Notícias

Sem categoria

Em noite histórica, Vila Nova volta a final do estadual após 12 anos

goleiro bruno boa esporte

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Após 12 anos, Vila Nova volta a fazer uma final de Campeonato Goiano

O torcedor Vilanovense já tão acostumado com dificuldades e fortes emoções e mais uma vez passou por um desses momentos, após 12 anos o torcedor colorado vai ver seu time outra vez em uma final, e o adversário não podia ser outro, o mesmo de 2005, o maior rival, o Goiás.

A verdade é que as duas partidas contra a Aparecidense foram dignas de finais, o Camaleão soube jogar um bom futebol, o que valorizou muito a vaga do Tigre na final, mas quis o destino que o torcedor colorado, tão acostumado a vexames e fracassos, saísse feliz do Estadio Anibal Batista de Toledo essa noite.

Estádio esse que trazia uma péssima lembrança aos colorados, em 2014, nesse mesmo estádio o Vila Nova era rebaixado para a segunda divisão estadual, a maior vergonha da história do clube.

Tudo que rodeou essa partida trouxe um pouco de clima de guerra, dirigentes da Aparecidense fizeram de tudo pra afastar o torcedor colorado, colocaram o ingresso a R$ 60, sendo que o estadio reunia quase que nenhuma condição de receber uma torcida como é a do Vila Nova.

A partida começou a todo vapor, a Aparecidense precisando da vitoria foi pra cima logo no inicio, tentando sufocar a equipe colorada. Com apenas cinco minutos de partida, Washington bateu falta que desviou em Robert, tirando todas as chances de defesa do goleiro Elisson.

O Vila foi pra cima, equilibrou as ações, e em um lance de pura raça e persistência de Moisés, a bola sobrou para o volante Geovane, que acertou um belo chute de fora da área, indefensável! Antes do fim da primeira etapa, o Camaleão voltou a estar na frente no placar, Rafael Cruz recebeu livre pela direita e mandou a bola pro meio da área, e depois de uma confusão, o lateral Helder sacudiu mais uma vez a rede do Vila Nova.

Aparecidense 2×2 Vila Nova. (Foto: Leo Iran)

O segundo tempo foi só emoção, ambas as equipes foram pra cima em busca do gol que valeria a classificação, o lateral Maguinho do Vila chegou a salvar um gol encima da linha, a bola já tinha passado pelo goleiro. Mas quem balançou as redes foi o Profeta, em jogada trabalhada entre Walysson e Matheus Anderson pela esquerda, a bola encontrou Moisés livre na pequena área pra empurrar a bola pra rede, explodindo de emoção a massa colorada que invadiu Aparecida de Goiânia.

Com o empate, os donos da casa tinham que voltar ao ataque total, e depois de um escanteio batido pela esquerda, a bola bateu na mão do zagueiro Alemão do Vila, e o arbitro Wilton Pereira Sampaio marcou pênalti para o Camaleão. Murilo foi para a cobrança aos 38 minutos e Elisson defendeu, se tornando o herói da noite colorada.

A maior rivalidade do centro oeste mais uma vez presente em uma grande final, neste século vilanovenses e esmeraldinos decidiram apenas duas vezes o Goianão (2001 e 2005), as duas vezes o taça foi pro Tigrão.

Nos próximos dois domingos, colorados e alviverdes lutam pelo título goiano.

Ailto Soares (27 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta