Notícias

Futebol Internacional

Com o VAR, o Real Madrid estaria melhor na classificação da La Liga

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

No Real Madrid “clamam” por uma arbitragem melhor na La Liga, já que o clube foi prejudicado em algumas partidas nessa edição do campeonato

No Real Madrid ninguém se queixa publicamente sobre tal assunto. Zidane tampouco o faz, e se limita, apenas, a analisar o atual estado futebolístico do elenco – o pior desde que chegou ao comando do clube -. “Os árbitros fazem seu trabalho. Não vou comentar sobre nada”, disse Zizou em coletiva.

A entidade madridista guarda silêncio, porém entre os torcedores não há vista grossa para as contínuas equivocações arbitrais que vem sofrendo seu clube nessa edição de liga. A indignação atingiu o ponto máximo após a partida contra o Atletico de Madrid, onde Fernández Borbalán não expulsou Savić por dura entrada em Kroos e deixou de marcar dois pênaltis para o Real Madrid.

O Real Madrid já foi prejudicado em vários encontros na atual edição de La Liga, e, ao mesmo tempo, não se registra nenhuma equivocação decisiva dos árbitros à seu favor. Além disso, é o clube que ainda não teve nenhum pênalti marcado à favor, apesar de ser uma das equipes que mais pisa na área do rival durante as partidas.

Para solucionar todas essas queixas a Vídeo Arbitragem seria a pedida ideal, já que vem para tornar o futebol mais justo. Porém só será implantado no campeonato espanhol na próxima temporada.

Analisemos como seria a atual La Liga se já tivesse o VAR

Como já sabemos, só em quatro eventos na partida será usado o VAR quando instaurado: nos gols, nos impedimentos, nos pênaltis e nos cartões vermelhos (diretos, e não segundos amarelos). Tendo isso em vista, se a atual edição de liga já estivesse com o VAR em uso, o Real Madrid teria alguns pontos a mais e ocuparia a segunda colocação na classificação.

2° rodada: Dois possíveis pênaltis contra o Valencia
No Real Madrid se queixam de dois possíveis pênaltis cometidos pelos visitantes na partida disputada contra os atuais vice-líderes da competição, a primeira partida em que os “blancos” perderam pontos (2-2 no Santiago Bernabéu). No primeiro lance suspeito, Vezo impede a passagem de Asensio com mão dentro da área. Já no segundo lance, Parejo puxa Benzema pela camisa, dentro da área, e impede a progressão do jogador francês.

Lista de los penaltis no pitados al Real Madrid
Primeiro lance polêmico

 

Penalti sobre Benzema por agarrón de Parejo. Foto: Twitter (@elchiringuitotv)
Segundo lance polêmico

 

3° rodada: Dois pênaltis ante o Levante
Onde não há dúvidas é no pênalti que Chema, do Levante, cometeu sobre Casemiro, e que não marcou nada Hernández Hernández. O volante do Madrid foi derrubado na área do rival aos 38 minutos daquela partida. Com o VAR o pênalti teria sido assinalado.

 

Pênalti não marcado sobre Casemiro

 

O outro lance em que houve uma grande reclamação foi no possível pênalti de Lerma sobre Sergio Ramos, numa cobrança de escanteio. O defensor “blanco” sobe mais alto e o adversário ao ver o desloca com um empurrão, tirando as chances do espanhol chegar à bola.

 

Possível pênalti não marcado sobre Sergio Ramos

 

Se o VAR estivesse valendo nessa partida, o gol do Real Madrid também seria anulado, pois Sergio Ramos comete falta antes de marcar o tento. O duelo terminou em 1-1.

5° rodada: Dois pênaltis ante o Betis
Em mais uma partida no Bernabéu, o Real Madrid foi prejudicado novamente, dessa vez contra o Betis. Ademais, nesse encontro sim que as decisões de Mateu Lahoz influíram no resultado, já que com a vídeo arbitragem teriam sido marcados dois pênaltis para os blancos e o Betis ainda terminaria com um a menos.

No primeiro lance, Javi García impede um gol do Real Madrid em cima da linha usando suas mãos. Com o VAR seria pênalti e expulsão do jogador.

 

Minutos depois, o mesmo Javi García tocou Marcelo dentro da área. O contato serviu para que o brasileiro não conseguisse prosseguir com a jogada. Nada foi marcado.

 

 

A partida terminou 0-1 para o Betis, com o gol saindo nos minutos finais.

6° rodada: Uma expulsão e um pênalti
Contra o Alavés, em Vitória-Gasteiz, os jogadores do Real Madrid pediram expulsão de Manu García após cotovelada em Lucas Vázquez. Undiano Mallenco mostrou só amarelo, decisão que o VAR teria corrigido: era vermelho. Além disso, Cristiano sofreu um pênalti de Alexis após ser agarrado na área – igual ao lance em que foi marcado pênalti sobre Piqué, no mesmo estádio e na mesma área -.

As má decisões de Undiano não influíram no resultado dessa vez, os comandados de Zizou acabaram vencendo por 1-2.

Cotovelada de Manu García a Vázquez

 

8° rodada: Gol do Getafe que não deveria ter sido validado
Naquela ocasião o Real Madrid ganhou com dificuldades no Coliseum Alfonso Pérez. Se os blancos necessitaram marcar dois gols em Getafe foi porque os mandantes empataram com um gol ilegal. Jorge Molina, um pouco adiantado, fez o gol que estava tirando 2 pontos do Real Madrid.

 

 

10° rodada: um gol do Girona inválido e um pênalti não marcado
A equipe de Zidane perdeu em Montilivi em sua pior partida da temporada, porém mesmo com esse baixo nível o jogo não deveria ter sido tão ruim para os merengues, já que houve um pênalti à favor e o segundo gol dos mandantes foi ilegal.

Um jogador do Girona, em uma defesa bastante difícil digamos, não permitiu que Cristiano Ronaldo marcasse o segundo gol do Real Madrid na partida.

 

 

O gol da vitória dos catalães não deveria ter sido validado, já que Portu, voltando de posição ilegal, desvia a bola para o gol.

 

Portu (por trás de Sergio Ramos) marca após voltar de posição ilegal.

 

A partida terminou em 2-1 para o Girona, e o Real Madrid saiu bastante criticado pelo jogo realizado.

11° rodada: Pênalti sobre Nacho contra o Las Palmas
Felizmente, para os madridistas, as decisões do árbitro não interferiram no placar, já que o Real Madrid venceu os visitantes por 3-0. Porém, a partida não deixou de ter lance polêmico.

Nacho adiantou a bola dentro da área rival e foi derrubado por Lemos, que em momento algum visa a bola. O que mais impressiona na imagem é a proximidade do árbitro ao lance.

 

 

12° rodada: Expulsão de Savić perdoada e pênaltis no Dérbi.
Por último, o Real Madrid teria, possivelmente, dois pontos a mais na classificação se o VAR já estivesse instaurado. Com o auxiliar de vídeo, Fernández Borbalán havia expulsado a Savić por dura entrada sobre Kroos e teria marcado pênalti em mãos de Godín e Juanfran.

 

Resultado de imagem para expulsion savic perdonada
Expulsão perdoada a Savic

 

Mão de Juanfran dentro da área

 

Mão de Godín em chute de Cristiano

 

Como resumo, se na presente edição de La Liga já houvesse VAR o Real Madrid teria mais pontos do que tem atualmente e estaria em uma posição a mais na tabela.

No clube suspeitam que os “desfavorecimentos” arbitrais aumentaram após crítica de Florentino Pérez no programa El Larguero, em agosto. O mandatário dos clube madrilenho afirmou que a arbitragem espanhola era “claramente melhorável” naquela ocasião.

Uma curiosidade que também chama bastante atenção é que nos últimos 100 jogos de liga o Real Madrid só teve 20 pênaltis a seu favor e 10 contra. Em comparação, o Barcelona teve 33 a favor e apenas dois contra.

Elpídio Neto (14 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta