Notícias

+ Esportes

Brasil vence o Chile e avança à semi do Sul-Americano de Basquete Feminino

WhatsApp Image 2018-09-01 at 19.45.23 (1)

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Com três vitórias na primeira fase, Brasil avança em primeiro e invicto para a semifinal

(Foto: Reprodução / Paulinho Lamenha)

Neste sábado (01) o Brasil encerrou a primeira fase do Campeonato Sul-Americano adulto de Basquete Feminino com vitória por 99 a 66 sobre o Chile. Após mais uma partida tranquila, as meninas brasileiras garantiram o primeiro lugar no grupo A.

Por meio deste torneio disputado em Tunja, na Colômbia, a Seleção Brasileira garantiu vaga na Copa América/Pré-Olímpico, que serve de disputa por uma vaga nas Olimpíadas de Tóquio 2020.

Jogo tranquilo e vitória fácil

As meninas brasileiras dominaram o jogo de ponta a ponta. Com destaques individuais para Izabella Sangalli (16 pontos e 9 rebotes), Jaqueline de Paula (20 pontos), Tainá Paixão (15 pontos) e Clarissa dos Santos (11 pontos e 8 rebotes), o jogo coletivo mais uma vez sobressaiu.

O primeiro quarto teve um início um pouco lento, demorou para as meninas pegarem no embalo. Ao final do período o Brasil começou a jogar bem e abriu 28 a 10.

No segundo quarto o Brasil fez bastantes testes e mexeu muito no seu quinteto em quadra, mas, nada disso tirou a vantagem brasileira, que só ampliou. Com uma vitória por 22 a 15 no período, as meninas foram para o intervalo com 50 a 35 no placar.

Na volta a tônica foi a mesma. Brasil dominante e Chile correndo atrás do placar. Com um terceiro período vencido por 25 a 16 e o último por 24 a 15, o Brasil fechou o jogo com uma vitória por 99 a 66 e quase alcançou a marca centenária em mais um jogo.

Abre aspas

O treinador Carlos Lima analisou a vitória sobre o Chile.

“Este foi um jogo diferente, começando pela defesa, que teve uma postura melhor. Cometemos alguns erros, mas, os nossos adversários tiveram bom aproveitamento nos arremessos. Conseguimos reduzir bastante a quantidade de erros, o que foi satisfatório em decorrência dos outros jogos. Gostaria de frisar também o aproveitamento de três pontos neste jogo, que foi de 60%”, disse o técnico brasileiro.

Um dos destaques da partida, Izabella Sangalli ressaltou a importância da confiança em quadra.

“Conseguimos aproveitar a oportunidade e, certamente, com mais tempo de quadra, nos sentimos ainda mais à vontade para fazer o nosso jogo. O Carlos Lima está dando bastante confiança para todas as jogadoras e foi muito gostoso jogar ainda mais tempo pelo nosso selecionado”, destacou a ala brasileira.

Números das brasileiras na partida

05. Babi Honório (03 pontos, 05 rebotes e 07 assistências)

07. Izabella Sangalli (16 pontos, 09 rebotes e 02 bolas recuperadas)

08. Tainá Paixão (15 pontos, 02 assistências, 03 bolas recuperadas e 01 bloqueio)

09. Jaqueline de Paula (20 pontos, 02 rebotes e 04 assistências)

10. Tati Pacheco (03 pontos)

11. Clarissa dos Santos (11 pontos, 08 rebotes, 02 assistências e 04 bolas recuperadas)

14. Érika de Souza (02 pontos, 03 rebotes e 01 assistência)

24. Stephanie Soares (04 pontos e 04 rebotes)

31. Nádia Colhado (08 pontos, 04 rebotes, 02 assistências e 01 bloqueio)

34. Gilmara Justino (03 pontos, 03 rebotes, 03 assistências e 01 bloqueio)

55. Raphaella Monteiro (04 pontos, 01 rebote, 02 assistências e 01 bola recuperada)

77. Lays da Silva (10 pontos, 01 rebote e 01 assistência)

Semifinal

Agora o Brasil encara a Colômbia, dona da casa, na semifinal, dia 03 de setembro, segunda. A outra semifinal será composta por Argentina e Paraguai, que também se enfrentam no mesmo dia.

 

Esportes Mais

Facebook

 

Roma
Clique na imagem para acessar o site
Joao Pedro (160 Posts)

Estudante de Jornalismo na Instituição IBMR Barra, Rio de Janeiro.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta