016, onde o jovem goleiro brilhou defendendo penalidades que classificaram o Coelho para fases mais avançadas na copinha diante do Vasco da Gama e do Bahia.

Gledson Sales é natural de Belo Horizonte, tem 20 anos e joga como atacante.  Com 1,78m, o atacante é versátil, podendo atuar como centroavante e também aberto pelas laterais.  Suas principais características é o condicionamento físico, velocidade, explosão, impulsão, além de ter um ótimo cabeceio.

Gustavo
Clique na imagem para acessar o site

Confira abaixo o bate papo completo com os atletas:

Esportes Mais: Como foi a sua chegada ao América-MG?

Jori: Eu já havia passado pelo Democrata de Governador Valadares e um teste no Santos. Na metade do ano de 2013, estava disputando os jogos estudantis de Minas Gerais em Governador Valadares, que é próxima a minha cidade natal, Periquito, e dois ex-jogadores do América foram a minha cidade conversar comigo. Após nossa conversa, eles conseguiram marcar um teste para mim no Coelho e graças a Deus deu tudo certo, passei e estou no clube até hoje.

Gledson: Eu estava jogando no Sport Clube Ivoti, do Rio Grande do Sul. Enviaram um material meu para o América e o professor Millagres me chamou para um período de avaliação. Graças a Deus fui bem, passei e estou no clube até hoje.

Esportes Mais: Na Copa São Paulo, a comissão técnica cobrava mais resultados ou buscava apenas a formação dos atletas?

Jori: Nossa comissão sempre se preocupou muito com nosso desenvolvimento, tanto que após a Copa vários jogadores, assim como eu, subiram para o profissional. Porém nós sabemos que futebol é resultado e sabíamos da importância de fazer uma boa copinha.

Gledson: O resultado é consequência do trabalho de formação, então acredito que eles buscaram mais a formação mesmo.

Esportes Mais: A equipe do América foi muito bem e mostrou ter um ótimo time, caindo apenas nas semifinais da competição. Ficou um gosto amargo por ir tão longe e não conquistar o titulo?

Jori: Na minha opinião não. Antes da competição ninguém acreditava ou nos dava crédito e nós provamos que tínhamos uma grande equipe e chegamos na semifinal. Quando você chega na semifinal você sonha com o título, acho que poderíamos ter sim o conquistado, mas não ficou gosto amargo não e sim orgulho da ótima campanha que fizemos.

Gledson: Na minha opinião ficou um pouco sim, mas futebol é isso aí. Como Jori disse, chegamos desacreditados e ficamos entre os quatro melhores, mas a vontade de ter conquistado o título era muito grande.

Jori fechou o gol na Copa São Paulo

Esportes Mais: A equipe está classificada para a fase final do Campeonato Mineiro. Quais as perspectivas?

Jori: Nossa expectativa é buscar o título. Ano passado ficamos com o vice-campeonato e este ano queremos a taça. Estamos treinando forte para melhorar alguns pontos em relação a primeira fase e vamos em busca do título.

Gledson: Expectativa de conquistar o título. Tive uma lesão no início do campeonato e quero ajudar mais o equipe nessa fase final. Quero fazer gols, ajudar muito nas partidas e buscar a transição para o profissional.

Esportes Mais: Pensam em Europa ou  primeiro fazer o nome no futebol nacional?

Jori: Eu penso sim em jogar na Europa no futuro, mas meu pensamento atual é começar a jogar aqui no Brasil, disputar um Brasileirão e fazer meu nome. Eu trabalhando bem aqui terei um dia a oportunidade de jogar na Europa.

Gledson: Sonho com os dois, mas tenho que trabalhar, pois o que Deus permitir para mim será o ideal!

Gledson atuando diante do Palmeiras

 

Esportes Mais: Qual o seu ídolo no esporte?

Jori: Eu não tenho um ídolo maior, mas me espelho em vários goleiros (risos). São eles Neuer, Buffon, De Gea e entre os brasileiros o Fábio e o João Ricardo (goleiro do América).

Gledson: Meu ídolo é o Cristiano Ronaldo. É um jogador completo, admiro muito tudo o que ele faz. Fiquei muito feliz com o título de Portugal e o líder que ele foi na Euro.

Esportes Mais: E o seu sonho?

Jori: Meu sonho é um dia ser o melhor da minha posição, referência para os outros e poder ajudar minha família através do meu trabalho.

Gledson: Meu grande sonho é jogar no Real Madri. Acho muito fera o clube, estádio, torcida e o país! Com muito trabalho espero um dia chegar lá!

 

Ficha técnica

Nome: Joriwinnyson Santos dos Anjos Rodrigues (JORI)

Data de Nascimento: 13/03/1996 – 20 anos

Local de Nascimento: Periquito-MG

Posição: Goleiro

Clube Atual: América Mineiro

Altura: 1,90m

 Nome: Gledson Junio Sales da Silva

Data de Nascimento: 20/01/1996 – 20 anos

Local de Nascimento: Belo Horizonte-MG

Posição: Atacante

Clube Atual: América Mineiro

Altura: 1,78m

Wesley Contiero (767 Posts)

Estudante de jornalismo, 23 anos, natural de Lins, Interior de São Paulo.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta