Notícias

Futebol Internacional

Boca Juniors classifica e enfrenta seu maior rival na final

Boca Juniors

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Com 4 a 2 no agregado, o Boca Juniors avançou para final e enfrenta o River Plate. Será a 11ª final de Libertadores que os Xeneizes irão disputar, e será histórica por ter um superclássico. Será a primeira fez que dois times argentina decidem uma Libertadores. O Boca Juniors pode se tornar o maior campeão do torneio!

Palmeiras e Boca Juniors se enfrentaram no nesta quarta-feira (31) e o Boca empatou e se classificou para final. Com o 2 a 0 nada ida, o time só administrou sua vantagem para se classificar. Ábila e Benedetto fizeram os gols da equipe bostera.

Com as duas maiores potências da América do Sul se enfrentando, a Conmebol estuda muda as finais para um dia de sábado. Será a terceira vez na história que Boca e River decidem um título. Esse ano eles decidiram a Supercopa da Argentina, e os comandados de Gallardo venceram por 2 a 0.

Comissão técnica e jogadores falaram sobre essa final épica

Pipa Benedetto, autor de três gols contra o Palmeiras, analisou o que vem pela frente.

“Vai ser uma partida aonde temos que mostrar caráter mas temos que ser inteligentes para jogar”.

Pipa disse que o Boca sempre esteve concentrado na partida contra o Palmeiras.

“Sempre pensamos no Palmeiras, se falou muito na semana, tivemos um claro objetivo, fazer um bom resultado. Classificação do River não em influencio em nada”.

Gustavo Schelotto analisou o confronto da final e disse que não é fácil chegar em uma final de Libertadores.

“Não é fácil chegar a uma final da Libertadores, especialmente considerando os rivais que tivemos ao longo do torneio, o Palmeiras tem muitas virtudes, especialmente no lado ofensivo e não é fácil neutralizar isso. O grande mérito dos jogadores era encarar isso, eles se sentiram vencidos com o primeiro gol e isso nos deu paz de espírito, mas no segundo tempo eles entraram. Eles fizeram uma mudança ofensiva no intervalo, mas sabíamos como neutralizar isso”.

Gustavo falou sobre á final que tem pela frente.

“Com certeza o anterior vai ser diferente, mas isso é estranho para os jogadores e para nós, vamos planejar vencê-lo, temos que continuar melhorando, corrigindo as coisas que acreditamos que devem ser corrigidas e fortalecendo as virtudes, mas sabemos que temos pela frente. uma final da Copa Libertadores e não podemos alterar o que acontece fora da quadra, chegamos muito bem, muito entusiasmados com os resultados que chegaram até nós”.
Nández falou sobre a diferença de gols que o Boca tinha.
Ficamos claros que tínhamos que defender a diferença que tínhamos, mas sabíamos que tínhamos que fazer um gol. Eles vieram no segundo tempo, mas sabíamos como fechá-lo e nos classificamos para a final. Você tem que aproveitar este momento, isso é histórico, nunca aconteceu, com certeza vai ser um jogo separado”.
Ábila disse que as duas melhores equipes do campeonato irão se enfrentar.
A final é jogada pelos dois melhores do torneio. Sabemos que existem possibilidades para ambos, mas os dois melhores vieram, eles mostraram durante o torneio, mas esperamos ser os vencedores. Vamos trabalhar para isso, sabemos que será um dos jogos mais importantes da história do futebol e que é apreciado, mas queremos vencer e é por isso que vamos trabalhar”.
O Boca Juniors se torna a equipe com mais finais disputadas de Libertadores. Com essa classificação diante do Palmeiras, os bosteros chegam com uma marca de 11 finais disputadas.
Enzo Matheus (245 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta