Notícias

Sem categoria

Em noite histórica, Rampla Juniors recebe o Santa Fé no Luis Franzini

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Rampla vive sonho de disputar uma competição internacional oficial pela primeira vez na história

Rampla Juniors e Independiente Santa Fé começam hoje a disputa por uma vaga nas oitavas-de-final da Copa Sul-Americana 2018. A partida é válida pela fase 16 avos de final. O duelo acontece 21h45, no Estádio Luis Franzini, casa do Defensor Sporting. O Estádio Olímpico, onde o Rampla manda os jogos no Campeonato Uruguaio, tem capacidade para seis mil pessoas, mas não tem estrutura para receber uma partida internacional. Hoje será o terceiro capítulo da histórica participação do Rampla na “outra metade da glória”.

O Rampla Juniors vive dois momentos completamente distintos. No ano passado, a boa campanha na temporada uruguaia deu ao Picapiedra o direito de disputar uma competição continental pela primeira vez na história. O ano novo veio, e com ele a brilhante classificação em cima do UTC Cajamarca-PER na primeira fase da Sul-Americana, ocorrida no mês de março.

Paralelamente ao grande sonho realizado, um pesadelo antigo se fez presente. O time não engrenou no Torneio Apertura e fez a pior campanha. Melhorou pouco no Torneio Intermedio e agora no Clausura vai lutar desesperadamente para evitar o rebaixamento.

A má campanha no primeiro semestre custou o emprego do treinador Ronco López. O técnico Julio Fuentes chegou pouco antes da Copa do Mundo e mudou o astral da equipe, que conta com o brasileiro Igor Paim no elenco. Mudanças também aconteceram na presidência do clube: saiu Isabel Peña, entrou Ignacio Durán. Ele será o presidente do Rampla no triênio 2018-2020.

Para se ter uma ideia do que significa a participação do Rampla Juniors na Copa Sul-Americana: o clube tem o elenco mais barato da primeira divisão uruguaia, avaliado e pouco mais de 4,5 milhões de euros*.

As esperanças do torcedor Picapiedra estão depositadas em quatro jogadores em especial. Além do brasileiro Igor Paim, o meia Cristian Oliveira, e os atacantes Diego Martiñones e Matías Rigoleto podem fazer a diferença hoje à noite.

O Independiente Santa Fé também está renovado para o segundo semestre. Assim como o Rampla, o clube colombiano está de presidente e técnico novos. Por falar no treinador, Guillhermo Sanguinetti conta com três reforços importantes para o resto da temporada: Jorge Aguirre, Arley Rodriguez e Diego Guastavino. Este último conhece bem o Rampla. Jogava até o mês passado no Liverpool de Montevidéu. Guastavino deve iniciar a partida no banco de reservas.

Outro reforço para o resto do ano é o meia Seijas. O jogador ex-Internacional e Chapecoense, ainda não está no melhor condicionamento físico e não viajou com a delegação para o Uruguai.

A diferença entre as equipes reflete nos números: o elenco do Santa Fé é seis vezes mais valioso que o do Rampla. Juntos, os jogadores de El León custam cerca de 24,3 milhões de euros*.

Ficha técnica da partida:

Jogo: Rampla Juniors x Independiente Santa Fé

Local: Estádio Luis Franzini – Montevidéu

Data e hora: 19/07/2018 às 21h45

Árbitro: Omar Ponce-EQU

Auxiliares: Edwin Bravo e Flavio Nall

Prováveis escalações:

Rampla Juniors: Odriozola, Furia, Rizzo, Martínez, Felipe, Dorrego, Galli, Oliveira, Vargas, Rigoleto e Martiñones. Técnico: Julio Fuentes

Independiente Santa Fé: Castellanos, Gil, Henao, Moya, Arboleda, Perlaza, Roa, Gordillo, Plata, Pajoy e Morelo: Técnico: Guillhermo Sanguinetti

Dados*: Transfermarkt.pt

Samuel Bonicontro (153 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta