Notícias

Sem categoria

Contra Atlético MG, Chapecoense busca a reabilitação na Série A

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Equipe catarinense tenta afastar a má fase no certame nacional, e para isso, enfrenta um Galo alternativo na Arena Condá

Às 19h desse domingo (25), a Chapecoense recebe o Atlético MG na Arena Condá, em Chapecó, para a disputa da 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

Após quatro derrotas nas últimas cinco partidas, e uma goleada sofrida frente ao Flamengo (5 a 1) na última rodada, o Verdão do Oeste joga pressionado por uma vitória. O desempenho da equipe alviverde caiu vertiginosamente, visto que nas primeiras quatro rodadas da competição o time havia levado apenas um gol, e, a partir da quinta rodada, foram 17 gols sofridos. A Chape ocupa atualmente a décima posição na tabela. Pelo lado do Galo, as coisas no Brasileirão não andam muito melhores. Ocupando a 16ª posição, o Atlético MG vem de um empate em 2×2 frente ao Sport, em casa, e busca melhorar sua colocação atuando fora de seus domínios.

Pressão

É isso que o técnico Vagner Mancini tem de administrar e superar nesse domingo. Durante a semana, o comandante do Verdão foi duramente criticado pela imprensa e parte da torcida, pela forma que o time atuou frente ao Flamengo. Jogando aberta, com 3 atacantes e sem cuidados defensivos, a Chapecoense foi castigada pelo alvinegro carioca na nona rodada do Brasileirão. Os 5 a 1 refletiram a fragilidade da defesa da Chape nas últimas partidas, mas mesmo com o placar tão elástico, o goleiro Jandrei foi um dos destaques da equipe.

Apesar da derrota, Jandrei praticou boas defesas frente ao Flamengo (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)

Para o jogo desse domingo, especula-se que o técnico do Verdão entre com uma formação mais cautelosa. Existe a possibilidade dos volantes Lucas Mineiro ou Moisés Gaúcho ocuparem a vaga do venezuelano Seijas, que até agora não mostrou a que veio na Chapecoense. Juntando-se a Girotto e Luiz Antônio, a ideia é dar mais proteção aos zagueiros e apoio às investidas ao ataque dos laterais Reinaldo e Apodi, jogada forte da Chape, além da liberdade aos atacantes de lado de campo.

Na zaga, possivelmente Victor Ramos não atuará, pois sentiu desconforto na coxa esquerda e passa por avaliação médica. A defesa do Verdão deve ser formada por Douglas Grolli e Luiz Otávio. Nas demais posições, ainda há indefinições, e a equipe que entra em campo frente ao Atlético MG será definida no treinamento de sábado a tarde.

Alternativo

Essa será a equipe do Atlético Mineiro para o jogo de domingo. O técnico Roger Machado confirmou que trará a Chapecó um grupo bem diferente do que vem atuando nas últimas partidas do Campeonato Brasileiro. Dos titulares, apenas Rafael Carioca está relacionado para a partida frente a Chapecoense. A justificativa do treinador do Galo é a sequência desgastante e o fato de ter de enfrentar o Botafogo, quarta-feira, pela Copa do Brasil.

A decisão de atuar com equipe alternativa gerou certo desconforto com a torcida atleticana, que em parte, não apoiou a decisão de diretoria e comissão técnica. Pressionado pelos maus resultados e por não estar atingindo o desempenho esperado na competição nacional, mesmo com um dos melhores elencos do país, o Atlético MG buscará a recuperação na tabela com muitas caras novas, incluindo cinco jogadores da equipe campeã da Copa do Brasil sub 20. Confira a lista de relacionados:

Imagem: Divulgação/Atlético MG

Curiosidade

O jogo entre Chapecoense e Atlético MG promete uma situação inusitada. Pelo lado mineiro, o zagueiro Matheus Mancini vive a expectativa de fazer sua estreia na equipe principal do Galo. E essa estreia torna-se especial pelo fato de, justo em sua primeira partida, enfrentar o pai, Vagner Mancini, comandante da Chapecoense.

Matheus se diz preparado, e que, nessa hora é necessário esquecer a parte familiar, ser profissional e buscar a vitória dentro das quatro linhas.

Matheus Mancini deve estrear pelo Galo frente a equipe dirigida por seu pai, Vagner (Foto: Divulgação/Atlético MG)

Opinião

É obrigação da Chapecoense ganhar. Um Atlético MG totalmente desmontado, com diversos jogadores da base e estreias é a oportunidade perfeita para a Chapecoense vencer e espantar a má fase e a sequência negativa. É claro que é necessário respeitar a equipe do Galo, que tem qualidade em um dos melhores elencos do país, porém, atuando na Arena Condá, o Verdão tem de demonstrar reação na competição.

Qual Chapecoense veremos em campo? A Chape que controlou o Cruzeiro no Mineirão, jogando com inteligência, sendo letal nas oportunidades criadas ou a Chape apática e desorganizada dos jogos frente a Botafogo e Flamengo?

O técnico Vagner Mancini deve mexer na equipe, dar oportunidade a alguns jogadores pouco aproveitados e descansar outros que tem atuado somente com o nome, e pouco futebol. Chegou a hora de demonstrar organização em campo e disposição e foco no resultado.

O jogo de amanhã pode significar um divisor de águas para o Verdão do Oeste. Ou vence e retoma a confiança para a sequência da competição, ou começa a se complicar e lutar significativamente contra o rebaixamento. Certamente esse é o ano mais difícil da história da Chape, e cabe a esse grupo de jogadores, comissão e diretoria dar a resposta dentro de campo. Ao torcedor, cabe apoiar nos 90 minutos. É necessário cobrar, mas sem desespero e achando que todo o trabalho deve ser jogado por água abaixo. Esperamos todos um grande jogo de futebol na noite desse domingo.

Ficha técnica – Chapecoense x Atlético MG

Data: 25/06/2017

Hora: 19h, horário de Brasília

Local: Arena Condá – Chapecó (SC)

Arbitragem: João Batista de Arruda (RJ), auxiliado por Luiz Claudio Regazone (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ

Clique na imagem para acessar o site

 

Derlei Alex Florianovitz (45 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta