Notícias

Futebol Internacional

Bayern sufoca mas empata com Borussia fora de casa

f_337571

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Burki salva Borussia e segura o empate no Signal Iduna Park

Neste  sábado (05), Borussia Dortmund e Bayern de Munique empataram em 0 a 0, no Signal Iduna Park, pela 25ª rodada da Bundesliga 15/16. Com o empate, o Bayern segue líder do Campeonato Alemão, com 63 pontos, seguido do próprio Dortmundo, com 58.

A partida começou muito movimentada no Signal Iduna Park. Com muita velocidade dos dois lados, as equipes produziram muitas chances nos 90 minutos. Mesmo com tanto volume, o jogo não saiu do zero, graças as excelentes atuações dos goleiros Neuer e, principalmente, Burki, que impediram as investidas das duas equipes com defesas incríveis.

Primeiro tempo em alta voltagem

Com cinco pontos de diferença para o líder Bayern, o Borussia tinha, no clássico de hoje, a chance de poder encostar e continuar sonhando com o título alemão. Na primeira jogada da partida, Reus ajeitou para o pé direito e foi travado por Kimmich na hora certa. O Bayern devolveu na mesma moeda: Douglas Costa saiu em velocidade pela esquerda e chutou para fora.

Com muita velocidade no ataque, as duas equipes levavam perigo. Mkhitaryan achou Aubameyang que driblou Kimmich e bateu para a defesa de Neuer. Com algumas dificuldades para manter a posse de bola no início da primeira etapa, o Bayern via em Douglas Costa a válvula de escape da equipe bávara. Em outra escapada pela esquerda, o ponta brasileiro encontrou Vidal dentro da área, que tocou bonito e assustou Burki. Minutos depois, Douglas recebeu livre e, cara a cara com o goleiro do Dortmund, perdeu uma chance inacreditável.

BVB_FCB_09_IMA_050316.variant525x310

Dali em diante, o Bayern conseguiu interceptar os contra-ataques do Borussia, manter a posse de bola e levar mais perigo ao gol amarelo. Primeiro, Vidal fez boa jogada e achou Lewandowski. O atacante bateu para o gol e, se não fosse o desvio providencial da defesa do Borussia, o placar seria aberto. Na sequência, Xabi Alonso cobrou escanteio na cabeça de Muller, que foi interceptado por Hummels.

Só dava Bayern no fim do primeiro tempo. Robben trouxe pela direita, passou para Muller que bateu colocado. O lateral Durm, no momento certo e na hora certa, salvou o Dortmund. Nos últimos minutos, o ponta holandês assustou em bom lance pela direita. Fazendo o clássico “corta para dentro e bate”, Robben acertou um chute cheio de veneno, que triscou a trave. O primeiro tempo terminou com um aperitivo do que seria o segundo.

Bayern domina mas não tira o zero do placar

Se a reta final do primeiro tempo foi de domínio do Bayern, a segunda etapa pode ser considerada um massacre bávaro. Com a posse de bola em seus pés e com o recuo do Borussia, o Bayern amassou a equipe da casa durante os últimos 45 minutos. Robben recebeu na entrada da área e bateu rateiro para a defesa de Burki. Minutos depois, Muller fez boa jogada pela direita e cruzou para Vidal cabecear e assustar o Borussia.

O Bayern seguia pressionando e levando muito perigo com Robben. O holandês recebeu ótima lançamento de Xabi Alonso, saiu de frente com Burki e bateu rasteiro para a defesa do goleiro suiço. Na sequência, Vidal recebe na entrada da área e solta uma bomba. Burki opera um milagre e a bola ainda bate na trave, antes de sair.

BVB_FCB_15_GET_050316.variant846x476

Com o Borussia estacionado no campo de defesa, o Bayern arriscava sempre que podia. Robben recebeu de Douglas Costa, mas mandou muito longe do gol. Na sequência, Vidal bateu colocado de fora da área mas sem direção. No desespero, Xabi Alonso interceptou contra-ataque do Borussia e, ao ver Burki adiantado, chutou do meio-campo, sem sucesso. Nos minutos finais, Muller teve a última chance para dar a vitória ao Bayern, mas pegou torto. Fim de jogo, 0 a 0 e o Bayern segue líder da Bundesliga.

Ficha técnica – Borussia Dortmund x Bayern de Munique
Data: 05/03/2016
Local: Signal Iduna Park
Arbitro: Tobias Stieler

Prováveis escalações:

  • BORUSSIA DORTMUND: BÜRKI; PISZCZEK, S. BENDER, HUMMELS, SCHMELZER; WEIGL; GÜNDOGAN (SAHIN MIN. 90+1), DURM; H. MKHITARYAN, REUS (RAMOS MIN. 81); AUBAMEYANG. TÉCNICO: THOMAS TUCHEL
  • BAYERN DE MUNIQUE: NEUER; LAHM, KIMMICH, ALABA, JUAN BERNAT; XABI ALONSO (BENATIA MIN. 90), VIDAL; ROBBEN, DOUGLAS COSTA (RIBERY MIN. 75), MULLER; LEWANDOWSKI. TÉCNICO: PEP GUARDIOLA
Pedro Chagas (134 Posts)


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta