Notícias

Futebol Internacional

Boca Juniors e River Plate fazem final da Supercopa

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Boca Juniors e River Plate fazem o jogo mais esperado da temporada no Futebol Argentino. O partida vale pela Supercopa Argentina, onde se enfrentam o campeão do último Campeonato Argentino e o último campeão da Copa Argentina

Boca Juniors e River Plate se enfrentam nesta quarta-feira (14/03), ás 21;00 horas, horário de Brasília, válido pela Supercopa Argentina.

Histórico de finais e momentos distintos vividos pelas equipes na temporada

A próxima quarta-feira será histórica para o futebol argentino. Boca Juniors e River Plate estarão frente a frente para decidir o título da Supercopa Argentina. O torneio, que teve início em 2012, nunca foi tratado com muita importância até então. No entanto, ganhou status de grande conquista neste ano exatamente por reunir os dois maiores clubes do país. Em mais de 100 anos de rivalidade, essa será apenas a segunda vez que Boca e River se enfrentarão em uma final.

A única vez que o “Superclásico” foi disputado em uma final ocorreu em 1976. Naquela temporada, o Campeonato Argentino teve a primeira fase dividida em quatro grupos. Boca e River foram vencedores das suas chaves e avançaram até a grande decisão. A final foi em jogo único e teve vitória Xeneize por 1 a 0.

Boca e River chegam para a decisão da Supercopa em situações completamente diferentes no Campeonato Argentino. Enquanto os Xeneizes lideram o torneio com oito pontos de vantagem para o vice-líder Talleres, os Millonários aparecem apenas no 18º lugar. Vinte e três pontos separam as duas equipes na competição.

Na última rodada do Campeonato Argentino ambas as equipes venceram nos acréscimos. O Boca, com Jara, fez seu gol que lhe deu a vitória e os oitos pontos de vantagem. O River, com um gol contra, também venceu.

São momentos diferentes vividos pelas equipes, mas em um clássico como esse tudo é possível. O River já mostrou isso nesse ano. No amistoso válido pelo Torneio de Verão, os Millonários venceram os bosteros por 1 a 0.

Equipes vão com o que tem de melhor no momento

Boca não terá apenas Gago e Benedetto, que estão fora desde o final do ano passado após passarem por cirurgia. Por outro lado o Boca mesmo sem esses dois jogadores importantes, Tevez vem fazendo seus gols na função de falso 9 e Nández vem atuando muito bem no lugar de Gago.

No River todos estão á disposição. O time que atuou na última rodada do argentino com uma equipe mista, vem ao Superclássico com o que tem de melhor para conquistar mais um título na era Gallardo.

Xeneizes e Millonários buscam primeiro título do torneio

O torneio que foi iniciado em em 2012, nunca teve os dois times de maior torcida na Argentina campeão. Boca e River acumulam dois vices-campeonatos na competição. O Boca Juniors foi vice em 2012 e 2015; o River Plate foi vice em 2014 e 2016.

As equipes buscam sua primeira taça na competição, com isso aumenta as expectativas para um clássico bem jogado e bastante disputado.

Tevez falou sobre essa grande final, e Gallardo falou sobre o que a equipe precisa fazer uma partida diferente

Sobre o momento que o Boca vive, Tevez comentou.

“Como grupo estamos bem. Creio que quando não jogamos bem, a equipe ainda consegue os resultados. Isso demostra a química dentro e fora do campo. Isso faz com que tenhamos consciência nos resultados e estamos há tempo na liderança.”

El Apache falou do momento distinto que vive ambas equipes.

“No Superclássico, e mais uma final, não tem favorito. São partidas distintas, diferentes. Não há comparação, é uma partida a parte e é uma final. Tem que desfrutar porque só se joga uma vez. Vamos fazer o possível para que quarta siga tudo normal.”

Gallardo falou sobre essa grande final.

“Temos que fazer uma partida diferente do que vemos fazendo. Há que pensar também que chegaremos animados para essa decisão, porque é melhor chegar ganhando que perdendo.”

Ficha técnica – Boca Juniors X River Plate

Horário e Transmissão: 21:00, horário de Brasília; Esporte Interativo e Fox Sports 2.

Local: Malvinas Argentina, Mendoza.

Árbitro: Patricio Lousteau.

Boca Juniors: Rossi; Jara, Goltz, Magallán, Fabra; Barrios, Nández, Pablo Pérez; Pavón, Cardona e Tevez. Técnico: Guillermo Barros Schelotto.

River Plate: Armani; Montiel, Maidana, Martínez Quarta, Saracchi; Ponzio, Nacho Fernández, Enzo Pérez, Pity Martínez; Mora e Pratto. Técnico: Marcelo Gallardo.

 

Clique na imagem para acessar o site

 

Enzo Matheus (233 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta