Notícias

Sem categoria

Em jogo eletrizante Predators viram pra cima dos Jets na prorrogação

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Na noite da última segunda-feira (13), os Predators receberam os Jets na Bridgestone Arena. Os donos da casa estavam apenas 2 pontos à frente do St. Louis Blues e precisavam vencer.

A partida começou muito disputada, mas os Jets estavam melhores no jogo e, aproveitando a vantagem numérica, aos 03:40 Blake Wheeler abriu o placar para os visitantes.

Aos 6:25 os Jets tiveram a chance de aumentar a vantagem, porém Pekka Rinne salvou os Predators. Os Jets continuaram pressionando e, aos 12:11, a pressão surtiu efeito e Dustin Byfuglien aproveitou falha de Pekka Rinne para marcar o segundo gol dos Jets.

Os Predators acordaram após sofrer o segundo, e 23 segundos após o gol dos Jets, Austin Watson recebeu de Anthony Bitteto e mandou um snipe indefensável, deixando o jogo 2×1 para os visitantes. Os Predators começaram a pressionar os Jets, essa pressão só surtiu efeito quando faltavam 10.6 segundos para o final do primeiro período, quando Craig Smith deixou Mike Fisher cara a cara com goleiro e ele não desperdiçou a chance, o primeiro período terminou empatado em 2×2.

O segundo começou com os Predators melhores, e com apenas 19 segundos jogados no período Filip Forsberg recebeu lindo passe de Ryan Johansen e colocou os donos da casa na frente, 3×2 Predators. Os Jets acordaram após sofrerem o gol da virada e, com 3:38 jogados, Patrick Laine mandou um snipe perfeito e indefensável, deixando a partida novamente empatada. Os Jets continuaram melhores na partida, e 5 minutos após o gol, Joel Armia aproveitou outra falha do goleiro Pekka Rinne para colocar os visitantes novamente na frente. Mesmo perdendo o jogo os Predators não esboçavam reação alguma, e minutos após o gol Perreault marcou o quinto dos visitantes, porém o técnico dos Predators – Peter Laviollete – desafiou a jogada, alegando que no lance prévio ao gol houve um offside não marcado pelo arbitragem, e ele estava certo, o gol foi invalidado.

Os Predators foram para o último período com uma desvantagem de apenas 1 gol, e começaram o período jogando mal, porém com 4 minutos jogados no período, Viktor Arvidsson conseguiu roubar o disco na zona ofensiva, ele passou para Filip Forsberg que deixou Ryan Johansen cara a cara com o goleiro, ele só teve o trabalho de tirar do goleiro e deixar a partida novamente empatada. A partir daí só os Predators jogavam, porém o disco não entrou.

O tempo regulamentar terminou empatado em 4×4, resultado que levou a partida para a prorrogação. Os Predators começaram na pressão, porém, um erro na zona ofensiva quase custou o jogo, mas o tão criticado Pekka Rinne impediu que o disco entrasse e deixando os Predators vivos na partida. Na jogada seguinte Dustin Byfuglyen cometeu uma penalidade em Viktor Arvidsson, deixando os Predators na vantagem numérica, e eles aproveitaram da melhor maneira possível, após boa troca de passes o disco sobrou para James Neal que marcou o gol da vitória dos Predators. Resultado final Predators 5×4 Jets.

O próximo dos Jets será na quinta-feira (16) às 20h, em duelo contra o New York Islanders. Já os Predators enfrentarão os Capitals no mesmo dia e horário.

suporte (2042 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta