Notícias

Futebol Brasileiro

Clássico sul-mato-grossense acaba em espancamento e prisão de massagista

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Confusão marca rodada do campeonato estadual do Mato Grosso do Sul

https://scontent.fbau1-1.fna.fbcdn.net/v/t34.0-12/28191170_1617261065030337_247680613_n.png?oh=f554d3abac3e16b7bb1dfbb07a70b9e9&oe=5A8C2355

A sétima rodada do Campeonato Sul-Mato-Grossense, terminou em confusão. O clássico “Comerário”, assim chamado o confronto entre Comercial e Operário do Mato Grosso do Sul, foi mais um dos casos de agressões em partidas de campeonatos estaduais na tarde deste domingo (18).

No clássico BaVi, Bahia e Vitória cerca de nove jogadores foram expulsos na partida, sendo cinco do lado do Leão e quatro do Esquadrão de Aço. Com isso o duelo baiano foi finalizado aos 34 minutos do segundo tempo com vitória do Bahia.

Se no nordeste houve confusão, na região do Centro-Oeste do país não foi diferente, em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, Comercial e Operário realizaram cenas tristes na tarde deste domingo, no estádio Morenão.

O tumulto teve inicio aos 45 minutos do segundo tempo, momento exato que o Thiaguinho, atacante do Comercial fez 1 a 0 diante de seu arquirrival. Ao sair o gol, o gandula Tadeu Francisco, de apenas 19 anos, que defende as cores do colorado na categoria de base, comemorou o gol.

Comemoração que gerou confusão

A simples comemoração do jovem sul-mato-grossense foi o “x” da questão para que a confusão tivesse inicio. Alguns atletas e membros da comissão técnica do Operário correram em direção ao garoto e o agrediram. Tadeu tentou correr do tumulto, porém, Jeferson Reis, que era suplente da partida, correu atrás do jovem, o derrubou e o espancou.

O atleta da categoria de base do Comercial está com suspeita de fratura de nariz. Ao fim da briga generalizada, a Polícia Militar (PM) foi no vestiário para prender Jeferson, mas o atleta já havia deixado o estádio. Se a PM não encontrou o atleta para levar para a delegacia, não foi diferente com o massagista do Operário, Raul Prazeres, foi preso por lesão corporal e assim levado para o DP de Campo Grande-MS.

A diretoria do Galo informou que Jeferson Reis irá se apresentar à polícia. O jovem gandula foi à delegacia acompanhado de seus familiares para registrar a agressão.

O advogado do Comercial, Reinaldo Leão se colocou a disposição do jovem para tomar as medidas cabíveis contra os agressores.

Israelima (2 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta